OS RADARES MÓVEIS ESTARÃO EM OPERAÇÃO NESTA QUARTA-FEIRA (22/5) NOS SEGUINTES LOCAIS:

RADAR 1 - Rua Coronel José Augusto de O. Salles (centro/BAIRRO) VELOCIDADE MÁXIMA PERMITIDA DE 50 KM/H;

RADAR 2 - Rua Coronel José Augusto de O. SalleS (BAIRRO/centro) VELOCIDADE MÁXIMA PERMITIDA DE 50 KM/H;

RADAR 3 – Av. Morumbi (CENTRO/bairro) VELOCIDADE MÁXIMA PERMITIDA DE 50 kM/H.

Em um sábado (11) de tarde de sol encoberto, o São Carlos deu o chute inicial contra o Piratas na cidade de Americana. Pressionando e dominando no começo da partida, os rinocerontes deixavam chances de marcar escapar por alguns erros. Contudo, aos 12 minutos, depois de uma bela invertida de bola, Luis Cameirão rompeu a defesa adversária e avançou por 40 metros antes de abrir o placar para os auri-rubros. Sem a conversão, o São Carlos fazia 5 a 0.
 
Jogando em casa, o Piratas se pôs a correr atrás do prejuízo, mas esbarrava na melhor defesa da competição sem poder fazer muito. Recuperando a posse de bola, o São Carlos voltou às suas investidas contra a defesa até que Glauco Anelli, numa bela rompida na defesa adversária, fez mais um try para o São Carlos. Dessa vez, Cameirão converteu. Os rinocerontes faziam 12 a 0 e administravam o placar até o encerramento do primeiro tempo.
 
O começo do segundo tempo começou com um bom ímpeto do Piratas, mas, novamente, a equipe americana esbarrava na defesa rinocerontina. Ainda que se mantivesse firme, a defesa do São Carlos acabou cometendo um tackle alto e, por estar dentro dos seus 22 metros, foi punida com um penal try. O placar ficava em São Carlos 12 x 7 Piratas e faltavam 23 minutos para o fim da partida.
 
Foi, então, que a chuva resolveu dar as caras e tratou de deixar as chuteiras encharcas, o jogo pesado e aumentar o número de knock ons. Ambas as equipes penavam muito pra avançar e o jogo ficou resumido à intermediária. Num dos poucos avanços dentro da lina  de 5 metros, o São Carlos foi agraciado com um knock on do Piratas e conseguiu empurrar o scrum adversário até que Jean Ferrarini, capitão da equipe, conseguisse avançar com a bola e, mesmo com dois adversários o tentando levar ao chão, marcasse um try para o São Carlos. O relógio marcava 33 minutos do segundo e Cameirão converteu de novo; dado que os rinocerontes se mantiveram firmes na defesa, estes também foram os pontos finais da partida: São Carlos 19 x 7 Piratas.
 
"Acredito que estamos começando a demonstrar uma constância de rendimento de um jogo para o outro, sem deixar de evoluir! É importante manter isso para criar uma postura forte para a parte final do campeonato", comentou Arthur Pinheiro, treinador da equipe. "Do mais, fomos mais organizados no ataque, porém ainda precisamos aproveitar melhor os espaços criados na defesa. Já na defesa, fomos muito bem nos tackles, lutando pelos espaços; mas precisamos segurar a intensidade mais alta ao longo da partida, para forçar o erro do adversário o quanto antes", completou.
 
Com o resultado, o São Carlos salta para a terceira posição (2 pontos atrás do líder) e se mantém com a melhor defesa da competição, com apenas 19 pontos sofridos em 3 jogos.
 
A equipe, agora, foca no São Bento, seu próximo adversário. A partida será em São Carlos, no Campo de Água Vermelha, no dia 25 de maio, às 15h. A entrada, como sempre, é gratuita.
O São Carlos é patrocinado pela Fisio & Cia, pela Espaço Saúde Academia, pela Unicep e pelo Bar do Alex e conta com o apoio da Prefeitura Municipal de São Carlos, da Contabilidade Valverde e das Atléticas e Departamentos Esportivos da UFSCar e USP.
 

SÃO CARLOS 19 x 7 PIRATAS
Escalação
1 Elton Tanis, 2 Bruno Turci, 3 Leonardo Carniato, 4 Jean Marc Volland, 5 Rafael Milani, 6 Esteban Alvarez, 7 Octavio Gorla, 8 Jean Ferrarini (C), 9 Igor de Mello, 10 Raul Nunes, 11 Eduardo Almeida, 12 Glauco Anelli, 13 Luis Cameirão, 14 Pedro Vincenzi, 15 David Camargo, 16 Ezequiel Alvarez, 17 Jackson Bonelli, 18 Arthur Sargentini, 19 Felipe Santos, 20 Vitor Marcato, 21 Flávio Batistette, 22 João Pedro Leal, 23 Vinicius Imato

Tries
Luis Cameirão, Glauco Anelli e Jean Ferrarini

Conversões
Luis Cameirão (2)
 
 
 
 
 
ResponderResponder a todosEncaminhar


Comentário(s) 

0
Jornalismovaicomdeus | 29 Maio 2018
Não conseguimos mais ser informados com a verdade.
Todo anunciou chamativo ( O famoso CB) criamum anuncio afirmando algo, quando entra na notícia é somente suposição ou rumores, ou como está não condiz com o chmado;
“Diz que está conseguindo manter abastecimento de sua frota”
Mas na notícia diz que reduziram, então não estão conseguindo, mesmo que tenha reduzido frota para durar, pois mesmo assim não estão conseguindo!
Já chega a globo, isto é, veja etc serem assim agora até independentes também!
# (-_-) (-_-)