NESTA SEXTA-FEIRA (10/07) OS RADARES ESTARÃO OPERANDO NOS SEGUINTES LOCAIS:

RADAR 1 - RUA MANOEL JOSÉ SERPA (CENTRO/BAIRRO) VELOCIDADE MÁXIMA PERMITIDA DE 40 KM/H;

RADAR 2 - RUA MIGUEL PETRONI (CENTRO/RODOVIA) VELOCIDADE MÁXIMA PERMITIDA DE 60 KM/H;

RADAR 3 – AVENIDA FRANCISCO PEREIRA LOPES (USP/SHOPPING) VELOCIDADE MÁXIMA PERMITIDA DE 60 KM/H.

Muito estranho os últimos comentários que passaram a circular em relação ao Serviço Autônomo de Água e Esgoto (SAAE). Um tema que estava “esquecido” (sepultado jamais) voltou a assombrar os porões políticos da cidade. A privatização e ou concessão do SAAE para a iniciativa privada. Isso mesmo internautas, vai começar tudo de novo. 

Reclamação é geral 

Sim é correto, moradores de bairros como Santa Felícia e Cidade Aracy reclamarem das constantes falta d’água em suas torneiras. Tecnicamente falando, isso é previsível, afinal estamos falando de uma “rede de abastecimento e distribuição”, como ocorre com a rede de energia, transporte coletivo etc... 

É sofrido 

Entendam, não queremos aqui defender o SAAE, entendemos todo o sofrimento que a população passa quando abre sua torneira e não tem água (tenho exemplo bem perto de mim). 

Oportunismo 

O que não é correto agora são pessoas oportunistas aproveitarem do momento e voltarem a questionar o trabalho do pessoal do SAAE. A autarquia é a única coisa que funciona direito nesta cidade e se mantém funcionando de forma aceitável. Pessoal, frota, EPIs, estrutura, etc... 

Vamos pesquisar turma 

De uma vez por todas. Pesquisem antes de “pensar” besteira, (falar, sei que irão falar mesmo). Se vocês estão achando que privatizando o SAAE os problemas irão acabar, me desculpem, mas é a mesma coisa que acreditar no Papai Noel, Coelhinho da Páscoa, etc... 

Vamos pesquisar turma II 

Hoje com a internet é só pesquisar o serviço de água e esgoto de cidades que privatizaram o serviço. Os problemas são os mesmos, vazamento, falta d’água, abastecimento, queima de bombas, etc...

 Mas de onde saiu? 

Mas de onde tiramos essa história. Oras, circulou em um grupo de whatsapp, uma “estória triste e enfadonha de um município qualquer”. 

Foi o doutor 

O contador dessa fábula foi o ex-chefe de gabinete da Procuradoria Geral do Município, Dr. Ademir Souza e Silva.  Ele fez críticas aos servidores e aos serviços prestados pelo SAAE. 

Passado 

Ele citou que dois políticos anteriores “de muita safadeza e incompetência tentaram vender a água e cocô para empreiteiros bandidos” e que agora um candidato de alta plumagem que lidera todas as pesquisas está reorganizando a venda da autarquia com a batuta de algumas mesmas pessoas que fizeram esta articulação no passado. 

Em códigos 

Dr. Ademir ainda cita algumas pessoas, que não nos cabe aqui entrar nessa “bronca particular”. O que nos cabe é mostrar para a sociedade que estão mais uma vez querendo plantar a idéia na cabeça do povo de que o SAAE é uma porcaria, para assim entregá-la de mão beijada para a iniciativa privada. 

Na imprensa 

Até em outros órgãos de imprensa, o assunto já é comentado. O jornalismo da Rádio POP-FM (que Juquitou de vez) esta semana, falou de privatização na segunda e na terça-feira. 

Roupa Velha? 

Em agosto de 2017 escrevemos uma coluna com o título: “Privatização do SAAE estaria ganhando uma nova roupagem?” e citamos que “uma nova roupagem para articular a privatização da autarquia. A “nova roupagem” agora seria desmoralizar os funcionários. Ou seja, jogar no seio da população que lá todo mundo ganha muito e não faz nada”. 

Roupa Velha II? 

Tudo isso que escrevemos acima seria apenas “boatos” ou estão querendo “esquentar” uma marmita velha com comida nova? 

Fiscalização da ARES/PCJ 

No final do ano passado a Agência Reguladora dos Serviços de Saneamento das Bacias dos Rios Piracicaba, Capivari e Jundiaí (ARES/PCJ) realizou uma visita técnica em São Carlos, após receber um aumento considerável de reclamações de falta d’água. U relatório foi divulgado em novembro e apontou que a incidência de falta d’água se concentrava em três áreas no município: região da Vila Prado, Vila Nery e Santa Felícia. 

Relatório 

O documento também apontou que o índice de Perdas na Distribuição do SAAE (em novembro) era de 45%, de acordo com SNIS (2017). Segundo informações do SAAE durante a visita técnica esse índice não havia se alterado em 2019. Também de acordo com SNIS (2017), o consumo per capita em São Carlos foi de 228 litros/habitantes/dia.

Calúnia

Falar que o SAAE está de braços cruzados para os problemas relatados diariamente pela população é uma calúnia, conforme observamos no próprio relatório da ARES/PCJ. Ela mostra que o SAAE São Carlos está realizando diversas obras, e serviços para diminuir o problema de desabastecimento atual. 

Advertência 

Porém adverte que o “cenário” evidencia que a cidade está passando por um problema de desabastecimento como um todo. A ARES acredita que as obras em fase de finalização podem solucionar os problemas atuais de falta d’água, mas não por um longo período de tempo. “É crucial um planejamento de médio a longo prazo de demanda, e oferta de água, além do planejamento e execução de setorização e controle das pressões de toda a cidade”, cita o relatório. 

Alerta 

Outro alerta da ARES/PCJ foi em relação à presença de novos loteamentos, edifícios e condomínios em construção nos bairros visitados pela equipe do órgão regulador. “Mesmo com as diretrizes novas e mais rígidas para aprovação de novos loteamentos que o SAAE vem adotando, é necessário que se realize um estudo da demanda atual e prevista de água, incluindo o crescimento urbano projetado pelo planejamento da cidade”. 

Buzina de trem 

E a Câmara Municipal aprovou mais um Projeto de Lei que não vai servir para nada. É o que visa regulamentar a emissão de ruído e uso de buzina por composições ferroviárias que trafegam na área urbana do município. O objetivo do projeto é coibir a emissão de poluição sonora. 

Buzina de trem II 

Esse é um problema federal, para ser amenizado e ou discutido na esfera federal e ponto final. Tudo o que for feito a nível municipal é perfumaria, é aquele tipo de lei para “inglês ver”, infelizmente, pois o barulho realmente está infernal por toda a cidade. 

Saiu da toca 

Na sessão de ontem o vereador Sergio Rocha (PTB) resolveu tornar público o que todo mundo já sabe. Sua intenção de ser pré-candidato a prefeito. Rocha disse que já teria o aval do Diretório Estadual da legenda para o projeto e agora trabalha junto ao Diretório Nacional para conseguir apoio. Só falta agora agradar os caciques do partido do Diretório Municipal né Sergião? 

Show

A Câmara Municipal tem mais um artista. Trata-se do vereador Rodson (PSDB), sua performance na Tribuna durante a sessão de ontem, foi digna de astros Hollywood. Te até pausa para tomar um copo com água para “não enfartar”. 

Fiscalizando 

Dados divulgados pela Seção de Fiscalização Ambiental, vinculada à Secretaria de Habitação e Desenvolvimento Urbano, apontam que foram aplicados 287 autos de infração, no acumulado de janeiro de 2019 a março de 2020, por causa da ausência de limpeza em terrenos particulares da cidade. O montante gerado pelas autuações correspondem a R$ 462 mil. Além disso, somente neste ano, 65 proprietários foram autuados por ocorrências de queimadas. 

Fiscalizando II 

Outro ponto foram as 320 notificações para a regularização de calçadas feitas pela gestão municipal. No total, mais de 3 mil proprietários de terrenos já foram autuados ao longo de 2019 e 2020, vinculada à Secretaria de Habitação e Desenvolvimento Urbano. 

Fiscalizando III 

Falando em fiscalização, o pessoal vem realizando um bom trabalho durante a Pandemia. Cabe ressaltar que eles são liderados pelo “super” Rodolfo Penela. 

A terra dos super 

São Carlos realmente está se transformando em uma cidade de super-heróis. Depois do Edson Ferraz (o Super E), vem aí o Super Carneirinho. Iremos voltar ao assunto. 

Até sexta 

Um dia destes ainda vou rifar meu coração, pois ando descontente de sempre estar na contra mão deste mundo contemporâneo de narcisistas, masoquistas, individualistas, egoístas, fundamentalistas, incompletos e imediatistas. Mas espero que ganhe o número que não vendi. (Ricardo V. Barradas). Fale conosco: Este endereço de email está sendo protegido de spambots. Você precisa do JavaScript ativado para vê-lo. 



Comentário(s) 

Juvenal | 12 Junho 2020
É fácil ganhar para falar mal dos serviços públicos, só queria saber quem é que paga essa pouca vergonha
Juvenal | 12 Junho 2020
Pop levando jabazinho para detonar o saae essa é a verdade, essa rádio já perdeu a credibilidade
Juvenal | 12 Junho 2020
Não gosto muito da rádio pop e ultimamente tenho percebido suas críticas à respeito do SAAE e percebi que novamente o jabá tá comendo solto, antes era o juquita que levava e falava mal do SAAE mesmo com dois ex diretores do lado no interior debates, agora é a pop na jogada levando o jabazinho
Aécim Pódemais | 12 Junho 2020
Diz a lenda mundial que você só privatiza empresas públicas por dois motivos :Primeiro : se a empresa já esta dando muito prejuízo para o povo (entenda-se governo)Segundo: ou quando a [...]istração de plantão não tem competência para gerir a coisa.Se você privatiza uma empresa de saneamento você comete um crime , a final empresas particulares querem lucro , você acha que vão investir em bairros pobres ou miseráveis ? você acha que vão prestar um bom serviço pelo preço que o SAAE cobra? Pense nisso , o SAAE não tem culpa da ganância dos empresários , que querem aprovar seus negócios , que se dane se vai ter água , esgoto , transporte , saúde , escolas.A agente ganha grana e o governo que se vire , fácil né?
leitor assíduo | 11 Junho 2020
Quanto ao tópico "fiscalizando", cabe lembrar que o Ministério Público deveria fiscalizar as contas da Secretaria de Esportes e Cultura, principalmente os convênios, tão logo o secretário se afaste para dis[...]r a vice-prefeitura. Fantasmas e esqueletos em armários podem surpreender aqueles que se dispõem a encontrá-los.
Ao leitor | 10 Junho 2020
Só posso dizer uma coisa para você:
Ruim com o SAAE, muito pior privatizado, ai que o consumidor vai chorar no bolso com serviço do mesmo nível ou pior.
Consumidor | 10 Junho 2020
Etanol nos postos em São Carlos nos últimos 10 a 12 dias;
2,10 - 2,20 - 2,30- 240 - 250
Qual adjetivo se dá para isso ?
E o Procon cadê ação contra isso ?
leitor | 10 Junho 2020
Muito triste ver a imprensa local e TAMBÉM OS VEREADORES fazendo o trabalho de mãezona da Prefeitura. Sim, a imprensa local defende com unhas e dentes esta [...]istração. Carlinhos Lima é o maior defensor dessa [...]istração, e agora esta coluna também. Dizer que o SAAE tem feito um ótimo trabalho é um desrespeito aos munícipes. Como uma autarquia que DESPERDIÇA 53% DA ÁGUA TRATADA pode ser considerada eficiente. Ai vão dizer: mas a rede de tubulação é antiga.. Exatamente por isso deveriam colocar NOS CARGOS COMISSIONADOS QUE SÃO TÉCNICOS, PESSOAS CAPACITADAS, NÃO CARGOS POLÍTICOS, justamente para resolverem esse pepino. Não existe [...]istração corrupta com um jornalismo honesto e imparcial que passa informações reais. Triste ver que mais vale um patrocínio do que uma informação.