O Diário Oficial do Município desta sexta-feira (27/03) publica a Portaria Nº 09/2020, assinada pelo secretário municipal de Transporte e Trânsito, Antônio Clóvis Pinto Ferraz (Coca Ferraz), autoridade de trânsito do município de São Carlos, suspendendo no período de 27 de março a 30 de abril de 2020 a fiscalização por meio dos três radares móveis.

Nesta terça-feira (21), o vereador Malabim (PTB) na primeira sessão ordinária deste ano, fez uso da tribuna da Câmara Municipal e questionou um atendimento que aconteceu na urgência/emergência da Santa Casa. 

O parlamentar foi informado que um paciente que possuía plano de saúde, teria utilizado o Samu e foi atendido preferencialmente no referido hospital. 

O parlamentar disse que foi até a Santa Casa acompanhado do secretário municipal de Saúde, Marcos Palermo para observar e buscar soluções para o ocorrido. “Na Santa Casa observamos que o Samu foi acionado para um paciente que possui plano de saúde. A ambulância o levou para a Santa Casa e entrou para ser atendido na urgência/emergência por outra entrada. Enquanto isso as pessoas que não tem condições de pagar um plano de saúde ficaram na fila esperando para ser atendidas por 2h a 3h”. Enquanto isso, uma pessoa que tem plano, entra por outra porta e é atendida preferencialmente, sendo que ela tem a urgência/emergência do seu plano de saúde”, reclamou Malabim. 

Malabim informou que pretende se reunir com Marcos Palermo, diretores da Santa Casa e a direção dos planos de saúde de São Carlos no intuito de não permitir que isso ocorra mais.

 



Comentário(s) 

+2
paciente impaciente | 23 Janeiro 2020
Na santa casa ocorrem fatos estranhos. Membros da maçonaria são atendidos com privilégios. Cidadãos humildes são relegados a segundo, terceiro, quarto, ou quinto plano. Por quê?