NESTA SEGUNDA-FEIRA (12/11/18) OS RADARES MÓVEIS ESTARÃO NAS SEGUINTES VIAS: 

RADAR 1 – RUA LOURENÇO INNOCENTINI (BAIRRO/CENTRO) VELOCIDADE MÁXIMA PERMITIDA DE 50 KM/H; 

RADAR 2 - RUA LOURENÇO INNOCENTINI (CENTRO/BAIRRO) VELOCIDADE MÁXIMA PERMITIDA DE 50 KM/H. 

RADAR 3 - RUA DR. MARINO DA COSTA TERRA (CENTRO/BAIRRO) – VELOCIDADE MÁXIMA PERMITIDA DE 50 KM/H.

O ex-vereador Aparecido Donizetti Penha, que ocupava a função de diretor de Defesa da Pessoa com Deficiência da secretaria que leva o mesmo nome, pediu a exoneração do cargo. O ofício com cinco páginas foi entregue ao prefeito Airton Garcia e também publicada pelo ex-vereador em sua rede social. Penha expos no documento várias situações conflituosas na pasta e admitiu que muitas das suas ações eram encaradas como quebra de hierarquia por parte do secretário José Paulo Gomes e da chefe de Gabinete, Carla Campos.

“Não obtive qualquer deliberação formal ou orientação sobre quais são as políticas adotadas pelo secretário e chefe de Gabinete que são meus superiores hierárquicos, porém quando tomamos providências em defesa das pessoas com deficiência, função esta que penso: devo exercer, sou questionado e orientado que não posso assim proceder, sem o aval dos mesmos, o que torna o meu trabalho ineficaz e totalmente subserviente”, desabafou no documento enviado ao prefeito.

Na mesma carta, Penha fala da “síndrome de pequeno poder” intrínsecas nas ações do comando da secretaria, “ignorando o fato de incidir diretamente no sofrimento dessa comunidade, que vem ao longo de décadas lutando na busca de seus direitos, porém recebem apenas tratamentos assistencialistas, esmolas e migalhas de políticas públicas sofríveis em todos os níveis: federal, estadual e municipal”.

Penha diz que a decisão é irreversível e que confidenciou que recebeu um convite do coronel Samir Gardini para integrar a Secretaria de Segurança Pública, uma vez que foi policial militar por 30 anos.



Comentário(s) 

0
cesar | 08 Novembro 2018
Penha, abandona, foi vereador e como você disse, não conseguiu aprovar nada, agora tentou novamente um cargo municipal e não conseguiu nada, aposentado e ganhando bem, vai se divertir e cuidar da sua vida e de sua família, sei que você quer ajudar, mas eles só querem benefícios.