NESTA SEXTA-FEIRA (18/09) OS RADARES ESTARÃO OPERANDO NOS SEGUINTES LOCAIS:

RADAR 1 - AVENIDA TRABALHADOR SÃO-CARLENSE (CENTRO/BAIRRO) VELOCIDADE MÁXIMA PERMITIDA DE 60 KM/H;

RADAR 2 - AVENIDA JOÃO DE GUZZI X RUA MARCOS VINICIUS DE M. MORAES - VELOCIDADE MÁXIMA PERMITIDA DE 60 KM/H;

RADAR 3 - AVENIDA HENRIQUE GREGORI (SHOPPING/BAIRRO) VELOCIDADE MÁXIMA PERMITIDA DE 60 KM/H.

O Ciesp São Carlos criou um comitê de gestão de crise para analisar o cenário atual e definir medidas junto às indústrias da região. Durante a primeira reunião do comitê, ficaram estabelecidos os seguintes pontos:

- As indústrias da cidade e da região não vão paralisar suas atividades ou dar férias coletivas a seus colaboradores, por enquanto.

- Tendo em vista a diversidade de atuação das indústrias de São Carlos e região, é importante mantê-las em funcionamento para garantir a continuidade da cadeia básica de suprimentos nas áreas da alimentação, saúde e energia.

- Outro ponto importante é que 25% do ICMS que as indústrias recolhem retornam para o Município, portanto, se as indústrias pararem de faturar na região, o dinheiro não virá para os municípios mais à frente, abrindo-se um buraco no orçamento.

- Os fatores econômicos para as indústrias estão sendo discutidos junto à FIESP/CIESP e o retorno desse trabalho já está surtindo efeito junto ao Governo;

- O intuito de todas as indústrias é proteger a saúde dos colaboradores e evitar o desemprego, mais um motivo para a manutenção das atividades industriais.

- Vale ressaltar que as indústrias estão tomando todas as providências recomendadas pelos órgãos de Saúde para proporcionar a devida higienização e garantir segurança ao trabalhador. Além disso, o comitê ainda discutirá a ampliação desses procedimentos, conforme a necessidade.



Adicionar comentário

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do Portal SCDN. Se achar algo que viole as regras de uso, denuncie.


Código de segurança
Atualizar codigo