Imprimir esta página

Uma ação da ACISC (Associação Comercial e Industrial de São Carlos) realizada na manhã de sábado, 03, distribuiu 5 mil máscaras à população são-carlense. A ação foi realizada em diversas regiões da cidade, em especial, nas áreas de comércio e grande circulação de pessoas.

O governador João Doria editou um decreto estadual onde, desde o dia 1º de julho, as pessoas que não estiverem usando máscaras como forma de prevenção ao novo Coronavírus poderão ser multadas.

O presidente da ACISC, José Fernando Domingues, explica que a iniciativa surgiu com o objetivo de conscientizar, ainda mais, a população. “Em São Carlos, temos tido uma grande adesão das pessoas ao uso das máscaras e nunca é demais ajudarmos nessa conscientização. Segundo os especialistas, elas ajudam a salvar vidas e evitam o aumento do contágio da doença, primordial para que o comércio não essencial continue em funcionamento”, contou.

Além das máscaras, também foram distribuídos folders com todos os protocolos sanitários para o setor comercial. “Se não tivermos os devidos cuidados, os casos de Coronavírus podem aumentar e o comércio não essencial pode ser fechado. Continuamos solicitando o apoio de todos os comerciantes, funcionários do comércio e dos próprios consumidores”, explicou Zelão.

Repasse à Santa Casa

Na semana passada, a ACISC repassou recursos na ordem de R$ 95 mil e mais 1 mil aventais descartáveis para procedimentos, à Santa Casa de Misericórdia de São Carlos.

Os recursos são originários de uma campanha realizada pela entidade, junto aos seus associados. “Desde janeiro iniciamos essa campanha para ajudar a nossa Santa Casa e estamos repassando esses R$ 95 mil que servirão para os investimentos que a provedoria achar necessário”, explicou Zelão.

As doações foram recebidas pelo provedor da Santa Casa, Antonio Valério Morillas Junior. Ele ressaltou que o recurso recebido vai resultar em mais melhorias. “Esse valor vai impactar uma melhoria da infraestrutura interna para todos os pacientes da região, pois não atendemos só a cidade de São Carlos. Então, a ACISC investe na Santa Casa, via comerciantes, há alguns anos, nesse retorno social que traz benefício para a população, principalmente, a mais carente da nossa cidade”, finalizou.



Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores
e não representam a opinião deste site.
Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie.