Nesta sexta-feira (16/08) os radares móveis estarão operando nos seguintes locais: 

RADAR 1 - Rua Miguel Petroni (RODOVIA/CENTRO) VELOCIDADE MÁXIMA PERMITIDA DE 60 KM/H; 

RADAR 2 - Avenida Comendador Alfredo Maffei (CENTRO/BAIRRO) VELOCIDADE MÁXIMA PERMITIDA DE 60 KM/H; 

RADAR 3 - Avenida Trabalhador São-carlense - (CENTRO/BAIRRO) VELOCIDADE MÁXIMA PERMITIDA DE 60 kM/H.

A Prefeitura de São Carlos, por meio do Departamento de Defesa e Controle Animal da Secretaria de Serviços Públicos, abrirá o canil e o gatil municipal para visitação neste sábado (28).


Os interessados em conhecer mais sobre o trabalho que é desenvolvido nessa área na cidade, bem como adotar um animal, poderão comparecer ao local neste sábado (28), das 9 às 16h.


O Canil e Gatil Municipal estão localizados na Estrada da Água Fria, s/nº.De acordo com o diretor do Departamento de Defesa e Controle Animal, Jilverson Moraes, esta é uma oportunidade para a população conhecer o espaço do Canil e Gatil Municipal e os animais que vivem lá.


“Além disso, estaremos disponibilizando animais para a adoção. Os cães e gatos já saem castrados e vermifugados, e podem ser adotados gratuitamente pela população”, ressaltou o diretor. São cerca de 210 cachorros e 150 gatos disponíveis para a adoção.


Durante o evento será distribuído pipoca e algodão doce para os visitantes. Atuando no trabalho de valorização à vida do animal e conscientização da sociedade sobre os conceitos de posse responsável, o departamento é responsável ainda pela coordenação das unidades públicas que envolvem animais, como o Canil, o Gatil, o Posto Zootécnico e o Parque Ecológico Municipal.


A adoção de animais em São Carlos segue critérios implantados pelo Departamento de Defesa e Controle Animal. O interessado responde a diversas perguntas e, se necessário, um fiscal visita a residência para apurar as condições para a vida com a futura “família” do animal.


O interessado deve ainda assinar um termo de responsabilidade. Caso não atenda aos critérios, a adoção pode ser negada. Jilverson Moraes esclarece que as exigências para a adoção são essenciais e visam evitar problemas futuros como o abandono do cão ou gato em vias públicas.


No primeiro contato, a equipe do departamento procura entender o tipo de animal que o morador está interessado em levar para casa. Durante a entrevista, o servidor enfatiza sobre a responsabilidade da guarda responsável. 


A adoção é concluída com a assinatura de um termo de responsabilidade, garantindo que o animal vai ser bem tratado pelo futuro proprietário.Em 2009, o trabalho de incentivo à adoção deu um lar a 223 animais (141 cães e 82 gatos). Mais informações: (16) 3374-3239



Adicionar comentário

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do Portal SCDN. Se achar algo que viole as regras de uso, denuncie.


Código de segurança
Atualizar codigo