OS RADARES MÓVEIS ESTARÃO EM OPERAÇÃO NESTA SEGUNDA-FEIRA (17/6) NOS SEGUINTES LOCAIS:

RADAR 1 - AVENIDA TRALHADOR SÃO-CARLENSE (RODOVIÁRIA/USP) VELOCIDADE MÁXIMA PERMITIDA DE 60 KM/H;

RADAR 2 - AVENIDA BRUNO RUGGIERO FILHO (BAIRRO/shopping) - VELOCIDADE MÁXIMA PERMITIDA DE 60 KM/H;

RADAR 3 - RUA MIGUEL PETRONI - (RODOVIA/CENTRO) - VELOCIDADE MÁXIMA PERMITIDA DE 60 kM/H.

Com o objetivo de capacitar e aprimorar o nível de conhecimento dos funcionários da Cozinha Piloto, Restaurantes Populares, Cozinha Comunitária de Santa Eudóxia e Unidade de Processamento, a Secretaria de Agricultura e Abastecimento realizou quinta (10) e sexta-feira (11), o 1° Treinamento - Restaurante Popular.

Participaram das palestras e dinâmicas, 42 funcionários da empresa terceirizada que presta serviços de elaboração, distribuição e transporte das refeições servidas nos Restaurantes Populares do Vila Irene (almoço) e Cidade Aracy (café da manhã e jantar) e Cozinha Comunitária de Santa Eudóxia (café da manhã), além dos funcionários que trabalham na Unidade de Processamento.

Segundo o secretário de Agricultura e Abastecimento, Deonir Tofollo, o treinamento foi programado para atualizar e motivar os funcionários. “Essas pessoas trabalham produzindo refeições diárias para os restaurantes populares e instituições. É um momento de valorização dos funcionários e também de aprimorar a qualidade do que é produzido”, afirmou o secretário.

Entre os assuntos abordados aproveitamento integral e desperdícios de alimentos, segurança alimentar e nutricional, o programa do restaurante popular, relacionamentos, comportamentos e inteligência emocional.  A empresa terceirizada também participou do treinamento esclarecendo sobre processos de trabalho, assuntos administrativos e a parceria com a Prefeitura. 
A Secretaria de Agricultura e Abastecimento tem outros treinamentos programados para o ano de 2019.

 



Comentário(s) 

0
leitor assíduo | 21 Fevereiro 2018
A atitude covarde dos vereadores traduz a uberração que tomou conta da política. Dane-se o interesse do povo, porque a câmara deve estar pensando em jabá. Assim como a A.... pagava mensalinho, parece que aguardam semelhante ganho indevido dos taxistas. Só que a categoria não tem caixa para esse tipo de acerto. Ou será que tem?
+1
Cidadão | 18 Fevereiro 2018
Por isso a cidade está um lixo, vereadores porcarias.
+2
Maria | 17 Fevereiro 2018
Os vereadores estão com dúvidas a respeito do Uber porque.? Eles preferem beneficiar toda uma cidade com 250 mil habitantes ou uma centena de motoristas ligados a um decadente sindicato , se tiverem bom senso e juízo ficam do lado do povo.
+2
Professor | 16 Fevereiro 2018
Os covardes estão com medo de discutir a matéria por isso o adiamento, mas os burros dançaram, daqui a 15 dias os alunos da USP e Federal já estarão em aulas e ai meus queridos o bicho vai pegar, e os covardes malandros vão ter que votar a matéria.