Nesta sexta-feira (17/11), os radares móveis estarão nas seguintes vias: 

RADAR 1 – Av. Morumbi (Centro/Bairro) velocidade máxima permitida de 50 km/h; 

RADAR 2 – Av.Dr. Heitor José Realli (Rodovia/Bairro) velocidade máxima permitida de 60 km/h; 

RADAR 3 - Av.Dr. Heitor José Realli (Bairro/Rodovia) velocidade máxima permitida de 60 km/h.

A Câmara de São Carlos realizou na quinta-feira, uma audiência pública para discutir a implantação de agência reguladora de saneamento na cidade. O que despertou muita atenção é que este fato foi pouco divulgado. O Sindspam, por exemplo, foi avisado apenas na data do evento, mas o que pode estar por trás disso?

Regulação

A gente sabe que uma agência reguladora tem inúmeras funções. Uma delas é fazer com que haja mais de um reajuste na conta de água por ano. Com os aumentos sucessivos da energia elétrica, a medida traria um alívio às finanças públicas, em especial as do SAAE.

Exemplo

Em Piracicaba, há uma agência: A Agência Reguladora dos Serviços de Saneamento das Bacias dos Rios Piracicaba, Capivari e Jundiaí (Ares-PCJ). Ela autorizou, inclusive, um segundo reajuste nas contas em 2015.

Exemplo II

Mas a Justiça concedeu liminar que suspende o reajuste de 14,9% nas tarifas de água e esgoto em Piracicaba. O aumento começou a vigorar em agosto e viria na fatura dos consumidores em setembro. Esse seria o segundo reajuste na conta em 2015.

Aqui

Em São Carlos, uma agência reguladora teria esta função, mas existe um outro lado da história que é muito bom o cidadão saber.

Privatização

Uma agência reguladora se faz necessária no processo de privatização. Ou seja: se quiserem privatizar o SAAE, terão de ter uma agência reguladora. A pergunta é: será que a falta de divulgação dessa agência reguladora não tem como viés aprovar um projeto de criação da agência para, depois, privatizarem o SAAE? Por que a Câmara não fez uma ampla divulgação deste assunto? Será que a Mesa Diretora quis esconder ou dar pouca divulgação a este assunto? Por que?

Porém...

A coluna recebeu informações que essa audiência ocorreu assim em toque de caixa, porque apenas na terça-feira os representantes da Arsesp (Agência Reguladora de Saneamento e Energia do Estado de São Paulo), confirmaram disponibilidade de agenda somente para esta quinta-feira.

Porém...II

A outra informação é de que ocorrerão outras duas audiências, ainda este mês, uma delas com representantes da Agência Reguladora dos Serviços de Saneamento das Bacias dos Rios Piracicaba, Capivari e Jundiaí (Ares-PCJ) e outra com representantes da Agência Reguladora de Porto Ferreira.

Porém...III

Há quem garanta que isso é uma estratégia para ganhar tempo, a fim de empurrar a questão para o ano que vem. Aí te pergunto: Qual político vai querer se indispor com a população em ano de eleição. Enfim, vamos aguardar.

Reclamação

Tem vereador que está reclamando do racionamento de água nos gabinetes. A informação é que são servidos apenas dois fardos. Alguns políticos estão soltando fogos pelas ventas por causa do racionamento.

Sugestão

Fica uma sugestão da Ácidas. Por que não compram galões com água e coloquem nos corredores do Legislativo? Outra sugestão é: por que não comprem canequinhas de plástico para os gabinetes. Seria um exemplo de economia.

Mais

Por que não se pegam funcionários para abastecerem os galões do poço da Cica, na Baixada do Mercado? A água de lá é de bastante qualidade. Isso sim seria exemplo de economia.

Informação

A coluna recebeu a informação que os radares fixos da Getúlio Vargas, Tancredo Neves, 15 de Novembro e Avenida Professor Luís Augusto de Oliveira não estão em funcionamento.

Informação II

Segundo se comenta, faltam passar os cabos de energia elétrica e fibra óptica. A coluna procurou a Prefeitura para confirmar a informação, mas ninguém respondeu. Por via das dúvidas, é melhor ter cautela.

Arrastão

Entre 20 e 23 de novembro, a Prefeitura deve promover uma demissão em massa dos cargos que ainda restam na administração. É determinação da Justiça.

Chapéu

A determinação da Justiça é que os cargos de chefe de Divisão sejam ocupados por cargos concursados. Mas a Prefeitura vai querer vender a imagem que estará prestigiando o funcionário de carreira. Isto é mentira. Vão querer fazer sombra com o chapéu alheio. Preste atenção, caro leitor, para não comprar ouro de tolo.

Estão P da Vida

Diversos moradores das do residencial Jardim Araucárias, que foram entregues no mês passado a servidores públicos municipais e munícipes em geral que adquiriram o imóvel através do plano Minha Casa Minha Vida, estão insatisfeitos com as qualidades das casas que foram construídas pela construtora RPS.

Estão P da Vida II

Problemas no acabamento, hidráulica, nivelamento de pisos e das entradas das casas, são as reclamações mais comundos dos moradores.

Estão P da Vida III

Além dos problemas das casas, os futuros moradores ainda enfrentam problemas com a falta de segurança, alguns imóveis já foram arrombados e tiveram objetos furtados, infra-estrutura,  como transporte coletivo, coleta domiciliar de lixo entre outros.

Estão P da Vida IV

Lembrando que essas casas não saíram de graça para os seus moradores. O loteamento foi construído por uma parceria do governo Federal, por meio do Programa Minha Casa Minha Vida, e o governo Municipal. Ao todos são 687 residências, das quais 300 destinadas para os servidores públicos. Os imóveis foram destinados para pessoas com renda de 3 a 6 salários mínimos, e adquiridos por cerca de R$ 87 mil. As casas têm 43,9 m² de construção, dois quartos, sala, cozinha e um banheiro. Todas serão entregues com acabamento interno e espaço para futuras ampliações, devido ao terreno, de 150m².

Estão P da Vida IV

Com a palavra a construtora responsável pelo empreendimento.

Até quarta

Prefiro uma sexta-feira 13 do que uma segunda-feira de qualquer número! (Viviane S. Jorge). Fale conosco: Este endereço de email está sendo protegido de spambots. Você precisa do JavaScript ativado para vê-lo.



Adicionar comentário

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do Portal SCDN. Se achar algo que viole as regras de uso, denuncie.


Código de segurança
Atualizar codigo