NESTA TERÇA-FEIRA (15/10) OS RADARES MÓVEIS ESTARÃO OPERANDO NOS SEGUINTES LOCAIS: 

RADAR 1- AVENIDA GETÚLIO VARGAS (BAIRRO/CENTRO) VELOCIDADE MÁXIMA PERMITIDA DE 60 KM/H; 

RADAR 2 - AV.DR. HEITOR JOSÉ REALLI (BAIRRO/RODOVIA) VELOCIDADE MÁXIMA PERMITIDA DE 60 KM/H; 

RADAR 3 - RUA JOSÉ BONIFÁCIO X RUA 1º DE MAIO (CENTRO/BAIRRO) VELOCIDADE MÁXIMA PERMITIDA DE 50 KM/H.

 

Mais de 16 milhões de trabalhadores sacaram o abono salarial desde julho de 2012, quando começaram os pagamentos referentes ao exercício 2012/2013. O Ministério do Trabalho e Emprego (MTE) estima que cerca de 79% dos beneficiários do Instituto Nacional do Seguro Social (INSS) tenham recebido o abono nesse período por meio do Programa de Integração Social (PIS) ou do Programa de Formação do Patrimônio do Servidor Público (Pasep), o que corresponde a um ponto percentual a mais do que os trabalhadores que receberam o benefício em 2011. No total, 20,4 milhões de trabalhadores têm o direito ao abono. O calendário de pagamentos vai até junho de 2013.

O abono é o pagamento de um salário mínimo (R$ 622) a trabalhadores que receberam ao longo do ano, em média, até dois salários mínimos (cerca de R$ 1,2 mil). Para receber, a pessoa deve ser celetista ou estatutária, beneficiária do INSS e ter cadastro no PIS (da Caixa Econômica Federal) ou no Pasep (no Banco do Brasil).

O PIS pode ser sacado nas agências bancárias da Caixa, em caixas eletrônicos (mediante a validação do Cartão Cidadão), lotéricas ou postos Caixa Aqui. O Pasep pode ser sacado nas agências do Banco do Brasil. Para receber o abono, o trabalhador deverá ter em mãos um documento de identificação com foto e o número do PIS ou do Pasep.



Adicionar comentário

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do Portal SCDN. Se achar algo que viole as regras de uso, denuncie.


Código de segurança
Atualizar codigo