NESTA QUARTA-FEIRA (14/11/18) OS RADARES MÓVEIS ESTARÃO NAS SEGUINTES VIAS: 

RADAR 1 – AV. TRABALHADOR SÃO-CARLENSE (CENTRO/BAIRRO) VELOCIDADE MÁXIMA PERMITIDA DE 60 KM/H; 

RADAR 2 - AV. TRABALHADOR SÃO-CARLENSE (BAIRRO/CENTRO) VELOCIDADE MÁXIMA PERMITIDA DE 60 KM/H. 

RADAR 3 - RUA JOSÉ BONIFÁCIO X RUA 1º DE MAIO (CENTRO/BAIRRO) – VELOCIDADE MÁXIMA PERMITIDA DE 50 KM/H.

Vereadores de São Carlos há tempos, não estão satisfeitos com o salário que ganham. Mas o medo de expor essa insatisfação para a sociedade os faz quase mudos quando esse tema é discutido em rodinhas, principalmente entre munícipes.

Tabu I

Prestes a completar uma década de congelamento, a remuneração do parlamento são-carlense é assunto proibido de se tratar com a imprensa. Hoje, um deputado estadual ganha R$ 25 mil. Logo, um parlamentar de São Carlos poderia receber 50% desse montante, ou R$ 12,6 mil. Na cidade, um parlamentar ganha R$ 5,7 mil brutos, na sua conta porém liquido vai R$ 4,8 mil.

Ofício

Mas por que o assunto causa tanta polêmica entre a sociedade são-carlense? Simples, porque muitos vereadores, inclusive alguns que estão nesta legislatura, encaram a condição como ofício. Tem vereador com profissão na Câmara, mas que não a exerce faz tempo. Diante desse cenário desfavorável, a opinião pública se volta contrária ao vereador.

Ofício II

O salário de um vereador depende de vários fatores, entre eles estão a lei orgânica de cada município, a Constituição Federal e a receita total do município. Além disso, a remuneração mensal dos vereadores não pode ser maior que R$ 21.080,76 brutos (sem descontos), equivalente 75% do salário dos deputados estaduais.

Demagogia ?

A defasagem dos vencimentos dos vereadores se deve à demagogia deles, que tremeram na base para a opinião pública. O responsável pelo congelamento do subsídio em 2008 foi o ex-vereador Edson Fermiano.

Atuação Pífia e Subserviente

Muitos vereadores que passaram pelo Legislativo e alguns que aí estão são covardes. Muitos deles não fizeram por merecer uma remuneração melhor por terem uma atuação pífia e subserviente ao Poder Executivo em diversos momentos da história política de São Carlos.

Comparação

Cidades da região remuneram melhor os seus políticos. Ribeirão Preto, R$ 13.809,95, Rio Claro R$ 8.225,090, Araraquara, R$ 6.550 são três exemplos que citamos. Hoje, o país vive uma situação dramática nas finanças públicas. E não é o momento de se discutir elevação de subsídio.Vão ter de engolir a demagogia a seco. E se reclamarem da remuneração, a sociedade vai indicar um caminho. A exclusão da vida pública por meio do voto.

Repasse

A Prefeitura de São Carlos efetuou nesta terça-feira (25), o pagamento relativo aos serviços prestados pela Santa Casa de São Carlos no último mês de março, apresentação abril de 2017. No total foram R$ 3.488.988,39.

Repasse II

Foram repassados com recursos municipais, os chamados recursos de Fonte 1, R$ 1.180.000,00 para o pagamento dos Serviços Médicos de Urgência, ou seja, para pagamento dos médicos plantonistas, e R$ 314.500,00 referente a diferença dos plantões realizados no último mês de fevereiro, já que o repasse mensal passou de R$ 865.500,00 para R$ 1.180,000,00.

Repasse III

Os demais repasses foram realizados no último dia 20, via Governo Federal, chamados recursos de Fonte 5, referente aos seguintes procedimentos e programas: procedimentos hospitalares de média complexidade (R$ 688.058,15), procedimentos ambulatoriais de média complexidade (R$ 238.211,85), INTEGRASUS (R$ 90.045,80), Incentivo a Contratualização (R$ 453.135,00), teto da Rede de Urgência (R$ 440.720,64) e Rede Cegonha (R$ 84.316,95).

Esportes

E apesar de ser criticado por alguns,quem também vem fazendo um bom trabalho é o Secretário de Esportes Edson Ferraz. Vários campeonatos estão em andamento, outros estão previstos para em breve.

Esportes

Ferraz também tido como um “bombeiro” de Airton Garcia, tenta do seu jeito fazer um trabalho de bastidor entre Executivo e Legislativo.

Só agora?

O secretário Caco Colenci (Saúde), admitiu nesta terça-feira aos vereadores que a administração conversa com a Santa Casa sobre a possibilidade de recomposição dos quadros médicos de urgência e emergência.

Só agora II ?

Ainda segundo informações extraoficiais, há alguns passos a serem consolidados para a concretização dessa ideia. Primeiro, seria o aval das Mesas Diretora e Clínica do hospital. Além disso, caso a Santa Casa administre o quadro clínico de duas UPAs, os envolvidos nas negociações querem o respaldo do Ministério Público e da Vara da Fazenda Pública.

Só agora III ?

É importante destacar que só ocorreu após possibilidade de abertura de Comissão Parlamentar de Inquérito (CPI) para investigar o fechamento de duas Unidades de Pronto Atendimento (UPAs) em São Carlos.

Ele avisou antes

O vereador Lucão Fernandes (PMDB) já havia usado a Tribuna da Câmara em março e sugerido essa possibilidade. Mas naquela época a Administração estava meio que surda quando o assunto era alguma relação com a Santa Casa. Como as coisas mudam rapidamente em política.

Greve

Os Sindicatos, Movimentos Sociais, Frente Brasil Popular, Comitês Contra a Reforma da Previdência, Subsede CUT São Carlos estão se mobilizando esta semana para a Greve Geral da próxima sexta-feira (28). O Brasil Vai Parar e São Carlos também

Greve II

Confira o que foi programado para o movimento em São Carlos28/04 - Greve Geral:

4h - Ato na garagem da empresa que faz o transporte coletivo na cidade

4h30 – Paralisação nas maiores empresas metalúrgicas

7h – Assembleia de Paralisação na UFSCar

8h - Concentração com ato APEOESP na Praça Coronel Salles, rumo à Praça do Mercado Municipal

9h – Concentração com ato dos Trabalhadores (organizado pelos Sindicatos), na Praça Itália rumo à Praça do Mercado Municipal

10h – Ato unitário na Praça do Mercado Municipal

Até sexta

 

Estou fazendo greve de reações, como um rato que percebe a trama maligna do laboratório.(Helom). Fale conosco: Este endereço de email está sendo protegido de spambots. Você precisa do JavaScript ativado para vê-lo.



Comentário(s) 

+1
marcos | 28 Maio 2017
Salario bom pra eles nos representar seria um salario minimo
+5
Descomplicando | 28 Abril 2017
Proporcional ao serviço prestado acho que eles ainda ganham bem até demais. Eram 13 ociosos, agora são 21... Diminui para 15 que daria para aumentar o salário para uns 3 mil. Entendeu?
+4
Eleitor | 28 Abril 2017
É simples, quem votar por aumento não recebe votos na próxima eleição
-13
Trabalhador | 26 Abril 2017
Concordo com os comentários, mas vamos ser justos:, os vereadores , trabalham diariamente e não só 4 horas por semana, mas isso não quer dizer que sejam eficientes, alguns até são (como os casos do Leandro, Paraná, Lucão) que podem às vezes cometer erros e injustiças, mas dão a cara a tapa.
+22
eleitor insatisfeito | 26 Abril 2017
Um jornal da cidade reportou que o salário dos vereadores deveria ser R$ 12,6 mil. Falácia! A coluna corrigiu. Poderia ser esse valor. Considerando a realidade sócio-econômica do país, o subsídio atual é mais que suficiente, não cabendo falar em aumentá-lo. Quantos ganham R$ 5,7 mil brutos no Brasil? Vereança não é profissão e pelo tempo dedicado à função, o salário atual pode até ser exagerado. Demagogia é dizer que vereador merece ganhar mais. Não merece. Se não estiverem contentes, procurem um trabalho de 8 horas diárias como qualquer trabalhador. Quantos vereadores ganhariam R$ 5,7 mil na lida diária. Pela competência, poucos; quase nenhum
+20
Desempregado | 26 Abril 2017
4.800 por mês, fora as verbas de gabinete que a gente sabe que sempre acaba sobrando no bolso de alguns. Isso daria 1200 reais por 4 horas de trabalho semanal. O que eu ganhava para carregar saco de cimenso 8 horas por dias, 5 dias por semana. Justo seria esse bando de sem vergonha ganhar por projetos aprovados e não para ficar naquele corredor conversando. Lembrando que dar nome a ruas ou homenagem a profissionais não é trabalho. Vemos vereadores como a cidinha por exemplo qie mais faltou do que compareceu nas sessões. É justo ela ganhar esse dinheiro? Se eu faltar um dia descontavam do meu holerite. Estamos nessa situação no a somente pelo despreparo do antigo gestor, mas também pela incompetência da última câmara. A real: esses vereadores deveriam e ganhar uma cesta básica e só.