NESTA SEXTA-FEIRA (21/6) OS RADARES ESTARÃO OPERANDO NOS SEGUINTES LOCAIS: 

RADAR 1 - AVENIDA HENRIQUE GREGORI (BAIRRO/SHOPPING) VELOCIDADE MÁXIMA PERMITIDA DE 60 KM/H; 

RADAR 2 - Rua AVENIDA FRANCISCO PEREIRA LOPES (USP/SHOPPING) - VELOCIDADE MÁXIMA PERMITIDA DE 60 KM/H; 

RADAR 3 - AVENIDA BRUNO RUGGIERO FILHO (SHOPPING/BAIRRO) - VELOCIDADE MÁXIMA PERMITIDA DE 60 kM/H.

O Governo do Estado de São Paulo anunciou nesta terça-feira (23/4), dois novos voos da Passaredo Linhas Aéreas, sendo um com destino a São Carlos e outro para Votuporanga.

A ampliação da malha aérea no Estado é resultado do programa “São Paulo Pra Todos”, que reduziu o imposto da alíquota cobrada sobre o querosene de aviação de 25% para 12%. Como contrapartida, as companhias aéreas passarão a oferecer mais voos a partir de diversos aeroportos do interior.

Com saídas de Ribeirão Preto e seis decolagens semanais, os voos para São Carlos e Votuporanga serão operados pelas aeronaves ATR 72-500, com capacidade para até 68 passageiros.

“O fator determinante para isso foi a internacionalização do Aeroporto Mário Pereira Lopes, um trabalho importante, que trará muitos mais benefícios ao setor e a região. A cidade tem grandes universidades, centros de pesquisa, grandes empresas, muitas de base tecnológica, além é claro dos nossos pesquisadores e cientistas que percorrem o mundo para levar o conhecimento produzido na Capital Nacional da Tecnologia. O próximo o passo é criar um plano de desenvolvimento para o aeroporto, atraindo as pessoas para um turismo acadêmico”, afirmou Caco Colenci, secretário de Planejamento e Gestão, que representou o prefeito Airton Garcia na solenidade na capital paulista.

“O interior de São Paulo é o segundo maior mercado consumidor do Brasil e nós sabemos de sua força para a economia. Estamos justamente resgatando a força do interior no contexto da economia e do turismo em nível nacional. Estamos dando um passo para o futuro”, ressaltou o vice-governador Rodrigo Garcia, que fez o anunciou oficial juntamente com o secretário de Desenvolvimento Regional, Marco Vinholi.

O secretário de Trabalho, Emprego e Renda de São Carlos, Walcinyr Bragatto e o vereador Moisés Lazarine também participaram da solenidade no Palácio dos Bandeirantes. 

São Paulo Pra Todos - A despesa das empresas aéreas com combustível chega a até 40% de todo o custo operacional de cada voo. Com a redução do ICMS cobrado sobre o combustível aéreo, o Governo do Estado pediu contrapartidas para aumentar o fluxo de pousos e decolagens dentro do Estado, principalmente em cidades que ainda não eram atendidas por linhas comerciais regulares.

Pelo acordo firmado em fevereiro, o setor aéreo se comprometeu a criar 70 novos voos e 490 partidas semanais, aumentando a oferta de destinos em todo o Brasil. Ao todo, as novas frequências englobarão aeroportos de 38 cidades em 21 estados. A desoneração tributária terá efeito a partir de 1º de junho e será compensada pelo impacto econômico gerado pelas contrapartidas.



Adicionar comentário

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do Portal SCDN. Se achar algo que viole as regras de uso, denuncie.


Código de segurança
Atualizar codigo