NESTA QUINTA-FEIRA (01/10) OS RADARES ESTARÃO OPERANDO NOS SEGUINTES LOCAIS:

RADAR 1 - AVENIDA COMENDADOR ALFREDO MAFFEI (CENTRO/BAIRRO) VELOCIDADE MÁXIMA PERMITIDA DE 60 KM/H;

RADAR 2 - AVENIDA HENRIQUE GREGORI (SHOPPING/BAIRRO) VELOCIDADE MÁXIMA PERMITIDA DE 60 KM/H;

RADAR 3 - AVENIDA BRUNO RUGGIERO FILHO (BAIRRO/SHOPPING) VELOCIDADE MÁXIMA PERMITIDA DE 60 KM/H.

A inadimplência das empresas aumentou 11,3% em janeiro deste ano, na comparação com dezembro de 2013, de acordo com o indicador da empresa de consultoria Serasa Experian. Na variação anual, quando se compara janeiro deste ano com janeiro de 2013, houve alta de 11,1%.

A alta é reflexo do aumento da inadimplência dos consumidores durante o mês passado e sofreu o impacto da elevação do custo financeiro das empresas, segundo economistas da Serasa.

Os títulos protestados aumentaram 49,3% e contribuíram com 10,8 pontos percentuais para a elevação do indicador. As dívidas não bancárias (cartões de crédito, financeiras, lojas e prestadoras de serviços) cresceram 1,7%. Os cheques sem fundos tiveram alta de 7%. Dívidas com os bancos apresentaram queda de 4,7%.

O valor médio dos cheques sem fundos teve queda de 28,4% em janeiro de 2014, na comparação com o mesmo mês do ano anterior. As dívidas com os bancos apresentaram declínio de 3,1% no valor médio. Os títulos protestados e as dívidas não bancárias registraram alta em seus valores médios de 4,3% e 13,8%, respectivamente.



Adicionar comentário

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do Portal SCDN. Se achar algo que viole as regras de uso, denuncie.


Código de segurança
Atualizar codigo