NESTA SEXTA-FEIRA (18/09) OS RADARES ESTARÃO OPERANDO NOS SEGUINTES LOCAIS:

RADAR 1 - AVENIDA TRABALHADOR SÃO-CARLENSE (CENTRO/BAIRRO) VELOCIDADE MÁXIMA PERMITIDA DE 60 KM/H;

RADAR 2 - AVENIDA JOÃO DE GUZZI X RUA MARCOS VINICIUS DE M. MORAES - VELOCIDADE MÁXIMA PERMITIDA DE 60 KM/H;

RADAR 3 - AVENIDA HENRIQUE GREGORI (SHOPPING/BAIRRO) VELOCIDADE MÁXIMA PERMITIDA DE 60 KM/H.

O deputado federal Newton Lima (PT-SP) obteve o compromisso da presidenta da República Dilma Rousseff em defesa das Associações de Pais e Amigos dos Excepcionais (Apaes). Newton Lima e o deputado Eduardo Sciarra (PSD-PR) conversaram com a presidenta durante a viagem ao Paraguai para a posse do presidente Horacio Cartes.

A preocupação dos dois parlamentares foi acolhida por Dilma, que mobilizou sua equipe de governo para trabalhar na preservação das Apaes. "A presidenta também irá orientar a liderança da Câmara durante a votação do Plano Nacional de Educação para retificar a decisão do Senado, que garante aos pais a opção da matrícula em escola regular ou especial", explica Newton Lima.

A ministra-chefe da Casa Civil, Gleisi Hoffmann, já se reuniu com o relator do projeto, senador José Pimentel (PT-CE), para reafirmar o compromisso da presidenta Dilma em manter o texto que diz que a oferta de educação especial se dará "preferencialmente" na rede regular, conforme deseja as Apaes.

"As Apaes desempenham papel fundamental e saíram às ruas para protestar contra a medida", diz o deputado Newton Lima, que enviou um ofício ao diretor administrativo da Apae São Carlos, Antônio Carlos Matos, comunicando a decisão da presidenta Dilma.

"O deputado Newton Lima é nosso irmão, sempre cuidou da Apae com muito carinho, criou o convênio para o autismo e está empenhado em nos ajudar nessa luta", observa o diretor da Apae São Carlos. Para ele, a intervenção de Newton Lima junto à presidenta foi "tranqüilizadora". "Não se pode obrigar os pais a matricularem seus filhos nas escolas regulares, eles precisam ter a opção de matricular nas escolas em que se sentem mais seguros", comenta. Matos encaminhou o ofício do deputado Newton Lima para os colaboradores e para as Federações Nacional e Estadual das Apaes.

"Sem dúvida que a decisão da presidenta Dilma, já com a movimentação de sua equipe de governo, tranquiliza as Apaes e entidades similares, mas estarei atento, na Câmara dos Deputados, para que a versão final do PNE, que vai à sanção presidencial, atenda ao pleito", salienta Newton Lima.

Para o parlamentar, a preservação de entidades como a Apae é necessária para o bom atendimento dos excepcionais. "Em São Carlos, a APAE tem mais de 50 anos e recebeu diversos prêmios pelo excelente trabalho que desempenha, por isso seu funcionamento pleno é fundamental", comenta.



Adicionar comentário

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do Portal SCDN. Se achar algo que viole as regras de uso, denuncie.


Código de segurança
Atualizar codigo