Nesta sexta-feira (16/08) os radares móveis estarão operando nos seguintes locais: 

RADAR 1 - Rua Miguel Petroni (RODOVIA/CENTRO) VELOCIDADE MÁXIMA PERMITIDA DE 60 KM/H; 

RADAR 2 - Avenida Comendador Alfredo Maffei (CENTRO/BAIRRO) VELOCIDADE MÁXIMA PERMITIDA DE 60 KM/H; 

RADAR 3 - Avenida Trabalhador São-carlense - (CENTRO/BAIRRO) VELOCIDADE MÁXIMA PERMITIDA DE 60 kM/H.

O licenciamento anual obrigatório entra no seu quarto mês. Agora em julho, é a vez de licenciar veículos com placa terminada em 4, alerta o Departamento Estadual de Trânsito de São Paulo (Detran.SP). Os proprietários têm até o dia 31 para regularizar a situação. Do contrário, estarão impedidos de circular em agosto.

A taxa do serviço custa R$ 90,20 e o motorista nem precisa sair de casa para licenciar o veículo. Quem utiliza internet banking pode pagar de forma online e por mais R$ 11 receber o documento no endereço de cadastro do veículo. A entrega é feita pelos Correios em até sete dias úteis após o pagamento. É possível acompanhar o envio pelo portal detran.sp.gov.br, na área de “Serviços Online”.

Não é necessário imprimir boleto para pagar a taxa. Basta informar o número do Registro Nacional de Veículos Automotores (Renavam) ao sistema bancário. É preciso quitar possíveis débitos de IPVA, seguro obrigatório e multas, por exemplo.

O motorista que preferir fazer o licenciamento presencialmente pode levar os comprovantes de pagamentos e um documento de identificação à unidade do Detran.SP ou ao posto Poupatempo.

O Estado de São Paulo tem mais de 30 milhões de veículos registrados e todos precisam estar licenciados para circular, independentemente do ano de fabricação.

Multa e apreensão do veículo  - Circular com o licenciamento vencido é infração gravíssima e gera a remoção do veículo ao pátio. Além disso, o proprietário recebe multa de R$ 293,47 e sete pontos na habilitação, conforme prevê o Código de Trânsito Brasileiro (CTB).

Pagar o licenciamento em atraso também gera a cobrança de multa e juros. Caso não seja feito, o dono do veículo pode ter o nome inscrito no Cadastro Informativo dos Créditos não Quitados (Cadin) e na dívida ativa do Estado pelo débito em aberto.

O passo a passo pode ser consultado em detran.sp.gov.br, na área de “Veículos”>”Licenciamento Anual”. A página disponibiliza um “tira dúvidas” e também um chat online para o motorista se informar melhor sobre o licenciamento.



Comentário(s) 

0
Cesar | 14 Julho 2018
Parabéns pelo excelente trabalho da APAE, merece a verba. Mas o Edil que preside a casa de leis, não está fazendo sua função, deixando a casa baixar o nível, o guerreiro manda, xinga, briga e está tudo certo, não fiscaliza nada, o Boné somente está recapeando onde tem seus lotes; presidente da casa é muito pela sua atuação e se pensa em ser algo maior esquece.