NESTA TERÇA-FEIRA (13/11/18) OS RADARES MÓVEIS ESTARÃO NAS SEGUINTES VIAS: 

RADAR 1 – RUA RAY WESLEY HERRICK (CENTRO/BAIRRO) VELOCIDADE MÁXIMA PERMITIDA DE 50 KM/H; 

RADAR 2 - RUA RAY WESLEY HERRICK (BAIRRO/CENTRO) VELOCIDADE MÁXIMA PERMITIDA DE 50 KM/H. 

RADAR 3 - RUA DR. MARINO DA COSTA TERRA (BAIRRO/CENTRO) – VELOCIDADE MÁXIMA PERMITIDA DE 50 KM/H.

O transporte público sempre foi uma enorme caixa preta. Para a população, nunca chegou a informação real. O transporte é lucrativo ou não? A Prefeitura está com a faca e o queijo na mão para desvendar esse mistério. Apenas desvendar esse mistério? 

Evidente que não! 

A publicidade é algo fundamental para sabermos se o subsídio é importante para a manutenção do transporte público. Mas pelo visto esta administração não é tão chegada assim à transparência. Se fosse, chamaria a sociedade para debater o modelo ideal de transporte. 

Balde 

Caiu como um balde de água fria a decisão da juíza Gabriela Müller sobre o transporte público. Ela determinou que o advogado Ademir Souza e Silva mantenha-se distante da licitação do transporte público, sob pena de pagar R$ 10 mil diários em caso de desobediência. 

Dedo duro 

E mais: quem deve participar da elaboração é o secretário de Transporte e Trânsito, Coca Ferraz, o presidente da Comissão de Licitações, Roberto Rossato e procuradores de carreira. Se os envolvidos não denunciarem as eventuais interferências do doutor Ademir, receberão multas diárias de R$ 10 mil. 

Dedo duro II 

Coloque-se no lugar de Coca e Rossato. Diante de uma determinação do gênero, você ficaria calado ou botaria a boca no trombone? 

Ônibus 

Outra situação delicada. A Justiça quer uma frota de 120 ônibus. A Prefeitura diz que recebeu 84 da Suzantur. Se não obedecer, tomará mais multa. Que samba, não acham? 

Me belisca 

Um amigo na rede social fez o seguinte questionamento: “Sem entrar no mérito, mas como que o jurídico da prefeitura ficará longe da licitação do transporte se é ele quem tem que garantir o cumprimento do edital junto com o setor de transporte?”  

Renova São Carlos 

Não, não estamos falando em renovação política, mesmo porque isso não funcionou nas últimas eleições. Veja só a nossa Câmara Municipal, teve uma boa renovação em nomes, mas em qualidade de serviço...Vixe deixa e muito a desejar... 

 Renova São Carlos II 

Estamos falando da campanha que a Prefeitura irá iniciar em Fevereiro. A proposta é promover a limpeza das áreas, conscientizar a população sobre a importância da destinação de objetos e materiais descartados e mapear os pontos de descarte irregulares. 

Missão Impossível 

Promover a limpeza até acreditamos que isso seja possível. Agora conscientizar a população é difícil. O povo tira o entulho da sua casa e joga na do vizinho e sempre foi assim. 

Missão Impossível II 

Quanto ao mapeamento dos pontos de descarte é impossível. Qualquer cantinho um pouco escondidinho já vira um ponto de descarte. Sem contar que tem aqueles já famosos e que mesmo “mapeados”, continuam abertos para tal finalidade. 

Dia 03 

A primeira ação será no próximo sábado, dia 3 de fevereiro, a partir das 8h. O trabalho será feito no entorno de 9 escolas da região do Cidade Aracy. Posteriormente, o mutirão será estendido para outras regiões da cidade. 

Um perigo para pedestres 

E hoje oficialmente estão inaugurando a Farmácia de Alto Custo, localizada na rua Santa Cruz, número 198, Centro. A nova sede, que irá proporcionar melhor estrutura para usuários e funcionários. 

Um perigo para pedestres II 

Só que atravessar a rua Santa Cruz em frente a farmácia é uma loucura. A toda hora é carros, motos e ônibus descendo. Os mais idosos é quem mais sofre com a situação. Será que não poderiam ao menos instalar ali uma travessia segura e segurar “um pouquinho” a velocidades dos veículos? 

Um perigo para pedestres III 

Não vai demorar muito para termos algo mais grave ali. 

Justa homenagem 

A farmácia foi denominada "Antônio José Rodrigues Asenha" por meio da lei nº. 18.384/2017, de autoria do vereador Marquinho Amaral (PMDB), em homenagem ao “Toninho” da antiga e tradicional Farmácia Asenha. 

Redução 

Foi publicado no Diário Oficial o fechamento do balancete da Prefeitura Municipal, referente ao ano de 2017. Os números mostram que em relação a despesa com pessoal (funcionalismo), houve uma redução do índice do limite prudencial de 52,88% em 2016 para 49,61% em 2017. 

Redução II 

A briga esse ano para reajustar os salários do funcionalismo público municipal, vai ser boa entre o SINDSPAM e a secretária Helena Antunes. A principal desculpa da Prefeitura sempre foi o limite prudencial. Vamos aguardar... 

Até sexta  

O homem modesto tem tudo a ganhar e o orgulhoso tudo a perder: é que a modéstia tem sempre a ver com a generosidade e o orgulho com a inveja. (Antoine Rivarol). Fale conosco: Este endereço de email está sendo protegido de spambots. Você precisa do JavaScript ativado para vê-lo. 

Adicionar comentário

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do Portal SCDN. Se achar algo que viole as regras de uso, denuncie.


Código de segurança
Atualizar codigo