NESTA TERÇA-FEIRA (04/08) OS RADARES ESTARÃO OPERANDO NOS SEGUINTES LOCAIS:

RADAR 1 - AVENIDA GETÚLIO VARGAS (BAIRRO/CENTRO) VELOCIDADE MÁXIMA PERMITIDA DE 60 KM/H;

RADAR 2 - AVENIDA GETÚLIO VARGAS (CENTRO/BAIRRO) VELOCIDADE MÁXIMA PERMITIDA DE 60 KM/H;

RADAR 3 - AVENIDA COMENDADOR ALFREDO MAFFEI (CENTRO/BAIRRO) VELOCIDADE MÁXIMA PERMITIDA DE 60 KM/H.

O número de acidentes nas rodovias estaduais de acesso ao litoral paulista caiu 12,2% no perído das festas de fim de ano, entre os dias 20 de dezembro e 5 de janeiro. O balanço é sobre ocorrências em rodovias sob responsabilidade do Departamento de Estradas de Rodagem (DER) e refere-se à Operação Verão + Seguro, e foi divulgado nesta quarta-feira pelo DER, órgão vinculado à Secretaria Estadual de Logística e Transportes.

Segundo o DER, nesse período, houve 264 acidentes na SP-055 (litoral Norte e Sul, chamadas de Rodovia Padre Manoel da Nóbrega e de Rodovia Manoel Hyppolito Rego), na SP-098 (Rodovia Dom Paulo Rolim Loureiro) e na SP-125 (Rodovia Oswaldo Cruz). O número de mortes também caiu, passando de nove em 2018/2019 para quatro em 2019/2020.

De acordo com o DER, 3,6 milhões de veículos passaram pelas rodovias de acesso ao litoral paulista, litorâneas e de acesso à região oeste paulista. Isso representou crescimento de 6,3% em comparação com o ano anterior, quando 3,3 milhões de veículos seguiram viagem com destino ao litoral do estado.

"Apesar de haver maior número de veículos em circulação nas rodovias estaduais, tivemos um bom resultado com a redução no número de acidentes e de mortes, o que mostra que a fiscalização e a forte presença de agentes nas rodovias mudou a atitude dos usuários”, disse o secretário estadual de Logística e Transportes, João Octaviano Machado Neto.

O secretário lembrou que, quando estiverem dirigindo, os motoristas precisam ter cuidado e cautela, evitando o uso do celular, além de não consumir bebidas alcoólicas e de respeitar as leis de trânsito. “Todas essas ações, atreladas às boas condições de infraestrutura oferecidas, tornaram as viagens mais confortáveis e seguras", acrescentou o secretário.


Adicionar comentário

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do Portal SCDN. Se achar algo que viole as regras de uso, denuncie.


Código de segurança
Atualizar codigo