Av. João de Guzzi
(sentido Bairro/Centro)
60 km/h
Rua Ray Wesley Herrick
(sentido Centro/Bairro)
50 km/h
Rua Ray Wesley Herrick
(sentido Bairro/Centro)
50 km/h

Marquinho Amaral devolveu nove projetos à Prefeitura de São Carlos. Isso é notícia velha. Mas o ato do presidente da Câmara deixa claro uma coisa: o Legislativo precisa de um comandante que mantenha a postura de independência, caso contrário a vereança pode ser usada como a máquina que pavimentará a reeleição de Altomani. Leia o que está nas entrelinhas.

Acordo

No acordo de pauta da sessão da última terça-feira, Marquinho deixou claro que não iria engolir essa história de nove projetos chegarem à Câmara, em regime de urgência especial, para serem votados no mesmo dia.

Ajambrado

A história dos projetos com "erros burocráticos" tem seu fundamento. Mas alguns da base aliada de Altomani queriam empurrar todos os projetos para a votação.

Aqui não, bichão!

Marquinho não permitiu essa manobra e devolveu os nove projetos à Prefeitura.

Jogo

Aqui já falamos que a eleição para a presidência da Câmara é algo muito incerto, que se decide na prorrogação. Há um temor que, dependendo do presidente eleito, quem vai mandar na Câmara será Júlio Soldado. Aí, o alicerce construído por Marquinho desmorona.

Alternativa

Aí é que entra a figura de Edson Fermiano. Tem gente nos bastidores que entende que o "doutor" pode segurar o ímpeto miliciano dos andares mais superiores do Paço. Mesmo com toda a mágoa que alguns vereadores guardam de Fermiano por congelar os salários. Medida considerada demagógica por muitos.

Neutralizar

Nessa altura do jogo político, em que já se começa a discutir a reeleição para prefeito, o Vatucano pensa em neutralizar uma grande força política: o PMDB.

Medo

O Vatucano entende que entregar a presidência da Câmara ao PMDB seria como assinar o atestado de óbito do projeto político dos pássaros em São Carlos. A movimentação política está muito interessante nessa altura do campeonato.

Cochicho

A cerimônia do  4 de novembro estava quase se encerrando. O cerimonialista Ivan Lucas havia se despedido do público, quando Altomani chega ao ouvido dele e cochicha: "fala no microfone: força, Altomani!". Obediente, Ivan então fala: "Força, Altomani!".

Importado

Altomani continua na saga de devolver São Carlos aos são-carlenses. Trouxe para ser coordenar o Meio Ambiente Genê Catanozi. Ex-secretário do Meio Ambiente de...Araraquara!

Revolta

O pessoal da Educação está revoltado com a Prefeitura. O motivo é que algumas diretoras estão informando aos servidores que as férias não serão pagas em dezembro por falta de dinheiro.

Mal educados

Aliás, servidores estão reclamando do péssimo atendimento dos servidores do 1º andar da administração. Dizem que a falta de educação começa nos office-boys e termina na chefia. É nóis!

Sindicato

O Sindspam está acompanhando essa questão das férias dos professores e até informou a Prefeitura que a proposta dela fere o Estatuto da Educação. A Prefeitura parece que está voltando atrás e deverá fazer uma nova propostas nos próximos dias.

Enquanto isso...

O procurador Waldomiro Bueno goza de férias até o dia 14 de novembro. Engraçado, no plano de contenção de despesas as férias não foram canceladas? Ou será que Waldomiro não está sendo remunerado pelo descanso?

Língua

Chireia e José Carlos Corrêa, ambos da secretaria de Serviços Públicos, tiveram uma discussão feia nos bastidores. Dizem que a língua grande de Chireia provocou a briga. Será?

Nem meio, nem inteiro nem nada

Meio Ambiente. Palavra bonita e na moda. Aqui em São Carlos o nosso Meio Ambiente vai de mal a pior. A cidade está um verdadeiro lixão, por todos os cantos onde se passa, existe descarte de entulho. Nossos rios, cada dia sofrendo mais por causa de erosões e assoreamentos. Sem falar na sujeita. É seu Gêne o senhor que veio com a missão de melhorar o relacionamento da Prefeitura com alguns órgãos fiscalizadores, terá muito, mas muito trabalho pela frente.

Coincidência

Será apenas coincidência? Altomani essa semana disse que um "probleminha" com o Ministério Público na área de Meio Ambiente, atrapalhou o início das obras da fábrica Airship. Em 10 de outubro em uma solenidade Paço, o mesmo Altomani, entregou aos representantes da fábrica o alvará para o início das obras.

Coincidência II

Paulo Tau que até onde sabemos, não entendia patavina nenhuma de Meio Ambiente, acabou rodando do cargo de Coordenador da pasta, quase que simultaneamente ao anúncio do "probleminha" com o MP. É o prefeito deve ter ficado P... da vida com tudo isso.

Coincidência III

É pensando bem tudo isso deve ser culpa do PT e da reeleição da Dilma. Só pode...

Pense

Não ligue pra minha vida, ela não tem telefone. Fale conosco: Este endereço de email está sendo protegido de spambots. Você precisa do JavaScript ativado para vê-lo.



Adicionar comentário

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do Portal SCDN. Se achar algo que viole as regras de uso, denuncie.


Código de segurança
Atualizar codigo