OS RADARES MÓVEIS ESTARÃO EM OPERAÇÃO NESTA TERÇA-FEIRA (23/4) NOS SEGUINTES LOCAIS:

RADAR 1 - RUA LOURENÇO INNOCENTINI (BAIRRO/CENTRO) VELOCIDADE MÁXIMA PERMITIDA DE 50 KM/H;

RADAR 2 - RUA LOURENÇO INNOCENTINI (CENTRO/BAIRRO) VELOCIDADE MÁXIMA PERMITIDA DE 50 KM/H;

RADAR 3 - RUA DR. MARINO DA COSTA TERRA (BAIRRO/CENTRO) VELOCIDADE MÁXIMA PERMITIDA DE 50 kM/H.

E o reajuste dos salários dos vereadores, prefeito, vice e secretários, ainda está sendo bastante discutido pelas redes sociais e nos bastidores políticos da cidade. Muitos entendem que esses políticos já recebem muito e não deveriam ter aumento algum. (Nós não concordamos com essa tese).

Muller explica

Bom o sempre prestativo vereador João Muller, divulgou em sua rede social uma explicação técnica para definir um valor dos subsídios do Prefeito, Vice-Prefeito, Vereadores e Secretários Municipais, de acordo com a responsabilidade de cada cargo. Muller equiparou a remuneração dos agentes aos salários praticados na iniciativa privada, em empresas de grande porte.

Muller explica II

De 2008 até a última data base dos servidores do nosso município foram 11 (onze) reajustes dos servidores municipais: 2009 =5,9%, 2010 = 4.83%, 2011 = 7.5%, 2012 = 7%, 2013 = média de 8%, 2014 = 7%, 2015 =7.7%, 2016 =10.36%, 2017 = 4.76%, 2018 = 5% e 2019 = 4%, acumulados no período 72.05%. Ou seja, prefeito, vice-prefeito e Secretários tiveram correções anualmente, na mesma data dos servidores, sem o ganho real que teve a categoria.

Muller explica III

Muller explicou que o Prefeito de São Carlos, com o último reajuste, de terça-feira (26) receberá o subsídio de R$ 20.202. 44, o Vice -Prefeito R$ 10.101,22 e os Secretário Municipais R$ 10.888.00. A Câmara Municipal alterou os subsídios dos agentes acima mencionados na seguinte proporção de 2021/2024: Prefeito R$ 24.780,00, Vice-Prefeito e Secretários Municipais R$ 12.480,00.

Entendendo a lógica

“Suponhamos que a Câmara não tivesse definido novos valores ou o Prefeito vete o Projeto de Lei. Continuaria em vigor os parâmetros da Lei Municipal nº 14.457/2008. Muito bem. Em março de 2020 os servidores públicos de São Carlos terão um novo reajuste e  consequentemente prefeito, vice e secretários também, de acordo com o artigo 2º da 14.457/08. A inflação dos próximos 12 meses pelo IPCA deverá ficar próximo do teto, 4,5% ou até mesmo 5% de acordo com os especialistas na área”.

E continua...

“Na média de 4,5% o subsídio do prefeito chegaria em 2020 a R$ 21.111.54 e dos Secretários a R$ 11.377.96. Muito bem. Mantido a mesma legislação que fixou os subsídios em 2008, teremos em março de 2021, ou seja, dois meses após a posse do novo prefeito, vice e secretários novo dissídio dos servidores e do agentes políticos mencionados. Tomemos como base o mesmo percentual do IPCA de 4,5%.”

E continua II...

O parlamentar escreveu que no primeiro ano da próxima legislatura 2021/2024 o subsídio do novo prefeito será de R$ 22.061.00 e dos Secretários Municipais R$ 11.889.00. Resumindo, na média dos cargos, o Legislativo deu um ganho real aos agentes políticos de São Carlos de 6,5% e que o servidor público no período de 2008/2019 teve entre correção e ganho real 72,05%, o Chefe do Executivo e seus subordinados Comissionados externos 56,8%.

E finaliza

“Diante da responsabilidade do prefeito de uma cidade de 250 mil habitantes e de seus Secretários, bem como da dedicação exclusiva, e dos impedimentos do parágrafo 4º do artigo 39 da Constituição Federal, 6,5% de aumento, depois de 13 anos não deveria ser motivo de indignação. Aplique-se os encargos (IRRF e RRPS) e conclua sobre a remuneração sugerida”.

Craro

É lógico que as explicações dadas pelo vereador, gerou outra série de críticas dos internautas, que não entendem que os políticos também precisam ter seus salários reajustados. Mas tudo o que disse o parlamentar é a mais pura verdade, que a população concorde ou não.

Surdina

Voltamos a repetir na coluna de hoje, o problema desse reajuste foi a forma que acabou sendo votada. Não houve uma discussão com a população, foi tudo “muito rápido”. A mesa diretora pecou neste sentido.

Campanha sem exagero

Está rolando pelos grupos de WhatsApp da cidade, um áudio de um comerciante do ramo de lanches, onde ele comenta sobre o uso do tíquete alimentação dos servidores, hoje administrado pela empresa Green Card Alimentação.

Campanha sem exagero II

O comerciante que também representa o sindicato patronal da categoria diz que vários colegas de bares, lanchonetes e restaurantes o procuram para reclamar, do Green Card, alegando que o pessoal do sindicato patronal deveria procurar a Dra. Helena Antunes e verificar qual a funcionalidade do cartão, segundo o edital. A funcionalidade do cartão é para comidas prontas ou seja, o cartão não pode ser gasto em supermercados, açougue ou varejão.

Campanha sem exagero III

No áudio o comerciante critica os servidores que usam os cartões para outras finalidades que não seja a compra de comidas prontas. “Eu acho nada mais justo para quem fala muito mal de político, fala mal dos políticos, utilizar de forma errada o cartão Green Card, ou seja, está prejudicando o dono restaurante, de bar, lanchonete, hotel, de tudo que é lugar que possa gastar comendo comida pronta, certo e tem muitos aí amigos, donos de supermercado, que passa o cartão inteiro no supermercado e gasta horrores”.

Culatra

Acontece que a crítica, até que justa deste comerciante, pode sair pela culatra. O mesmo edital não permite que se venda bebidas alcoólicas. Ficamos sabendo que “alguém” foi até seu estabelecimento, comeu lanche e bebeu algumas cervejas, para pagar, usou seu cartão alimentação Green Card e pediu nota fiscal.

Culatra II

Consta que essa nota fiscal foi entregue a doutora Helena. E agora? Será que ele será descredenciado por vender bebidas alcoólicas no cartão?

PROHAB

E o simpático diretor presidente da PROHAB, Julio Cesar Alves Ferreira, terá problemas em breve. Ficamos sabendo que esta semana, representantes do SINDSPAM, estiveram verificando as condições de trabalho dos servidores, no prédio onde o órgão funciona.

PROHAB II

O que os sindicalistas encontraram foi preocupante, salas sem circulação de ar, paredes mofadas, gambiarras aqui e acolá, etc...

PROHAB III

Outra constatação foi em relação ao prédio da esquina da São Joaquim com a Conde do Pinhal. O acesso a este imóvel é pela rua Conde do Pinhal, onde existe inclusive uma porta. Só que os servidores para entrar neste imóvel, o acesso se dá apenas pelo o outro prédio na rua São Joaquim.

PROHAB IV

O prédio da esquina é antigo, o chão está com a madeira afundando (tem até uma faixa zebrada de interdição) e pasmem, se acontecer alguma coisa, tipo um incêndio, os servidores não conseguirão sair pela porta da frente, pois a mesma, por determinação do simpático Julio, vive trancada e a chave fica com ele.

PROHAB V

Oras, estranho o Julio deixar sua casa tão desarrumada. Faz obras para a Prefeitura por toda a cidade e nos prédios onde funcionam o órgão, que diga-se de passagem são alugados, estão um esculacho. Falando em obras por toda a cidade, dizem que Julio poderá no futuro próximo, ter problemas graves com a Justiça.

Atenção Paraná

O antigo secretário da Agricultura Deonir Tofolo, até ontem não havia resolvido a questão fo fornecimento do café da manhã para os servidores das UPAs, conforme estabelece o Acordo Coletivo da categoria.

Atenção Paraná II

Será que o novo secretário, Paraná Filho irá resolver esse impasse?

FESC

Falando no Tofolo, dizem que ele continua na Administração, vai ocupar a presidência da FESC. Esperamos que ele não arrume as mesmas confusões com servidores, como arrumou na Agricultura. Só lembrando, que no ano passado, três servidoras entraram na Justiça por assédio moral e com acusações graves.

FESC II

Os comentários são de que na FESC até ontem, a paz reinava naquele local. Agora com a possível chegada de Tofolo, a paz está ameaçada, segundos comentários de alguns servidores, que já até estão mandando mensagens para o sindicato da categoria (SINDSPAM), ficar atento.  

Bom final de semana

Se você está preso à uma situação que tem te oprimido e angustiado,eu quero que você abra o seu espirito para receber e tomar posse: a maré está prestes a virar a seu favor! Se você se libertar desse desânimo, resgatar sua esperança e ficar na expectativa da bondade Divina, creia que voltará ao caminho do seu destino e entrará na melhor fase da sua vida.(Fábio Teruel). Fale conosco: Este endereço de email está sendo protegido de spambots. Você precisa do JavaScript ativado para vê-lo.



Comentário(s) 

+1
Seu Madruga | 04 Abril 2019
Ácidas, minha linda, você voltou!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!
Será que teremos a mesma imparcialidade do governo anterior?
Uma dica:
Tem duas empresas trabalhando na cidade levando uns 3 milhões, as duas juntas sem contrato ou licitação (esta no Portal da Transparência).
Vereadores são cegos para isso!
Imprensa surda!
Ministério Público não existe!
Com um detalhe, uma faz 80% do serviço e deixa um grande "rabo" para trás.
Tinta e concreto corre solto...
+6
leitor assíduo | 29 Março 2019
Muller pode falar o quanto quiser para explicar o aumento no subsídio dos vereadores e defender seus interesses. Se estivesse preocupado com a situação precária dos cofres municipais e atento à vontade dos eleitores, proporia redução dos valores pagos aos edis, nunca o reajuste escabroso que ajudou a aprovar. Alguns vereadores da atual legislatura são analfabetos funcionais e jamais ganhariam nas eventuais profissões que possam ter salário correspondente ao subsídio que o povo lhes paga. O povo paga o subsídio que os vereadores recebem, mas os vereadores decidem quanto querem ganhar. Em qual lugar do mundo o empregado impõe ao patrão o salário que deseja receber? Só no Brasil e na política brasileira, porque o povo gosta de usar nariz de palhaço.
+2
cesar | 29 Março 2019
Miller na iniciativa privada o trabalhadores de fato, trabalham todos os dias, trabalham; O correto seria aumento igual para todos os funcionários, já que ganham bem menos e trabalham muito mais. Depois que criaram a Secretária da Seg Pública Municipal, a GM sumiu, até o canil acabou, estranho, má influencia dos novos membros ou conseguiu o que queria agora "empurrar com a barriga". Resumindo o Paraná Filho assumiu a secretária abandonando seus eleitores ( Leandro tinha razão no que dizia) e Deonir Tofollo continua, " Desmamou os bezerros e colocou uma boiada no lugar", é coisa boa.
+7
Hamas | 29 Março 2019
Muller , pega sua tese e enfia sabe a onde ? esse papinho não cola , querer comparar empresa privada com órgão público mostra sua total ignorância sobre o assunto , na empresa privada o que é fundamental é o LUCRO já na [...]istração pública é o bem estar do cidadão e a [...]istração da cidade e seu desenvolvimento . Porque vocês não fazem uma lei que equipara o salário dos políticos aos dos funcionários de carreira? porque não fazem isso ? , pois os salários de vocês por si só já é alto e abusivo , ainda mais num país destroçado por um golpe e agora com um maluco no poder que só pensa em ferrar os trabalhadores e aposentados . Vincula o salário de vocês aos dos funcionários ai sim , poderão ser ate chamados de honestos.
Sistema Organização Contabil
Fóvea