NESTA SEXTA-FEIRA (25/09) OS RADARES ESTARÃO OPERANDO NOS SEGUINTES LOCAIS: 

RADAR 1 - RUA MIGUEL PETRONI (CENTRO/BAIRRO) VELOCIDADE MÁXIMA PERMITIDA DE 50 KM/H; 

RADAR 2 - AVENIDA JOÃO DE GUZZI X RUA MARCOS VINICIUS DE M. MORAES - VELOCIDADE MÁXIMA PERMITIDA DE 60 KM/H; 

RADAR 3 - AVENIDA HENRIQUE GREGORI (SHOPPING/BAIRRO) VELOCIDADE MÁXIMA PERMITIDA DE 60 KM/H.

 

 

A Polícia Civil deteve dois homens, de 24 e 30 anos, que foram flagrados transportando mais de 50 tabletes de maconha. A ação aconteceu nesta terça-feira (11), no distrito de Bonfim Paulista, no município de Ribeirão Preto. Um carro também foi apreendido durante a ação.

Agentes da Delegacias de Investigações Gerais (DIG) e Sobre Entorpecentes (Dise) receberam, há cerca de uma semana, a informação de que suspeitos residentes na cidade de Uberaba (MG), utilizariam a Rodovia Atílio Balbo como parte do trajeto para transportarem grande quantidade de entorpecentes. 

Desde a última sexta-feira (7), as equipes passaram a monitorar a quadrilha, sendo que nesta terça realizaram campana policial nas rodovias próximas a cidade de Sertãozinho e, no começo da manhã, localizaram o veículo VW/Polo prata seguindo pela Rodovia José Fregonesi.

O carro foi flagrado indo em sentido ao Distrito de Bonfim Paulista, sendo que logo a frente seguia uma moto com dois homens, o que gerou suspeita dos policiais. Imediatamente foi solicitado apoio de outras equipes de policiais, que iniciaram o acompanhamento do veículo.

O carro e a moto foram interceptados em um posto de gasolina já no referido distrito e, durante buscas, foram localizados 52 tabletes de maconha prontos e embalados para a distribuição, totalizando mais de 42 quilos, que foram apreendidos para perícia. 

O condutor da moto foi identificado como mototaxista e alegou estar trabalhando e não saber sobre o transporte da droga. O garupa e o motorista do carro foram presos em flagrante e indiciados por tráfico de drogas. Dois celulares, U$ 2 e o automóvel foram apreendidos.



Adicionar comentário

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do Portal SCDN. Se achar algo que viole as regras de uso, denuncie.


Código de segurança
Atualizar codigo