NESTA TERÇA-FEIRA (10/12) OS RADARES ESTARÃO OPERANDO NOS SEGUINTES LOCAIS: 

RADAR 1 – RUA MIGUEL PETRONI (CENTRO/BAIRRO) VELOCIDADE MÁXIMA PERMITIDA DE 60 KM/H; 

RADAR 2 – AVENIDA DR. HEITOR JOSÉ REALLI (BAIRRO/RODOVIA) VELOCIDADE MÁXIMA PERMITIDA DE 60 KM/H; 

RADAR 3 – AVENIDA COMENDADOR ALFREDO MAFFEI (CENTRO/BAIRRO) VELOCIDADE MÁXIMA PERMITIDA DE 60 KM/H.

Na noite de terça-feira (26), um aposentado de 74 anos foi vítima de um suposto espancamento e morreu no início da madrugada de quarta-feira, na Santa Casa de Araraquara. Segundo informações do filho da vítima, o idoso, identificado como João Rodrigues da Silva, saiu para colher manga em sua horta, numa área rural próxima a Avenida Luiz Sotrati.

O filho, um homem de 41 anos, percebeu que o pai estava demorando para voltar e foi até o local, mas não o encontrou. Enquanto foi buscar o carro, viu um vizinho sair do terreno.

O homem parou o carro e viu quatro desconhecidos também saindo do terreno. Ele recebeu a ligação da esposa, que havia sido avisada por outro vizinho que seu pai estava caído no mato.

Dois vizinhos auxiliaram o filho da vítima e encontraram o idoso, ferido, apresentando um corte na cabeça e olhos muito inchados.

O filho perguntou ao pai o que havia ocorrido, e com dificuldades, disse que havia caído, mas não explicou de que maneira.

O idoso foi levado para a UPA do Vale Verde e levado a Santa Casa, porém não resistiu e morreu por volta de 1h30 da madrugada.

O corpo foi encaminhado ao IML para exames. O caso será investigado.



Adicionar comentário

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do Portal SCDN. Se achar algo que viole as regras de uso, denuncie.


Código de segurança
Atualizar codigo