OS RADARES MÓVEIS ESTARÃO EM OPERAÇÃO NESTA SEGUNDA-FEIRA (17/6) NOS SEGUINTES LOCAIS:

RADAR 1 - AVENIDA TRALHADOR SÃO-CARLENSE (RODOVIÁRIA/USP) VELOCIDADE MÁXIMA PERMITIDA DE 60 KM/H;

RADAR 2 - AVENIDA BRUNO RUGGIERO FILHO (BAIRRO/shopping) - VELOCIDADE MÁXIMA PERMITIDA DE 60 KM/H;

RADAR 3 - RUA MIGUEL PETRONI - (RODOVIA/CENTRO) - VELOCIDADE MÁXIMA PERMITIDA DE 60 kM/H.

A lua de mel entre Câmara e Prefeitura. Quem acompanhou a sessão de ontem, comprovou o que escrevemos. Por enquanto, poupam o prefeito Airton Garcia (PSB) das críticas, mas o primeiro escalão começa a ser alvo das cacetadas. Até quando o governo vai suportar a pressão, não sabemos.

Jurídico

O presidente da Câmara, Julio Cesar (DEM) mirou como alvo o procurador jurídico da Prefeitura. Segundo ele, Ademir Silva e Souza demora muito a responder às demandas. E citou um questionamento do Ministério Público sobre um Termo de Ajustamento de Conduta (TAC) para tentar a solução do impasse das UPAs fechadas.

Incomodados

O que dá para se perceber é que há um grande incômodo da Câmara com a morosidade do Departamento Jurídico da Administração. Marquinho Amaral (PMDB), em tom mais provocativo, sugeriu a Airton Garcia meter o pé no bumbum do chefe de Gabinete do Jurídico.

AME

Muller também fez colocações firmes. E corretas. Que história é essa de tentar mudar o AME de local? Até concordamos com o prefeito e com o secretário de Saúde que a instalação do AME na cidade foi muito torta, mal costurada, mas é preciso analisar os riscos de perda de um grande equipamento de saúde.

Loucura, loucura

O médico e vereador Chico Loco (PSB) também colocou no canto, sem chance de defesa para o goleiro. Segundo ele, os médicos da UTI Infantil estão sem receber. O assunto é novo. Só se falava da falta de pagamento dos plantonistas do SMU, nunca da UTI Infantil. Com a palavra, a Santa Casa.

Assim não

O prefeito Airton Garcia (PSB) poderá sofrer sanções da Justiça do Trabalho após ter chamado de "vagabunda" uma servidora pública municipal em uma emissora de rádio. Isso por conta de um TAC assinado na gestão passada com o Ministério Público do Trabalho onde o gestor (na época Paulo Altomani) se comprometeu em não permitir que qualquer de seus servidores, incluindo gestores, comissionados, diretores e gerentes praticassem atos de assédio moral.

Assim não II

"Temos um processo no Ministério Público no qual nós denunciamos a prefeitura na época. Esse TAC está ali e o prefeito na época teve que assinar o termo se comprometendo a resolver os problemas e esse TAC serve também para a atual administração. Nosso departamento jurídico está fazendo todo encaminhamento das provas e vamos pensar junto com esse processo todas essas denúncias que estão chegando ao sindicato então nós vamos tomar providencias sobre isso", disse o presidente do sindicato Adail Alves de Toledo em uma entrevista a uma emissora de rádio.

Assim não III

Esta não foi a primeira vez que Airton Garcia, destratou funcionário público em emissoras de rádio. Aos poucos, infelizmente o atual prefeito vem repetindo os mesmos erros “infantis” de Altomani.

Porcaria

E o recape feito nas ruas do Jardim De Cresci deve ter sido feito de algum tipo de asfalto “biodegradável”. Não faz um mês que o serviço foi realizado e algumas ruas do bairro já estão desmanchando.

Porcaria II

Na rua Lázaro Cândido Filho as enxurradas das chuvas que caíram na cidade nos últimos dias, provocou diversos danos no asfalto.

Porcaria II

No final de fevereiro o secretário de Obras, arquiteto Reginaldo Peronti, acompanhado por engenheiros da pasta, foi até o bairro assim que o serviço de recape foi concluído e verificou que o serviço não foi bem feito.

Porcaria III

A Prefeitura na época esclareceu que tomou medidas necessárias para que a empresa realizasse a manutenção e solucionasse o problema no asfalto. Informou ainda que o pagamento do serviço não foi efetuado e só será feito quando a obra estiver totalmente recuperada.

Porcaria IV

O processo licitatório para o recape do Jardim De Cresci foi realizado ano passado. No total, foram recapeados 19.586 m², um investimento de R$ 545.623,12, com recursos disponibilizados pelo Conselho Municipal de Desenvolvimento Urbano de  São Carlos (Comdusc).

É brincadeira né?

Veja só essa. Recebemos a informação que o superintendente da TVE o ex-vereador Eduardo Brinquedos está ligando para algumas grandes empresas da cidade, pedindo uma “colaboração” para desenvolver um projeto na TV.

É brincadeira né II ?

Acontece que ninguém na Prefeitura sabe como esse projeto será desenvolvido. Nem Dudu Toy sabe. É pra rir ou chorar?

O recado

“Por fim, gostem ou não as pessoas, é assim que penso, é assim que atuo, ou seja, sem amigos a ajudar e sem inimigos a prejudicar”. (Luis Luppi em postagem endereçada ao prefeito Airton Garcia na rede social). Fale conosco: Este endereço de email está sendo protegido de spambots. Você precisa do JavaScript ativado para vê-lo.

 

 



Comentário(s) 

+3
leitor | 09 Março 2017
Também o que se poderia esperar de um candidato que tem apoio do malfadado balaio de gatos ( ou seria ratos), só poderia dar nessa porcaria toda, ou seja vão se passar os 4 anos e o barbudo maluco assim como seu antecessor degenerado não vai fazer nada, ou melhor vai sim, vai pagar muito jaba pro anão analfabeto da radio sertaneja.
+1
cidadão | 09 Março 2017
Não há nível de comparação entre os governos Altomani e Ayrton, só quem quer tumultuar mesmo é que iguala os dois. O Ayrton já fez mais em dois meses que o Altomani no ultimo ano. Agora o Ayrton está peitando uns caras que não gostam de
ser confrontados, dia a chiadeira. Ele está no caminho certo.
+4
cesar | 09 Março 2017
Muito estranho, verbas chegando (Ipva, Iptu, etc), as canequinhas das esmolas continuam na cidade da tecnologia, tapa buracos by Damha, limpeza presidiários, médicos sem receber, até o Dudu quer. Onde o nosso dinheiro está sendo gasto, para de falar mer... e trabalhe.
+11
Jco | 08 Março 2017
Não se esqueçam que os professores estão sem receber os aditamentos! Está cheirando a colote!
+3
FALANDO NISSO...... | 08 Março 2017
Enquanto isso no SAAE.............
+9
oráculo político | 08 Março 2017
Haverá alguma assombração no paço municipal? Se Aírton replica Altomani na falta de compostura, ou são iguais na falta de berço, ou alguma alma penada está assombrando o prefeito. Político eleito não tem partido, deve respeito a todos e precisa saber aglutinar. Aírton, como Altomani, está desagregando. Quanto aos vereadores, cabe-lhes fiscalizar o prefeito, denunciar irregularidades e cobrar soluções. Parece que estão tirando a bunda da cadeira. Antes tarde que nunca, mas, se as críticas tiverem por objetivo acomodar lambe-bundas em carguinhos de confiança, pau neles, também, porque não merecem respeito.