NESTA TERÇA-FEIRA (19/11) OS RADARES ESTARÃO OPERANDO NOS SEGUINTES LOCAIS: 

RADAR 1 - AVENIDA COMENDADOR ALFREDO MAFFEI (CENTRO/BAIRRO) VELOCIDADE MÁXIMA PERMITIDA DE 60 KM/H; 

RADAR 2 – AVENIDA JOÃO DE GUZZI X RUA MARCOS VINICIOS DE M. MORAES - VELOCIDADE MÁXIMA PERMITIDA DE 60 KM/H; 

RADAR 3 - AVENIDA TRABALHADOR SÃO-CARLENSE (BAIRRO/CENTRO) VELOCIDADE MÁXIMA PERMITIDA DE 60 KM/H.

Você teve tempo de se ocupar do horário eleitoral gratuito dos candidatos a prefeito de São Carlos? Se a resposta for negativa, parabéns. Não perdeu nada. Esta campanha, no rádio e na TV, é uma das mais medíocres da história política local.

Sem propostas

Quando as propostas são apresentadas, nota-se que não são factíveis. Parecem conteúdo de uma peça de ficção. E quando são apresentadas, dá para se notar que não serão concretizadas. A prefeitura não tem dinheiro.

Conclusão

Desgraçadamente, podemos cravar sem dúvidas: esta é a pior eleição para se escolher um prefeito. Infelizmente, a legislação eleitoral nos faculta no direito de expressar as nossas opiniões. Mas pelo menos o recado será dado: preste bastante atenção no candidato que escolher. É isso!

Mas nem tudo está ruim

A única coisa que dá para aproveitar do horário eleitoral são os jingles dos candidatos. Até que estão bonitinhas...

Trairagens

E as tão esperadas traições já começaram na esfera eleitoral. Candidatos que outrora eram inimigos já posam lado a lado. O que é triste.

Falando em trairagem

Um internauta no Facebook soltou a seguinte pérola: “Fazer campanha política para o Altomani aqui em São Carlos é como andar de pantufa: em casa, é uma delícia. Mas experimenta sair na rua pra ver a vergonha que é!”. Vixe!

Falando em trairagem II

Mas faz sentido o que ele escreveu. O que tem de gente que ainda diz estar no barco e que na verdade já caiu nos braços dos adversários, não está escrito. Quem passou por situação semelhante com alguns “aliados” na eleição passada foi o então prefeito Oswaldo Barba. O que ele levou de trairagem não está escrito. O resultado foi a perda da eleição.

Testes, Testes

O que foi aquilo que a Secretaria de Trânsito aprontou na tarde da quinta-feira na região da Praça Itália. Eles simplesmente travaram tudo, eu disse tudo. Filas e mais filas para quem vinha do Cruzeiro do Sul, pela Getúlio Vargas e pela avenida São Carlos.

Testes, Testes II

Dizem que a referida secretaria necessita urgentemente apresentar alguma coisa para o Governo do Estado, sob o risco de perder verbas que conquistou do programa “Movimento Paulista de Segurança no Trânsito – Vida Dê Preferência”. Parabéns secretário Marcio Marino, o senhor se superou mais uma vez.

Sinalização

São Carlos foi destaque dias atrás em rede nacional graças a uma bela sinalização de Rare em uma rua toda esburacada na Santa Felícia. É Rare mesmo, vocês não leram errado, na verdade deveria ser Pare, mas...

Sinalização II

Procuramos ter alguns detalhes do ocorrido. Bom o primeiro deles é que como as placas com as formas das letras são pesadas e a equipe está se deslocando em uma Kombi e não em uma caminhonete, ao invés de levarem quatro formas com as letras P A R E, eles levam três P A R. Na hora de pintar só cortam a perninha do R que vira P.

Sinalização III

No dia que a equipe estava pintando a referida rua, o povão ficou bravo e com razão, a Prefeitura manda sinalizar uma rua repleta de buracos. Com a chiadeira a equipe pintou rapidamente e nem percebeu a gafe.

Ainda sobre ela

Ainda sobra a sinalização, ficamos sabendo também que a Secretaria de Trânsito só está atendendo pedidos de vereadores e candidatos a vereadores da base aliada ao prefeito. NaLá na Santa Felícia a “arte” do Rare foi a pedido de um vereador.

Radar

O radar que foi instalado na subida da avenida Otto Werner Rosel na região do Jardim Ipanema não está funcionando. Álias nem deveria né. Não entendemos a razão de instalar um radar em uma subida, longe de casas e ao lado de uma mata. Mas enfim, a secretaria responsável está cheio de técnicos...

Alerta, alerta

Um internauta do SCDN atento a tudo o que é publicado, viu uma matéria divulgada pela assessoria do candidato Altomani onde cita que ele e seu vice Claudio Di Salvo, estiveram participando da distribuição de doações de hortifrutis aos moradores cadastrados no Projeto Banco de Alimentos no São Carlos VIII. A pergunta do internauta: “Candidato conversa com eleitores e faz doação aos mesmos??? Pode isso arnaldo?”. Pois é, pode isso Justiça Eleitoral? (Para ver a matéria clique aqui)

Até semana que vem

Bom pessoal, devido ao feriado de 7 de setembro, talvez só retornaremos com a coluna na sexta que vem. Fale com a gente: Este endereço de email está sendo protegido de spambots. Você precisa do JavaScript ativado para vê-lo.

 

 



Adicionar comentário

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do Portal SCDN. Se achar algo que viole as regras de uso, denuncie.


Código de segurança
Atualizar codigo