Av. João de Guzzi
(sentido Bairro/Centro)
60 km/h
Rua Ray Wesley Herrick
(sentido Centro/Bairro)
50 km/h
Rua Ray Wesley Herrick
(sentido Bairro/Centro)
50 km/h

"Você sabe que o Brasil passa por uma grande crise econômica", inicia a narração da propaganda da Prefeitura de São Carlos. Até aí, tudo bem! Não existe mentira. "O que pouca gente sabe é que a Prefeitura de São Carlos está se preparando para enfrentar a crise há muito tempo", continua o texto narrado por uma bela moça. É aí que começam as inverdades. Se a Prefeitura de São Carlos tivesse se preparado para a crise não havia cortado horas extras, meio período de trabalho público, o prefeito não tinha chorado tanto nas redes sociais, não tinha criticado tanto o  Newton Lima e o Barba... e por aí vai.

Mais mentiras

"A Prefeitura encarou de frente os problemas da cidade e pagou mais de R$ 75 milhões de dívidas do passado". MENTIRA!. O dinheiro foi saqueado pelo Tesouro Nacional. Se a liminar do escritório Andreolli, de Curitiba, que é denominado pelo prefeito de petista, fosse mantida, o senhor prefeito continuaria pagando R$ 158 mil da dívida!

Rindo litros

A narração continua: "acabou com 150 cargos de confiança". PIADA DE MAU GOSTO! A grande maioria dos cargos foi retirada do poder após ação civil pública do promotor Luiz Carlos Santos de Oliveira. Quem acabou com a farra de cargo de confiança foi a Justiça por iniciativa do promotor. Quanta demagogia!

Rindo litros II

Mais uma: "cortou secretarias". TENHA A SANTA PACIÊNCIA! É MENTIRA! Até hoje, a Prefeitura não cortou nenhuma secretaria, aliás alimenta um Orçamento Participativo que não promove porcaria nenhuma. Não representa nada à sociedade. O que a Prefeitura "CORTOU NAS SECRETARIAS" esse seria o termo correto, foram dois secretários até então inexpressivos. Infância e Juventude, que hoje é acumulado pela Cidadania, Ciência e Tecnologia e Coordenadoria de Meio Ambiente, que são tocadas por diretores.

Espetáculo de horrores

"Para arrumar a cidade, começamos pela parte mais difícil, que foi sacrificar o presente, fazer economia, para garantir um desenvolvimento sustentável da cidade do futuro", diz a propaganda. Só não conta os desastres da administração antes do bloqueio. Mais de uma dezena de secretários trocados, licitações que ficaram encrustadas, show de arrogância e prepotência do 'patrãozao'

Fim do espetáculo

"A gente não sabe quando essa crise vai passar, mas do que a gente tem certeza é que quando a crise passar, quase nenhum município no Brasil estará tão forte e tão preparado para avançar quanto a cidade de São Carlos", fala a Bela Dona. De fato, a dívida apresentou um quilométrico avanço em sua redução. Não somos hipócritas em não admitir o fato, mas tudo em função da arrogância, da prepotência e da mania de perseguição que tem do PT. É um megalomaníaco que tem 80 motivos para se preocupar com a sua situação. O povo não é bobo!

Fim do espetáculo II

ESTA PEÇA 'COLUNÁRIA' NÃO CUSTOU NENHUM CENTAVO AOS COFRES PÚBLICOS. Mas se você quiser assisti-la,

. Dica: tome um Omeprazol antes e um Sonrisal  depois.

Zelo

Este é o desleixo em aprovar uma peça publicitária que não condiz com a verdade. É nessa hora que lembro do meu amigo Arnesto, que é tucano de quatro costados. Com a sensatez que lhe é peculiar, não deixaria passar uma barbaridade dessa! É, Arnesto! Só você para conter um desvairado. Infelizmente, foi retirado. Lembramos também de outro amigo. Leandro Severo. Tinha olhar acurado na análise das peças publicitárias!

Vigilantes

Leitores, fiquem atentos. Prestem a atenção na mudança de conduta editorial de alguns. Por dinheiro, o buraco e o vazamento de água se transformam em flores, plantas e paisagens. As carapuças foram arremessadas!

Xiiiii Falha Nossaaaa

Descobrimos através de um dos nossos informantes do CIAP (Central de Inteligência da Ácidas da Política) que a obra de reforma  do refeitório do SAAE foi paralisada, pasmem, por causa de erro na elaboração da planilha de execução do projeto.

Tipo assim

O projeto previa a retirada de pisos, mas não previa colocar o piso.

Tipo assim II

O projeto previa demolir uma parede e não retirar o entulho. Por essas e outras a empresa contratada não teve mais como dar sequencia na reforma. Percebendo a falha a autarquia está agora, refazendo a planilha de execução. Enquanto isso o pessoal fica amontoado naquilo que eles estão chamando de "Mangueirão do Pepino".

Tipo assim III

Cabe nesse caso aquela musiquinha do Vínicius de Moraes: "Era uma casa / Muito engraçada / Não tinha teto / Não tinha nada / Ninguém podia / Entrar nela, não / Porque na casa / Não tinha chão...

Bronca

Outro membro do CIAP, também informou que a secretária de Educação Regina Célia Garcia Fonseca, levou um puxão de orelha do Departamento Jurídico da Prefeitura, depois de distribuir um email para todas as escolas, proibindo a entrada dos diretores do SINDSPAM.

Bronca II

Em contato com o sindicato, os diretores informaram que nesta semana, não tiveram dificuldades de acessar as escolas visitadas. Pelo visto o puxão de orelha doeu.

Relatório

Esta semana na rede social, tinha uma protetora independente dos animais, brava com o pessoal do Departamento de Proteção Animal da Prefeitura. A mulher disse havia enviado um pedido de ajuda, via WhatsApp  para um fiscal verificar uma vaca presa em uma área do Jardim Zavaglia, sem água e bastante magra.

Relatório II

A reclamação dela foi que o fiscal simplesmente a bloqueou no WhatsApp e nem deu bola para o seu pedido de ajuda. "To de saco xeio d perdir (sic) apoio da prefeitura pra casos q eles deveriam ser os únicos responsáveis! ELES GANHAM PRA ISSO", desabafou. Por fim ela mandou a turma a merda.

#fica a dica

Nós sabemos muito bem que o Departamento de Defesa e Controle Animal da Prefeitura é controlado por cargos da vereadora Laíde Simões (PMDB). E aí, dona Laíde? A senhora que tem um trabalho exemplar de cuidado aos animais, sabe deste descaso praticado?

# fica a dica II

E o senhor Jilverson Moraes, que é o diretor do Departamento? Não vai tomar providências e ouvir o relato da moça? E o senhor José Carlos Correa? Vai permanecer calado diante da situação? E a Corregedoria da Prefeitura? Vai permanecer inerte diante do relato?

Bom feriado e até quarta

"Às vezes, a única coisa verdadeira num jornal é a data" (Luis Fernando Veríssimo). Fale conosco: Este endereço de email está sendo protegido de spambots. Você precisa do JavaScript ativado para vê-lo.



Adicionar comentário

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do Portal SCDN. Se achar algo que viole as regras de uso, denuncie.


Código de segurança
Atualizar codigo