NESTA SEGUNDA-FEIRA (16/09) OS RADARES MÓVEIS ESTARÃO OPERANDO NOS SEGUINTES LOCAIS: 

RADAR 1 - Rua Miguel Petroni (CENTRO/RODOVIA) VELOCIDADE MÁXIMA PERMITIDA DE 60 kM/H; 

RADAR 2 – Av. Francisco Pereira Lopes (USP/SHOPPING) VELOCIDADE MÁXIMA PERMITIDA DE 60 KM/H; 

RADAR 3 – Av. Comendador Alfredo Maffei (BAIRRO/CENTRO) VELOCIDADE MÁXIMA PERMITIDA DE 60 kM/H.

Não é de hoje que a nossa tradicional Festa do Clima, “dá novidades”. A Festa que no linguajar popular é infelizmente conhecida como “Festa do Crime”, este ano, no seu final, voltou a protagonizar cenas lamentáveis em um confronto entre alguns jovens e adolescentes que atiram pedras e garrafas contra  Guardas Municipais e Policiais Militares. O estopim disso tudo foi a detenção de um adolescente com drogas no recinto.

Alguma novidade?

A Festa ganhou esse apelido de “Festa do Crime”, devido as inúmeras ocorrências que aconteciam nas edições anteriores. Furtos, pequenos roubos, tráfico de drogas etc... A cada ano que passa a gente observa que a GM e PM vem tentando melhorar a segurança do evento.

Mas...

O problema, lamentavelmente são os jovens e adolescentes. Com todo respeito as autoridades policiais, mas não dá para aceitar tantos “meninos e meninas” consumindo bebidas alcoólicas sem nenhum tipo de repreensão.

Mas...II

E o que é pior, tudo sendo vendido debaixo dos “olhos das autoridades”. Ah, mas nas festas universitárias, isso também ocorre! É verdade, mas hoje depois de tanta cobrança, essas festas são bem mais organizadas e profissionais.

E aí?

Já a Festa do Clima é uma festa da Prefeitura Municipal de São Carlos, para o povo. E todo ano a Prefeitura, não interessa quem é o prefeito toma porrada.

Valores

Primeiros são os valores gastos com a festa. Cachês de artistas, estruturas etc...Os comentários pelas redes sociais, são sempre os mesmos. “A cidade um caos e a Prefeitura gastando em festas”, “As UPAs lotadas e a festa rolando na baixada”, “Tem dinheiro para show, mas não tem para a Saúde”, e assim vai.

É preciso entender

A Constituição Federal garante o acesso do cidadão brasileiro a cultura. “Art. 215. O Estado garantirá a todos o pleno exercício dos direitos culturais e acesso às fontes da cultura nacional, e apoiará e incentivará a valorização e a difusão das manifestações culturais”.

É preciso entender II

Então chega de ficar batendo nessa tecla que gasta isso, gasta aquilo com shows e festas. Tem orçamento previsto para isso e ponto final.

E o confronto

Bom em relação ao confronto, para mim, isso não foi nenhuma novidade. Cachaça e drogas nunca deram certo, ainda mais nas mãos de jovens e adolescentes.

E confronto II

Aliás, teve sim: Graças as redes sociais a cada coisa que acontece nessa cidade, surgem novos formadores de opiniões, que se quer, entendem do assunto.

Lamentável

Foi o comportamento dos policiais militares que acabaram detendo um dia após o confronto na baixada do Mercado, um vendedor que foi levado para a delegacia por fazer um comentário contra a Polícia Militar no Facebook na quarta (1º), em São Carlos. Ele diz que foi obrigado por um dos policiais a gravar um vídeo pedindo desculpas.

Lamentável II

Na quarta de manhã o vídeo viralizou na Internet, uma hora após o comentário, o vendedor foi detido em frente a casa de sua avó na Vila Prado.  

Lamentável III

O Comando do 38º Batalhão de Polícia Militar do Interior informou que instaurou inquérito policial Militar para apurar a conduta dos três policiais que participaram da detenção.

Comprou a briga

Quem fico bravo com situação do vendedor detido pela PM, foi o professor e influenciador digital, Djalma Nery. Ele publicou nesta quinta-feira em sua conta no Facebook um vídeo onde ele “peita” a Polícia Militar.

Para encerrar

O secretário de Esportes, Cultura e Lazer, Edson Ferraz, comentou nesta quinta-feira (02) sobre os atos de vandalismo promovidos ao final da 53ª Festa do Clima de São Carlos. Para ele esse foi um caso isolado.

Para encerrar II

“Não podemos condenar uma festa que acontece há 53 anos em São Carlos. A Festa do Clima não é do prefeito Airton Garcia. É do povo de São Carlos, com bons shows e toda a estrutura necessária. A Guarda Municipal fez um excelente trabalho de monitoramento, com 14 câmeras. Foi uma festa em que circularam 50 mil pessoas e apenas 11 deram problema. Ninguém ficou ferido, apesar dos danos materiais”, disse Ferraz. Concordamos com você viu!

Lamentável

Esta semana, o vereador Roselei Françoso, lamentou em sua rede social a falta de compromisso e respeito com alunos e professores da Rede Municipal de Ensino. “Sabendo que o concurso público venceria em 10 de abril, a administração poderia ter contratado os professores ACTs até o final do ano. Como não fizeram, nossos professores ACTs terão que ser substituídos no segundo semestre”, escreveu”.

Lamentável II

Roselei continuou: “ Isso é horrível para nossos alunos, para a educação e principalmente para aqueles que há mais de três anos vêm servindo a educação com contratos temporários. Tudo isso é muito triste, infelizmente poucos se dedicam ao árduo papel da construção de uma educação pública de qualidade.

Lamentável III

Para Roselei a falta de professor não deverá ser um problema para a administração, o problema na verdade será para os alunos “que mais uma vez é vítima da incompetência da administração pública”, finalizou.

Que festão

Prefeitura de Ibaté realizou na quarta-feira, 1º de maio, a Festa do Trabalhador, na Pirâmide da Mata do Alemão. O evento teve início por volta das 15 horas e durou aproximadamente oito horas de muita música e distribuição de prêmios aos milhares de trabalhadores que estiveram no local.

Que festão II

Entre as atrações principais, o evento contou com as presenças de Carreiro & Capataz e de Mariana Fagundes.

Que festinha

Já a de São Carlos, foi uma festinha em comparação com a vizinha cidade. Lá eles têm o Parrela e menos “formadores de opinião” né? Rsrsrs

Véspera de feriado é assim

A última sessão da Câmara, quase passou despercebida devido ao feriado de 1º de Maio. Na sessão os vereadores rejeitaram dois vetos apostos pelo prefeito a matérias aprovadas pela Casa e aprovou por unanimidade quatro projetos de lei  que constaram na ordem do dia. Foram apresentados 3 projetos de lei, 72 requerimentos, 3 indicações e 6 moções.

Véspera de feriado é assim II

Em regime de urgência especial, foi aprovado por unanimidade o Processo No. 1538/19, da Comissão de Educação da Câmara, que altera dispositivos da Lei nº 13.889 (Estrutura e organiza a educação pública municipal de São Carlos, institui o Plano de Carreira e Remuneração para os profissionais da educação).

Artigo 25

A mudança se refere ao art.25 da lei no tocante às áreas de atuação dos integrantes do quadro da educação pública municipal, incluindo na área de apoio pedagógico tarefas de  organizar, planejar e participar da Hora do Trabalho Pedagógico Coletivo e Individual (HTPC/HTPI), garantindo o cumprimento dos mesmos e exercer atribuições que lhe forem diretamente cometidas pelo superior imediato.

Bom final de semana

Mas como diz o ditado: "se você quer paz, prepare-se para guerra". Eu estou pronto. E farei o que for preciso. (Djalma Nery, professor e influenciador digital em comentário em sua rede social). Fale conosco: Este endereço de email está sendo protegido de spambots. Você precisa do JavaScript ativado para vê-lo.

  



Comentário(s) 

+2
leitor assíduo | 07 Maio 2019
Chega de leniência. Lugar de bandido é na cadeia. Se os " meninos e meninas" fumam, bebem e cheiram e criam confusão, que sejam enquadrados na forma da lei. Dizer que são vítimas da sociedade equivale a ignorar os milhões de outros jovens igualmente marginalizados que lutam por uma vida melhor e com dignidade. Quanto aos políticos, basta olhar para os locais para entender o quanto são oportunistas, hipócritas e aproveitadores.
+4
Hamas | 03 Maio 2019
Estava tudo indo muito bem , ate a GCM se meter a ser puliça , quando o caldo entornou chamaram a PM , quanto a frase Si Vis Pacem Para Bellum e de autoria de Flavius Vegecius , centurião romano.
+4
cesar | 03 Maio 2019
Hipócritas, só utilizam a Constituição Federal para defender a bagunça, para as demais situações defendem os políticos por falta de verba, simples, acaba com a festa por falta de segurança e caos público. Quem defende a festa utilizando a Const Federal, deveria sobreviver com o salário mínimo, como reza a Const. Esse influenciador deveria levar os frequentadores da festa para a casa dele, fazer bagunça com ele, não com a cidade e pessoas de bem.
+8
Talvez, talvez | 03 Maio 2019
Tá lá no parágrafo 8 (É preciso entender II): " Tem orçamento previsto para isso e ponto final." Em resumo: se você é contra a festa e ela está no orçamento, revise seu voto para VEREADOR... o orçamento autoriza o executivo a gastar, e é aprovado pela Câmara, assim como as alterações seguintes...