NESTA SEGUNDA-FEIRA (16/09) OS RADARES MÓVEIS ESTARÃO OPERANDO NOS SEGUINTES LOCAIS: 

RADAR 1 - Rua Miguel Petroni (CENTRO/RODOVIA) VELOCIDADE MÁXIMA PERMITIDA DE 60 kM/H; 

RADAR 2 – Av. Francisco Pereira Lopes (USP/SHOPPING) VELOCIDADE MÁXIMA PERMITIDA DE 60 KM/H; 

RADAR 3 – Av. Comendador Alfredo Maffei (BAIRRO/CENTRO) VELOCIDADE MÁXIMA PERMITIDA DE 60 kM/H.

O Governador João Doria e o Secretário de Estado de Esportes, Aildo Rodrigues Ferreira, anunciaram nesta terça-feira (10) a implantação do Arena Hub. O projeto, que visa unir empresas, startups e ações inovadoras com foco em transformação social pelo esporte, será mantido por patrocinadores da iniciativa privada, por meio de cotas. 

As empresas mantenedoras contarão com visibilidade e propriedades comerciais e ainda terão acesso a todo o conteúdo promovido para o hub. Dentre as parceiras e formuladoras do projeto estão a Ernst Young, 2Simple, WeWork Labs e o Allianz Parque. O Arena Hub tem apoio do Governo do Estado e da Federação Paulista de Futebol. 

Trata-se do maior centro com foco em inovações para o esporte na América Latina e estará localizado na ala noroeste do Allianz Parque, zona Oeste da capital paulista, em uma área de 4 mil metros quadrados. 

“Essa ideia nasceu há sete meses, buscando uma iniciativa que pudesse ser transformadora, inclusiva e moderna pro esporte em São Paulo. Decidimos construir, a partir de várias mãos, um grande projeto”, declarou Doria. “Vai ser o maior centro de inovação de esporte na América Latina, nascendo aqui em São Paulo. Um espaço que pode receber até mil startups no mundo do esporte é transformador”, acrescentou o Governador. 

O espaço, com previsão de funcionamento no primeiro semestre de 2020, receberá até mil startups. Como parceiro da iniciativa, o Governo do Estado poderá utilizar as inovações produzidas no Arena Hub para competições, programas e ações em geral promovidas pela Secretaria de Esportes sem custo aos cofres públicos. 

O Arena Hub vai selecionar, prioritariamente, startups que atendam temas como engajamento dos fãs, performance humana, espaços e coisas inteligentes, capacitação, inteligência de negócios, e-sports, mídia e conteúdo e negócios de impacto social. As interessadas poderão se inscrever em um pré-cadastro disponível no site www.arenahub.com.br 

“É fundamental que o esporte seja cada vez mais uma poderosa ferramenta de inclusão social. Com o Arena Hub, temos um forte aliado neste trabalho: a inovação. Estamos muito satisfeitos por podermos utilizar dessa estrutura tão moderna”, destacou o Secretário de Esportes. 

O projeto auxiliará as startups no desenvolvimento de programas de aceleração e capacitação em conjunto com a WeworkLabs, 2Simple, parceiros da indústria e da própria Federação Paulista de Futebol.


 



Adicionar comentário

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do Portal SCDN. Se achar algo que viole as regras de uso, denuncie.


Código de segurança
Atualizar codigo