NESTA SEGUNDA-FEIRA (17/12/18) OS RADARES MÓVEIS ESTARÃO NAS SEGUINTES VIAS: 

RADAR 1 – RUA MIGUEL PETRONI, 338  - CENTRO/BAIRRO - VELOCIDADE MÁXIMA PERMITIDA DE 50 KM/H; 

RADAR 2 – AVENIDA JOÃO DE GUZZI X RUA MARCOS VINÍCIUS DE M. MORAES  - VELOCIDADE MÁXIMA PERMITIDA DE 60 KM/H; 

RADAR 3 – AVENIDA TRABALHADOR SÃOCARLENSE, OPOSTO 1130, RODOVIÁRIA/USP - VELOCIDADE MÁXIMA PERMITIDA DE 60 M/H.

 

A Estapar, empresa responsável pela administração dos serviços da Área Azul Digital de São Carlos, em parceria com a Prefeitura, realiza a última edição do  Dia do Estacionamento Solidário deste ano, nos dias 7 e 8 de dezembro. Desta vez, a ação tem como objetivo arrecadar verba para a compra de brinquedos para crianças carentes da cidade na ação “Natal Solidário”, do projeto do Fundo Social de Solidariedade.

A totalidade do valor arrecadado com o sistema da Área Azul Digital será revertida para a ação. O usuário que pagar o tíquete, por meio do Terminal de Autoatendimento ou pelo aplicativo Vaga Inteligente, contribuirá diretamente com a campanha. Na ocasião, a equipe da Estapar utilizará camisetas personalizadas e distribuirá folhetos com informações sobre a iniciativa.

O diretor da Estapar Adélcio Antonini explica que o Dia do Estacionamento Solidário de Natal é uma campanha que integra o programa de responsabilidade social da empresa. “Acreditamos na importância de promover ações nas cidades em que atuamos, especialmente no fim do ano, quando podemos oferecer um Natal mais feliz para essas crianças e uma oportunidade para a população de apoiar causa sociais”.

A expectativa do Fundo Social Solidariedade é a de atender o maior número de crianças possível. “Nesse período do ano, toda criança espera ganhar um presente. Pretendemos atingir a meta de mil brinquedos, que serão doados para diversas instituições ou grupos. Essa ação é muito importante e já se tornou um compromisso da Estapar com a Prefeitura. Para contribuir com o Fundo Social, basta usar o estacionamento rotativo nesses dois dias. Quanto maior o valor arrecadado, mais crianças serão atendidas”, afirmou Lucinha Garcia Ferreira, presidente do Fundo Social de São Carlos.  



Adicionar comentário

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do Portal SCDN. Se achar algo que viole as regras de uso, denuncie.


Código de segurança
Atualizar codigo