OS RADARES MÓVEIS ESTARÃO EM OPERAÇÃO NESTA SEGUNDA-FEIRA (17/6) NOS SEGUINTES LOCAIS:

RADAR 1 - AVENIDA TRALHADOR SÃO-CARLENSE (RODOVIÁRIA/USP) VELOCIDADE MÁXIMA PERMITIDA DE 60 KM/H;

RADAR 2 - AVENIDA BRUNO RUGGIERO FILHO (BAIRRO/shopping) - VELOCIDADE MÁXIMA PERMITIDA DE 60 KM/H;

RADAR 3 - RUA MIGUEL PETRONI - (RODOVIA/CENTRO) - VELOCIDADE MÁXIMA PERMITIDA DE 60 kM/H.

A manhã desta quarta-feira (09) começou de forma violenta em São Carlos. Alexssandro Bernado da Silva de 32 anos foi assassinado com seis tiros na região da cabeça no bairro Presidente Collor.

O crime aconteceu por volta das 6hs na Rua Luis Mascarim, onde segundo consta, um possível desentendimento entre a vítima e um indivíduo que ocupava uma motocicleta na cor preta, pode ter sido o motivo do assassinato. Vizinhos do local ouviram os barulhos dos disparos e foram para a rua verificar o que estava ocorrendo, foi onde avistaram um homem ocupando uma moto saindo em alta velocidade, e o corpo da vítima caído ao solo ao lado da calçada de uma residência.

A Polícia Militar foi acionada e rapidamente uma equipe do Rádio Patrulhamento Padrão (RPP) chegou ao local do crime e acionou pelo socorro da vítima, onde na chegada dos profissionais de uma Unidade de Suporte Avançado (USA) do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (SAMU), apenas o óbito de Alexssandro pode ser constatado.

Na rua, além de cápsulas de munições calibre 38 deflagradas e marcas de tiros em residências, uma motocicleta Honda CBX 250 Twister, Cinza, Ano e Modelo 2008, Placa de São Carlos/SP, registrada em nome da vítima, que foi localizada estacionada no lado oposto da via onde seu corpo foi encontrado. O corpo de Alexssandro foi removido pela Funerária de Plantão e encaminhado ao Instituto Médico Legal (IML) de São Carlos. O caso será investigado pelo 2º  Distrito Policial da Vila Prado e Delegacia de Investigações Gerais (DIG).



Adicionar comentário

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do Portal SCDN. Se achar algo que viole as regras de uso, denuncie.


Código de segurança
Atualizar codigo