NESTA SEGUNDA-FEIRA (16/09) OS RADARES MÓVEIS ESTARÃO OPERANDO NOS SEGUINTES LOCAIS: 

RADAR 1 - Rua Miguel Petroni (CENTRO/RODOVIA) VELOCIDADE MÁXIMA PERMITIDA DE 60 kM/H; 

RADAR 2 – Av. Francisco Pereira Lopes (USP/SHOPPING) VELOCIDADE MÁXIMA PERMITIDA DE 60 KM/H; 

RADAR 3 – Av. Comendador Alfredo Maffei (BAIRRO/CENTRO) VELOCIDADE MÁXIMA PERMITIDA DE 60 kM/H.

Há tempos tento fazer essa comparação e hoje resolvi escrever algo a respeito quando passava pela rodovia Washington Luís (SP-310) no trecho urbano aqui de São Carlos. Pela enésima vez, vi o pessoal da empresa que é contratada pelas concessionárias, fazendo a limpeza dos acostamentos e canteiros centrais. É incrível a organização neste sentido. A moral do início desta coluna de hoje é questionar. Por qual motivo uma prefeitura, no caso em questão a nossa de São Carlos, não consegue se organizar como as concessionárias?

Zeladoria

Ah, as concessionárias são empresas privadas, Prefeitura não é, irão logo responder. Mas a pergunta é no sentido de organização, cronograma. Os políticos gostam tanto de fazer intercambio, troca de experiências, etc..., com outras cidades, com outros países, por que não “troca uma ideia” com os diretores destas concessionárias, para saber como eles se organizam tão bem?

Zeladoria II

Você não vê mato alto nas rodovias, buracos nas pistas, já na cidade...Meu Deus. Será que é tão difícil se organizar e manter um cronograma regular de limpeza e manutenção básica da cidade? Bom fica a dica!

Falando nisso

Já que o assunto é zeladoria, quando a Prefeitura vai dar um trato de verdade no viaduto 4 de Novembro? Para o pedestre o local esta perigoso, existem umas fendas em alguns encaixes do viaduto que são assustadoras.

Falando nisso II

Sem contar a iluminação. Um dos cartões postais da cidade, literalmente está no escuro. Custa muito trocar as lâmpadas?

Uber

E a Prefeitura Carlos resolveu estender o prazo para o cadastramento dos motoristas de aplicativos. O prazo final seria hoje (10), mas passaram para 28 de junho. As empresas 99Taxi e Uber já procuraram a Secretaria de Transporte e Trânsito, porém não fecharam questão para atuarem na cidade. Lembrando que essas duas, são as principais plataformas utilizadas, tantos pelos passageiros, como motoristas.

Uber II

Segundo o diretor de Transporte da Secretaria Municipal de Trânsito da Prefeitura, Kleber Luchesi, no que diz respeito a regularização das empresas de aplicativos, apenas quatro companhias fizeram o cadastro dentro do prazo previsto pelo decreto da administração.

Uber III

Quando estiver em prática o decreto que regulamenta o transporte por aplicativos na cidade, ocorrerá que quando a fiscalização pegar o motorista exercendo a atividade de maneira clandestina, ele poderá ser punido por 60 meses, ou seja, cinco anos. Será que esse decreto vai pegar?

E agora?

Terminou na última quarta-feira, 08, o prazo concedido pela Justiça para a Prefeitura de São Carlos fornecer os medicamentos a Nilton Carlos da Silva, de 60 anos, diagnosticado com hepatite C.

E agora Airton?

Foi o jornal Primeira Página quem mostrou esse drama em 24 de abril. Claudia Regina Gomes da Silva, a irmã de Nilton, disse ter percorrido todos os caminhos possíveis para salvar a vida do irmão, mas que encontrou apenas a trilha judicial para aliviar o sofrimento do parente.

Dificuldades

A Prefeitura de São Carlos, alega que também está tendo dificuldades em adquirir o medicamento, inclusive por ata de registro de preços. Ainda de acordo com a administração, o Ministério da Saúde mudou os protocolos de tratamento da hepatite, o que gerou uma nova barreira na aquisição dos medicamentos. A Prefeitura garante que está buscando todas as maneiras possíveis de atender ao paciente.

É caro

De acordo com a Prefeitura, o custo estimado do tratamento fica em R$ 600 mil. Rivabirina, por exemplo, custa algo em torno de R$ 734,00; o Sofosbuvir, R$ 44 mil e o Daclapasvir, R$ 22,8 mil.

Audiências Públicas

Olha não fácil acompanhar as audiências públicas que a Câmara Municipal realiza com os secretários municipais. Mas elas são interessantes, pois sempre apresentam números quem nem sempre são explorados ou divulgados.

Audiências Públicas II

Nesta quinta, estiveram na Tribuna da Câmara a secretária Helena Antunes (Gestão Pessoal) e Paraná Filho (Agricultura).

Quadro da Prefeitura

Helena divulgou aos vereadores que São Carlos fechou o exercício de 2018 com 4303 servidores, 47 temporários, 231 funções gratificadas, 92 Comissionados e que 370 servidores rescindiram contrato, 42 saíram pelo PDV e 06 servidores abandonaram emprego.

Mulheres dominam

70% dos servidores são mulheres, 30% homens, 55% deles casados, 30% solteiros, 50% tem nível escolar superior, 30% tem ensino médio, 92% residem em São Carlos, 46% nasceram no município e 60% tem entre 30/50 anos de idade.

Já a Agricultura

Paraná Filho divulgou que atualmente a pasta atende 78 unidades escolares. São 19.689 alunos, com 39.378 refeições diárias. Sete locais recebem feiras de verduras, frutas e legumes: Grécia, Praça XV, Praça Brasil, Praça dos Ypês, Bicão, Kartódromo, Voluntários. deve ser ampliado para Aracy. Hoje existem 02 unidades de Restaurante Popular, Vila Irene (280 refeiçõies/almoço), Aracy (300 refeições/jantar) e café da manhã trabalhadores rurais Aracy, santa Eudóxia, num total de 280.

3º Unidade no Antenor

Outra revelação é que a Prefeitura deverá inaugurar a terceira unidade de Restaurante Popular no Antenor Garcia ainda este ano.

Dados alarmantes

Você sabia que 85 idosos sofreram violência intrafamiliar em São Carlos em 2018 e que 56 mulheres sofreram violência familiar ou foram acolhidas pelos equipamentos de proteção da Prefeitura.

Bom final de semana

A luta que você está passando não é para te fazer parar, mas para te fazer crescer. Fale conosco: Este endereço de email está sendo protegido de spambots. Você precisa do JavaScript ativado para vê-lo.



Comentário(s) 

0
cesar | 16 Maio 2019
Paraná Filho assumiu a pasta e não conseguiu comprar os ovos de Páscoa, mas seu salário agora é maior, então dane-se; essa gestão vai atrasar em 4 anos a cidade, coitado de quem assumir a próxima gestão, se for o candidato do Boné, serão mais 4 anos de atraso, é coisa boa, tira os bezerros e coloca a boiada para mamar.
0
Jota | 10 Maio 2019
Agora a tarde passei a em frente a praça do cemitério onde há uma obra "interminavel", pois bem hoje estão asfaltando. Entre o asfalto novo e o leito antigo da avenida São Carlos, vai se formar verdadeira piscina quando chover, pois as mesmas estão em ângulos opostos. Não sou engenheiro , mas muito menos o é (ou parece que não) quem projetou e não percebeu aquilo. Vamos aguardar.