O Diário Oficial do Município desta sexta-feira (27/03) publica a Portaria Nº 09/2020, assinada pelo secretário municipal de Transporte e Trânsito, Antônio Clóvis Pinto Ferraz (Coca Ferraz), autoridade de trânsito do município de São Carlos, suspendendo no período de 27 de março a 30 de abril de 2020 a fiscalização por meio dos três radares móveis.

A Polícia Civil liberou o motorista de aplicativo de 42 anos acusado de atirar na mão de um guarda municipal de São Carlos durante uma briga de trânsito na tarde desta segunda-feira (10) na região do Shopping Center.

O motorista disse ao delegado de plantão que foi o guarda foi quem iniciou a briga e ele ainda chegou a ser agredido por outros agentes da GM na sequencia da ocorrência. Ele responderá pelo crime de lesão corporal dolosa. Já a conduta do GM que foi baleado será apurado pelo fato dele estar armado em horário de folga á era de sua propriedade e ele não estava de serviço.

"Ainda não se sabe qual foi a razão principal, está sendo apurado. Mas a verdade é que houve um entrevero entre os dois, o indivíduo acabou tomando a arma do guarda e efetuou os disparos", explicou o secretário municipal de Segurança Pública, Samir Guardini.

O motorista declarou que levou um soco na cabeça e que foi ameaçado pelo agente de segurança com uma arma de fogo. Foi nesse momento que os dois entraram em luta corporal, com o objetivo de desarmar o guarda.

O motorista se apoderou da arma e atirou duas vezes no chão, mas um terceiro tiro acidental atingiu a mão do guarda.

O motorista ainda alegou na Polícia Civil que foi agredido por outros guardas municipais que estavam de serviço que chegaram para prestar atendimento na ocorrência. Um crime de abuso de autoridade também será apurado pela Polícia Civil.



Comentário(s) 

Hamas | 11 Março 2020
O pretoriano da guarda foi arrumar com um cara do exército e que ainda luta box , se deu mau , é essa gente que quer sair de armas na rua para nos "proteger" despreparo psicológico dessa turma é zero , imaginem o que não vão fazer com as pessoas da periferia da cidade o melhor questionamento disso fez o vereador Azuaite na câmara.
cesar | 10 Março 2020
Isso é apenas o começo, muitas pessoas armadas e agora com o clube de tiro, todos pensam que a guia de transporte se equipara ao porte, então muitos cidadãos armados pela cidade e valente.