NESTA SEXTA-FEIRA (18/09) OS RADARES ESTARÃO OPERANDO NOS SEGUINTES LOCAIS:

RADAR 1 - AVENIDA TRABALHADOR SÃO-CARLENSE (CENTRO/BAIRRO) VELOCIDADE MÁXIMA PERMITIDA DE 60 KM/H;

RADAR 2 - AVENIDA JOÃO DE GUZZI X RUA MARCOS VINICIUS DE M. MORAES - VELOCIDADE MÁXIMA PERMITIDA DE 60 KM/H;

RADAR 3 - AVENIDA HENRIQUE GREGORI (SHOPPING/BAIRRO) VELOCIDADE MÁXIMA PERMITIDA DE 60 KM/H.

O prefeito Airton Garcia assinou na tarde desta terça-feira (21/01), a ordem de serviço para início da reforma do antigo prédio do Pronto Socorro Municipal, localizado na avenida São Carlos. O local vai abrigar a sede da Secretaria de Saúde, o Departamento de Gestão e Cuidado Ambulatorial, o setor de regulação e administrativo, além do Centro de Atendimento de Infecções Crônicas (CAIC).

O investimento total será de R$ 385.999,99. “A obra consiste na reforma completa do prédio, incluindo troca de pisos, revestimentos, reformulação do estacionamento frontal, demolição de alvenarias para adequação dos espaços para melhor atender a população, reforma de esquadrias e troca de toda a parte elétrica e hidráulica”, garante o secretário de Obras Públicas, Reginaldo Peronti.

Segundo o secretário de Saúde, Marcos Palermo, era um pedido antigo do prefeito. “Com ajuda do vereador Lucão Fernandes que conseguiu R$ 150 mil e investimentos da própria Prefeitura vamos conseguir reformar esse prédio emblemático para cidade e que estava abandonado. Vamos transferir a sede da Secretaria para lá e também abrigar outros departamentos, o que vai agilizar o trâmite de processos. Também queremos instalar uma central de ambulâncias no local. A outra ideia é transformar o prédio que estamos hoje em uma central farmacêutica”, explica o secretário.

O vereador Lucão Fernandes, presidente da Câmara Municipal, disse que os recursos foram repassados pelo deputado Carlos Cezar do PSB de Sorocaba. “Essa sempre foi uma preocupação do secretário Marcos Palermo. Conversamos com o deputado e pedimos essa ajuda e hoje fico muito feliz ao saber que os recursos vão ser usados para recuperar um espaço importante e que novamente será utilizado como equipamento público da saúde. Também vai trazer economia para o município já que outros departamentos vão ser transferidos para lá”, finaliza Lucão Fernandes.

“Estamos trabalhando para colocar o que está parado em funcionamento. Reformar os prédios que estão abandonados e retomar as obras que ficaram paradas. É um compromisso da minha administração”, afirmou o prefeito Airton Garcia.

A empresa vencedora da licitação tem 120 dias para a conclusão da obra.



Comentário(s) 

+1
Hamas | 22 Janeiro 2020
Ainda bem que dessa vez o prefeito não fez um empréstimo para a população pagar , como no caso do recapeamento.