NESTA SEXTA-FEIRA (07/08) OS RADARES ESTARÃO OPERANDO NOS SEGUINTES LOCAIS:

RADAR 1 - RUA RUI BARBOSA (CENTRO/BAIRRO) VELOCIDADE MÁXIMA PERMITIDA DE 40 KM/H;

RADAR 2 - RUA MIGUEL PETRONI (BAIRRO/RODOVIA) VELOCIDADE MÁXIMA PERMITIDA DE 60 KM/H;

RADAR 3 - AVENIDA JOÃO DE GUZZI X RUA MARCOS VINICIUS DE M. MORAES - VELOCIDADE MÁXIMA PERMITIDA DE 60 KM/H.

Desde o começo da pandemia do Coronavírus, um grupo de servidores públicos vem se destacando no combate a disseminação da COVID-19 e na exigência do cumprimento dos Decretos Municipais e do Plano SP em São Carlos. A temida equipe da Força Tarefa Municipal.

Nós temos a Força

Composta por representantes da Guarda Municipal, Policia Militar, Departamento de Fiscalização da Secretaria Municipal de Habitação e Desenvolvimento Urbano, Defesa Civil e Vigilância Sanitária, esse pessoal vem trabalhando ininterruptamente desde 19 de março. Já são quatro meses de operações realizadas de manhã, à tarde e a noite, inclusive aos feriados e aos finais de semana.

Nós temos a Força II

A cidade de São Carlos foi pioneira no Estado de São Paulo em realizar operações especificas e unificadas para o cumprimento, inicialmente dos decretos municipais e depois do Plano SP. Devido a esse trabalho, São Carlos se manteve entre as vinte cidades com melhores índices de isolamento social e com número baixo de óbitos em comparação com os municípios do mesmo porte na região central.

Números geral

Durante esse período a Guarda Municipal, por meio do telefone 153, recebeu mais de 8 mil ligações com denúncias e pedidos de orientações. No total foram realizadas 1.990 vistorias, 525 estabelecimentos foram notificados e 203 interditados. Além disso, o setor de inteligência da Guarda realiza um trabalho investigativo para detectar festas de caráter público que são programadas pelas redes sociais.

Números de julho

A produtividade da Força Tarefa Municipal em julho foi a seguinte: 263 estabelecimentos vistoriados, 10 fechados, 80 notificados, 56 interditados, seis autos de infrações, no valor de R$ 1.126,00 cada, foram emitidos por aglomerações em estabelecimentos, 983 denúncias já foram feitas pelo telefone 153, 2 processos judiciais de aglomeração de pessoas já foram abertos, um inquérito civil de aglomeração de pessoas irregular foi instaurado e um boletim de ocorrência de crime contra a saúde pública por aglomeração foi lavrado.

Saúde Pública

Neste período, seis ocorrências terminaram com a lavratura de boletins pelo crime de saúde pública. A interdição de um clube, três festas de caráter público, um pesque pague e dois descumprimentos de Auto de Interdição foram às ocorrências nas quais os proprietários responderão, além das sanções administrativas, possivelmente por sanções criminais.

Fiscalização

O Departamento de Fiscalização também pegou pesado para verificar as atividades no comércio. A região central, Santa Felícia e o Cidade Aracy foram os bairros que tiveram os maiores índices de notificações e interdições de estabelecimentos.

Tiramos o chapéus

Parabéns a todos os profissionais empenhados nesta Força Tarefa Municipal. Como bem disse o secretário municipal de Segurança Pública, Samir Gardini: “A Força Tarefa está realizando um trabalho excepcional que está servindo de modelo para outros municípios. Os números demonstram o cuidado da cidade com a saúde de toda a população”. É isso aí pessoal.

Adendo

Não podemos deixar de registrar aqui também o importante, brilhante e necessário trabalho dos servidores da saúde, os verdadeiros heróis desta pandemia.

Repasse

Boa notícia. O Ministério da Saúde autorizou a transferência de incentivos financeiros os municípios e ao Distrito Federal para o combate à emergência em saúde pública em razão da pandemia da covid-19. São Carlos recebeu R$ 322.990,00 em recursos.

Repasse II

Esse incentivo financeiro, que envolve o total de R$ 454,331 milhões, será direcionado a todos os municípios brasileiros, para todas as escolas da rede básica pública de ensino, sejam municipais, estaduais ou federais, incluindo creches, pré-escolas, ensino fundamental, ensino médio e educação de jovens e adultos, independente de serem aderidos ao Programa Saúde na Escola.

Internado

O vereador Paraná Filho (PSL) precisou ser internado nesta terça-feira (28) na Santa Casa, em São Carlos em decorrência da piora de sua saúde por causa da COVID-19. O parlamentar testou positivo para doença na última sexta-feira. 

Internado II

O parlamentar está com febre alta e falta de ar. "Essa doença é traiçoeira. Eu estava bem até ontem, piorei de repente. Mas Deus está no controle e eu vou sair dessa", disse Paraná Filho. Melhoras ao parlamentar.

Afastamento

Uma decisão do Tribunal Regional do Trabalho da 15ª Região (TRT-15) obrigou a Prefeitura de São Carlos (SP) a afastar profissionais da área da saúde que integram o grupo de risco de contágio da Covid-19. Nesta segunda-feira (27) foram afastados cerca de 250 servidores da saúde por decisão da Justiça.

Afastamento II

Na decisão, foram classificados como grupo de risco: profissionais com mais de 60 anos; imunodeficientes; com doenças preexistentes crônicas ou graves; gestantes ou lactantes que cumprissem atividade presencial. 

Em toda a Prefeitura

Segundo informações no quadro total de servidores da Prefeitura, atualmente são cerca de 700 servidores (com os 250 da saúde) afastados de suas atividades. Quase 20% do quadro geral de servidores da Prefeitura.

Recorreu

A Procuradoria Geral do Município (PGM) já recorreu da decisão do Tribunal Regional do Trabalho da 15ª Região após Ministério Público do Trabalho (MPT) ingressar com Mandado de Segurança para o afastamento dos profissionais da Secretaria Municipal de Saúde com mais de 60 anos em virtude da COVID-19.

Recorreu II

A Procuradoria Geral do Município (PGM) ressalta, ainda, que nas duas ações civis públicas anteriores mencionadas pelo Ministério Público do Trabalho (MPT) de Araraquara ainda não há julgamento de mérito, e o município de São Carlos irá até o Tribunal Superior do Trabalho, vez que é tutelado pelo município de São Carlos é dever de proteção a saúde pública da população.

Pesquisas

Neste último final de semana foi um festival de números de pesquisas de intenção de votos nos grupos de WhatsApp em São Carlos. A boataria foi desmentida por dirigentes de partidos citados.

Pesquisas II

A que estamos aguardando mesmo é a da Rádio POP FM que deverá divulgado no dia 21 de agosto. A emissora comandada pelo competente Régis Cavalcante contratou uma empresa que irá ouvir 625 pessoas de forma presencial e seis regiões da cidade. Além disso tudo a pesquisa é registrada na Justiça Eleitoral.

Educação

Circula nas redes sociais um esboço de documento que cita que a Prefeitura deverá em breve celebrar convênio com a UFSCar para elaboração do Currículo da Educação Básica da Rede Municipal de Ensino. O repasse será de R$ 102.636,96 em parcelas mensais e consecutivas a partir da assinatura do convênio. Consta ainda que os profissionais da Educação andam na bronca com a secretaria, devido à essa possível contratação.

O rei local da rede social

E o vereador Leandro Guerreiro (Patriota) é destaque nas redes sociais, com quase 60 mil seguidores no Facebook e vídeos que bateram a casa dos milhões de visualizações. Guerreiro está sendo comparado a políticos reconhecidos nacionalmente, como o Prefeito de Colatina, Sergio Meneghelli; o Deputado Federal André Janones (AVANTE-MG); o Deputado Estadual Cleitinho (Cidadania-MG) e até com o Presidente da República, Jair Bolsonaro.

Animado

O título está deixando bastante animado o parlamentar para o seu próximo desafio. A Prefeitura de São Carlos. Guerreiro promete utilizar apenas a força das redes sociais para vencer a disputa eleitoral, mesmo concorrendo com adversários que terão maior tempo de televisão e recursos para a campanha.

Até sexta

Somos instantes e num instante não somos nada; assim é a vida, e ainda tem gente que se acha a última bolacha do pacote. Fale conosco: Este endereço de email está sendo protegido de spambots. Você precisa do JavaScript ativado para vê-lo.



Comentário(s) 

cesar | 31 Julho 2020
Parabéns a força tarefa, excelente trabalho na pandemia; deveria fazer esse trabalho contra a criminalidade, prejudicar trabalhador é fácil, agora esses esforços deveriam ser também contra o tráfico, roubos, furtos, homicídios, mesmo porque o secretário quando PM nunca tentou essa força contra a criminalidade, fica a dica.
Eleitor | 29 Julho 2020
Quem sabe ele não se candidata a presidente em 22 com tanto prestigio.