NESTA SEXTA-FEIRA (15/02/19) OS RADARES MÓVEIS ESTARÃO NAS SEGUINTES VIAS:

RADAR 1 – AVENIDA Dr. Heitor José Realli (RODOVIA/BAIRRO) VELOCIDADE MÁXIMA PERMITIDA DE 60 KM/H;

RADAR 2 – AVENIDA Dr. Heitor José Realli (BAIRRO/RODOVIA) VELOCIDADE MÁXIMA PERMITIDA DE 60 KM/H;

RADAR 3 AVENIDA Comendador Alfredo Maffei - (CENTRO/BAIRRO) - VELOCIDADE MÁXIMA PERMITIDA DE 60 kM/H.

A Prefeitura de São Carlos realizou no sábado, dia 9 de fevereiro, o mutirão de combate ao mosquito Aedes aegypyi, transmissor da Dengue, Zika, Chikungunya e Febra Amarela, no Residencial Eduardo Abdelnur.

Os Agentes de Combates a Endemias, com apoio da Secretaria de Serviços Públicos e do SAAE, que disponibilizaram caminhões e ajudantes para o recolhimento de inservíveis, fizeram a distribuição de panfletos educativos, vistoria de imóveis com eliminação de criadouros, pesquisa larvária e recolhimento de inservíveis encontrados nas áreas de risco. Mais de 10 caminhões foram retirados do bairro com vários tipos de inservíveis.

“Temos casos confirmados aqui no Eduardo Abdelnur e várias pessoas estão com os sintomas. Hoje percebemos que as pessoas não estão cuidando dos seus quintais, uma vez que removemos diversos criadouros. São muitas garrafas, pneus, latas e lonas que ficam no fundo ou até mesmo na frente de algumas casas. Também solicitamos para que os moradores não joguem entulho nas áreas públicas e façam o descarte do lixo corretamente na coleta rotineira. Cada morador deve realizar sua própria vistoria pelo menos duas vezes por semana nesta época que a incidência da doença é maior. A eliminação dos criadouros ainda é a principal medida preventiva de combater o mosquito transmissor”, explicou a chefe da Seção de Apoio à Vigilância em Saúde e Informação da Secretaria Municipal de Saúde, Denise Scatolini.

O secretário de Saúde, Marcos Palermo, participou da ação e garante que o trabalho vai continuar. “Na próxima semana vamos para outro bairro, porém ainda será definido em qual, a ideia é fazer em locais que tenham mais casos confirmados”, disse Palermo.

Semana de Mobilização – A Prefeitura de São Carlos também realiza até sexta-feira, dia 16 de fevereiro, a Semana Integrada de Mobilização Social entre as Secretarias de Saúde, Educação e Meio Ambiente. Confira a programação:

12/2 a 16/2 - Distribuição de folhetos, orientação sobre as arboviroses e controle de criadouros com fixação de cartazes no comércio e outros pontos referenciais na área central da cidade e nas Vila São José, Costa do Sol, Santa Felícia, Vila Prado e Cidade Aracy;

12/2 a 15/2 - Recolhimento de pneus inservíveis dos domicílios, oficinas mecânicas e áreas públicas;

15/2 – 8h às 17h - Orientações aos viajantes no Terminal Rodoviário;

16/ 2 - Município participa da 4ª Edição do Mutirão da EPTV: tenda com atividades educativas na Praça do Mercado Municipal; divulgação no comércio e população; colocação de faixas de Combate a Dengue nos semáforos; bloqueio de criadouros em áreas de transmissão, conforme incidência de casos positivos e suspeitos da doença. 

São Carlos contabiliza 249 notificações de Dengue em 2019, 23 casos foram confirmados, sendo 12 autóctones e 11 importados. Já de Chikungunya são 10 notificações, porém nenhum caso foi positivado. De Zika e Febra Amarela nenhuma notificação até momento. Novos exames devem ser confirmados nesta terça-feira (12).



Adicionar comentário

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do Portal SCDN. Se achar algo que viole as regras de uso, denuncie.


Código de segurança
Atualizar codigo