NESTA SEXTA-FEIRA (11/10) OS RADARES MÓVEIS ESTARÃO OPERANDO NOS SEGUINTES LOCAIS: 

RADAR 1- AV. COMENDADOR ALFREDO MAFFEI, OPOSTO AO N° 4001 SENTIDO CENTRO/BAIRRO VELOCIDADE MÁXIMA PERMITIDA DE 60 KM/H; 

RADAR 2- AV MORUMBI, PRÓXIMO AO N° 1416 CENTRO/BAIRRO VELOCIDADE MÁXIMA PERMITIDA DE 50 KM/H; 

RADAR 3- AV. GETÚLIO VARGAS, PRÓXIMO AO GINÁSIO MILTON OLAIO BAIRRO/CENTRO VELOCIDADE MÁXIMA PERMITIDA DE 60 KM/H.

 

 

A página da Boate Kiss na rede social Facebook divulgou hoje (27) comunicado sobre o acidente que matou 233 pessoas em uma festa universitária nesta madrugada. O comunicado informa que o quadro de funcionários possui a "mais alta qualificação técnica" e estava "devidamente treinado e preparado para qualquer situação de contingência".

Assinada por um integrante da administração da boate, chamado Armando Neto, essa é a primeira manifestação pública da empresa depois de mais de 16 horas do ocorrido. Desde a manhã, a página é alvo de comentários indignados de amigos e parentes das vítimas, além de pessoas de todo o Brasil que estão acompanhando o caso.

"É com grande pesar que a Boate Kiss comunica a todos o acidente ocorrido em 26/01/2013", relatam as primeiras linhas do documento. A casa noturna atesta que suas prioridades no momento são  "prestar todo o atendimento necessário aos sobreviventes e aos familiares das vítimas fatais", disponibilizar informações e colaborar com o acompanhamento da equipe de psicólogos, médicos e assistentes sociais.

O texto ainda informa que as operações da boate estão suspensas por tempo indeterminado e que a equipe está à disposição das autoridades para prestar esclarecimentos.

A página da Boate Kiss na internet saiu do ar no início desta noite (27). A página estava disponível durante todo o dia com informações sobre as festas recentes, inclusive o evento da última noite.



Adicionar comentário

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do Portal SCDN. Se achar algo que viole as regras de uso, denuncie.


Código de segurança
Atualizar codigo