NESTA SEXTA-FEIRA (14/08) OS RADARES ESTARÃO OPERANDO NOS SEGUINTES LOCAIS:

RADAR 1 - RUA MIGUEL PETRONI (RODOVIA/CENTRO) VELOCIDADE MÁXIMA PERMITIDA DE 60 KM/H;

RADAR 2 - RUA MIGUEL PETRONI (CENTRO/RODOVIA) VELOCIDADE MÁXIMA PERMITIDA DE 60 KM/H;

RADAR 3 - RUA MANOEL JOSÉ SERPA (CENTRO/BAIRRO) VELOCIDADE MÁXIMA PERMITIDA DE 40 KM/H.

A Polícia Militar de São Carlos (SP) prendeu um jovem de 21 de anos, nesta quarta-feira (23), suspeito de matar Luan da Silva, de 23 anos, durante um baile funk, em um conjunto de chácaras em Ibaté (SP), na madrugada de domingo (20). 

Segundo a PM, o jovem foi encontrado durante uma operação no bairro Antenor Garcia, em São Carlos, e conduzido à delegacia de Ibaté, onde o delegado responsável pelo caso, Gilberto de Aquino, pediu a prisão temporária dele. Em seguida, ele foi encaminhado ao Centro de Triagem. 

Investigação 

Segundo o boletim de ocorrência, Silva foi baleado com um tiro no peito e um na cabeça, enquanto discutia com outro homem na festa. 

O jovem foi levado para a Santa Casa de São Carlos por colegas que estavam na festa, mas não resistiu aos ferimentos. Uma mulher também foi agredida com uma garrafada na cabeça e precisou passar por atendimento médico. 

Quando a polícia chegou ao local não havia ninguém, mas os policiais comprovaram que havia ocorrido um evento e detectaram manchas de sangue no local. 

De acordo com o delegado, a polícia investiga se o autor dos disparos é a mesma pessoa que agrediu a amiga de Luan. 

“Além da vítima, uma pessoa recebeu uma garrafada no rosto. Ela sofreu um traumatismo facial e ficou internada. Nós estamos coletando informações para ver se esse mesmo indivíduo que matou o Luan é o autor da agressão contra essa moça, que foi atingida na testa”, disse.



Adicionar comentário

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do Portal SCDN. Se achar algo que viole as regras de uso, denuncie.


Código de segurança
Atualizar codigo