Júlio César, que ocupa o cargo de secretário de Planejamento e Gestão, está voltando à Câmara no final do mês, ao que tudo indica. Com isso, Paulo Taú volta à condição de suplente ou ganha um carguinho na administração. Há um movimento nos bastidores para manter Taú como vereador. Até ofereceram o cargo de secretário de Planejamento e Gestão ao vereador Maurício Ortega, que abriria a suplência para o Taú.

Não quero!

Maurício Ortega não quer ser secretário de Planejamento e Gestão, inclusive já disse não. Ortega fica atentado se oferecerem a vaga de secretário de Educação, mas essa, pelo jeito, Altomani não quer promover trocas.

Nesse xadrez...

Diante desse quadro, a polêmica é: onde enfiar o Taú? Alguém tem alguma sugestão?

Pedrisco

Sérgio Rocha foi triturado pela oposição na sessão de ontem. Virou pedrisco. O vereador, que é um contumaz defensor do governo Altomani, foi botar a culpa na oposição pela falta de uniformes escolares.

Bateu...

Segundo Sérgio, as crianças estão sem uniforme porque os vereadores da oposição impediram a compra.

Levou...

Bragatto foi o mais incisivo da turma. Disse que se comprassem uniformes escolares por R$ 9 milhões e meio de reais, tinha gente da administração que ia parar na cadeia. Jesus!

Tratorada

Lineu Navarro também deu uma de esquerda na fuça do vereador. Disse que foram os vereadores da oposição que evitaram "a maracutaia do governo porcaria". Sérgio Rocha murchou. Podia dormir sem essa!

Orientação

Nos corredores da Câmara o comentário é que Sérgio Rocha pegou o script do seu discurso no quarto andar da Prefeitura. Se assim o fez, demonstra ser um vereador sem personalidade, no dito popular: um pau mandado!

Morto

Esse assunto dos uniformes deveria estar morto e enterrado, para o bem do governo Altomani. Fizeram questão de ressuscitar o defunto e tomaram aquela traulitada. A articulação política desse governo é de dar inveja.

Lição

A Câmara de São Carlos dá lição de política à Prefeitura. Os vereadores receberam o Movimento dos Sem Teto, que se comportaram, assistiram à sessão pacificamente e ainda usaram a tribuna livre para expressarem a vontade de uma moradia.

Lição II

Enquanto isso, na sexta-feira passada, os Sem Teto foram hostilizados por guardas municipais - chegaram ao cúmulo de fechar os vidros nos dedos de uma criança. A rua Episcopal foi fechada pela polícia e o prédio cercado. Parecia um cerco a bandidos da mais alta periculosidade.

Solidariedade

O nosso respeito ao repórter Thiago Caporasso, da Rádio Intersom, que foi tratado como um animal por uma assessora de imprensa da Prefeitura na última sexta-feira.

Solidariedade II

Ao verificar a presença do repórter no quarto andar da Prefeitura, durante a muvuca dos Sem Teto, essa moça, desqualificada para o cargo, destratou o profissional e chegou a chamar seguranças para retirá-lo do prédio, como se fosse um bandido.

Solidariedade III

Thiago Caporasso é um moço sério e equilibrado, merece no mínimo desculpas públicas dessa cidadã, que não tem preparo para a função que ocupa e não é digna de citarmos seu nome nesse espaço.

Calou-se

A Secretaria de Comunicação calou-se diante desse fato, como se fosse conivente ao ato da sua funcionária. Isso é triste. Será que a imprensa de São Carlos merece ser tratada como excremento?

Desespero

Depois que o comentarista Juquita, da Rádio Intersom FM, fez um desagravo à atitude da moça, em defesa do seu funcionário, o que merece os nossos cumprimentos, a moça correu à Câmara pedir guarida ao seu apadrinhado.

Pensamento

A adolescência é um período de mudanças rápidas. Entre os 12 e os 17 anos, por exemplo, os pais envelhecem 20 anos. Fale com a gente:Este endereço de email está sendo protegido de spambots. Você precisa do JavaScript ativado para vê-lo.



Adicionar comentário

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do Portal SCDN. Se achar algo que viole as regras de uso, denuncie.


Código de segurança
Atualizar codigo