Nesta sexta-feira (17/11), os radares móveis estarão nas seguintes vias: 

RADAR 1 – Av. Morumbi (Centro/Bairro) velocidade máxima permitida de 50 km/h; 

RADAR 2 – Av.Dr. Heitor José Realli (Rodovia/Bairro) velocidade máxima permitida de 60 km/h; 

RADAR 3 - Av.Dr. Heitor José Realli (Bairro/Rodovia) velocidade máxima permitida de 60 km/h.

O movimento "Fora Altomani" deveria ter um corpo mais robusto na terça-feira, mas não teve. Eram esperadas pelo menos 1.500 pessoas no evento, porém isso não aconteceu, talvez chegou em 10% do estimado. Mas a questão é: e se tivesse chegado aos 1.500? Uma coisa é certa: poderíamos ter problemas.

A nossa gloriosa Guarda Municipal, que foi à Câmara com um contingente estimado em 10 homens, cometeu um erro infantil. Não fez uma varredura ao lado do prédio da Câmara. Em meio aos manifestantes de bem, sempre existem os inconsequentes.  As fotos, mostram inúmeras pedras soltas na praça Coronel Salles, algo que passou longe aos olhos da Guarda.

É importante lembrar que em jogos de futebol, por exemplo, a polícia costuma chegar ao campo bem antes do início da partida e faz uma grande varredura, para evitar que qualquer objeto, possa se transformar algo mais perigoso. 

E se...

E se houvesse algum tipo de tumulto ou problema? Teríamos um "arsenal" de pedras que, sem dúvida, seriam investidas contra muitas pessoas, inclusive as de bem.

Alerta

O movimento foi super pacífico, destaca-se, mas existem uns cuidados básicos que precisam ser tomados em situações como esta. O incontrolável pode dar a mão ao imprevisível e aí... pode dar merda.

Lobby

Nessa semana, os corredores da Câmara ganharam a visita ilustre do comando da Guarda Municipal, que pediu para os vereadores analisarem o projeto do vereador Lineu Navarro sobre o aumento do efetivo feminino da Guarda Municipal de 40% para 50%.

Justificativa

O comando alega, nas entrelinhas, que precisa de um efetivo masculino maior, o que é um preconceito tosco uma vez que a Guarda Municipal não foi criada para confronto e sim para ser uma guarda cidadã. O projeto não foi para a votação, mas vamos aguardar o comportamento dos vereadores nas próximas sessões.

Fora Altomani

Nos corredores da Câmara, o comentário é que o movimento "Fora Altomani" perdeu força a partir do momento em que houve a partidarização. Ronaldo Motta, ex-candidato a prefeito pelo PSTU, deu entrevista em emissoras de rádio e a ex-vereadora Julieta Lui, do PSOL, também estava no movimento.

Fora Altomani II

Outras pessoas ouvidas pela coluna alegam que não há elementos para pedir a cassação de Altomani, pelo menos por parte dos movimentos sociais, nenhuma CPI, processo de cassação ou condenação da Justiça, pelo menos por enquanto. Tem gente que avalia o movimento como precipitado.

Sopinha

Marquinho Amaral disse no programa do Carlinhos Lima que Rodrigo Venâncio adora tomar uma sopinha no Santa Mônica. Mas com todo esse calor a sopinha ainda desce, Rodrigo?

É bom saber

O site Congresso em Foco divulgou as presenças e as faltas dos deputados federais. De 113 sessões, Newton Lima compareceu a 90, outras 21 ele justificou e 2 não justificou a ausência. Para evitar o trabalho da assessoria dele, que adora uma nota de esclarecimento, Newton Lima não é o que mais falta.

Campeão

O campeão da lista é o ex-cantor sertanejo e hoje cantor gospel Marcelo Aguiar (DEM-SP), com 68 faltas. O homem compareceu a 45 sessões, de 113, e justificou outras 61. Sete ele, sequer, deu satisfação. Maluf é o quarto que mais falta. De 113 sessões, compareceu a 55 e faltou em outras 58.

Puxão de orelha

Quem compareceu à inauguração da Cemei Osmar Stanlei, no Bicão, avalia que o prefeito Paulo Altomani deveria evitar a provocação ao vereador Roselei Françoso, chamando-o de viúva do PT. "Foi um comentário desnecessário, mesmo porque o Roselei tem muitos amigos na Secretaria", diz uma das pessoas ouvidas.

Espionagem vermelha

Dias atrás, uma ex-assessora petista foi tomar um cafezinho num estabelecimento de domínio tucano e postou uma foto em uma rede social. Pra que? Levou uma saraivada de críticas da Patrulha Estrelinha. Se a moda pega, um simpatizante tucano jamais poderá estudar na UFSCar. Santa Ignorância!

Estrela Depressiva

Assim como no PSDB, um assessor parlamentar de um político petista está louco para pedir o boné, pois não aguenta mais o ninho de cobras em que está convivendo. É muita picada, muito veneno e pouco empenho. Boa sorte ao companheiro.

Até sexta

"Os analfabetos do século 21 não serão aqueles que não sabem ler e escrever, mas aqueles que não sabem aprender, desaprender e reaprender"  (Alvin Toffler).Fale conosco: Este endereço de email está sendo protegido de spambots. Você precisa do JavaScript ativado para vê-lo.



Adicionar comentário

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do Portal SCDN. Se achar algo que viole as regras de uso, denuncie.


Código de segurança
Atualizar codigo