NESTA SEGUNDA-FEIRA (27/01/2020) OS RADARES ESTARÃO OPERANDO NOS SEGUINTES LOCAIS: 

RADAR 1 - AVENIDA HENRIQUE GREGORI (BAIRRO/SHOPPING) VELOCIDADE MÁXIMA PERMITIDA DE 60 KM/H; 

RADAR 2 – AVENIDA HENRIQUE GREGORI (SHOPPING/BAIRRO) VELOCIDADE MÁXIMA PERMITIDA DE 60 KM/H;

 RADAR 3 – RUA RUI BARBOSA (CENTRO/BAIRRO) VELOCIDADE MÁXIMA PERMITIDA DE 40 KM/H.

Uma comitiva formada por diversos vereadores, liderados pelo presidente do Legislativo Lucão Fernandes, secretário da Habitação e Desenvolvimento Urbano, João Muller, chefe de gabinete da Prefeitura de São Carlos, José Pires (Carneirinho), presidente da ACISC José Fernando Domingues, Paulo Gullo presidente do SINCOMÉRCIO e o engenheiro André Fiorentino, estiveram reunidos na tarde desta terça-feira (07) no Palácio dos Bandeirantes, onde participaram de uma audiência com o secretário de Desenvolvimento Regional, Marco Vinholi e pelo secretário-chefe da Casa Militar e Coordenador da Defesa Civil do Estado, Coronel Walter Nyakas Júnior. O pré candidato a prefeito pelo PSDB de São Carlos, Netto Donato, também acompanhou a audiência. 

O encontro serviu para as autoridades discutir e pactuar soluções no intuito de enfrentar os problemas causados pelas enchentes que São Carlos vive há muitos anos. João Muller, Fiorentino e o presidente da ACISC, fizeram uma rápida explanação dos problemas causados pelas chuvas e apresentaram ao secretário Vinholi duas demandas.

Uma no valor de R$ 2,5 milhões para recompor os danos causados pelas duas chuvas deste ano que atingiram 204mm. A segunda demanda foi na obtenção de R$ 10 milhões para obra de ampliação da vazão de água da rotatória do cristo. 

Vinholi atendeu a comitiva de São Carlos de forma muito rápida, a audiência não durou 30 minutos. No final ele disse que iria analisar as demandas apresentadas e enviar uma equipe ainda esta semana para São Carlos a fim de avaliar os estragos e as possíveis obras. Vinholi deixou rapidamente a sala onde ocorreu o encontro, alguns jornalistas que acompanhavam a audiência, tiveram de correr atrás do mesmo para obter uma entrevista. 

A maneira que o secretário Vinholi conduziu o encontro e sua resposta, irritou o presidente da Câmara, Lucão Fernandes. O vereador, bem como toda a comitiva, estava aguardando uma resposta positiva do secretário, porém irão ter de aguardar mais um pouco. 

O clima de insatisfação ficou visível no saguão de entrada do Palácio dos Bandeirantes. Vinholi estava se preparando para posar para uma foto com toda a comitiva são-carlense, quando teve início uma discussão entre ele e Lucão. No final o secretário fez a foto e foi embora visivelmente irritado com a situação.



Comentário(s) 

+1
cesar | 08 Janeiro 2020
O Lucão só foi para atrapalhar, discutiu com o "dono" do dinheiro, falta de bom senso. O Netto Donato foi fazer o que nesta reunião, resumindo está com o Boné, perdeu meu voto. Em ano eleitoral e ultimo ano do Boné, agora que ele vai tentar resolver o problema de enchente, já era sua reeleição, aliás vamos trocar todos e até quem anda com eles (Netto).
-2
Hamas | 08 Janeiro 2020
Nada de mais , afinal quando que um governo tucano fez alguma coisa por São Carlos ? só migalhas e humilhações.