NESTA SEGUNDA-FEIRA (27/01/2020) OS RADARES ESTARÃO OPERANDO NOS SEGUINTES LOCAIS: 

RADAR 1 - AVENIDA HENRIQUE GREGORI (BAIRRO/SHOPPING) VELOCIDADE MÁXIMA PERMITIDA DE 60 KM/H; 

RADAR 2 – AVENIDA HENRIQUE GREGORI (SHOPPING/BAIRRO) VELOCIDADE MÁXIMA PERMITIDA DE 60 KM/H;

 RADAR 3 – RUA RUI BARBOSA (CENTRO/BAIRRO) VELOCIDADE MÁXIMA PERMITIDA DE 40 KM/H.

Um acidente envolvendo dois carros e uma moto na rodovia Engenheiro Thales de Lorena Peixoto Júnior (SP-318), matou uma pessoa e deixou outras três feridas na noite desta segunda-feira (30) em São Carlos. 

O acidente aconteceu na altura do quilômetro 236, nas proximidades da Indústria São Carlos S/A. Segundo apurado o empresário são-carlense Rowilson Maricondi de 65 anos, conduzia um Fiat Doblô, Branco, Ano 2007, Placas de São Carlos, na pista sentido São Carlos – Ribeirão Preto, quando por motivos ignorados invadiu a faixa contrária e bateu de frente com VW Polo, Preto, Ano 2018, Placas de Piracicaba, ocupado por uma mulher de 36 anos e um jovem de 18 anos, ambos se feriram sem gravidade. 

Um motociclista que não teve a idade divulgada, seguia logo atrás do Polo, com uma moto Honda Titan 150, Prata, ele não conseguir frear a tempo e atingiu o carro, vindo ao solo em seguida e sofrendo ferimentos leves. 

Com a batida, Rowilson ficou retido entre as ferragens do seu veículo, ele não resistiu aos ferimentos e morreu ainda no local. As demais vítimas foram socorridas por equipes de resgate. 

Após o trabalho de perícia o corpo de Rowilson foi encaminhado ao Instituto Médico Legal (IML) de São Carlos. O acidente de trânsito com vítima fatal foi registrado no Plantão Policial.

Comoção - Sua morte causou uma grande comoção nas redes sociais. Rowilson era empresário e dono da Gráfica Romari. 



Adicionar comentário

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do Portal SCDN. Se achar algo que viole as regras de uso, denuncie.


Código de segurança
Atualizar codigo