Av. Trabalhador São-Carlense
(sentido Centro/Bairro)
60 km/h
Av. Trabalhador São-Carlense
(sentido Bairro/Centro)
60 km/h
Rua Joaquim Rodrigues Bravo
(Centro/Bairro)
50 km/h

O colunista tomou umas cervejinhas com um vereador da base aliada do governo Altomani. Ninguém é de ferro. Nem o político e nem o jornalista. A cerveja estava no ponto e a conversa foi produtiva. Esse parlamentar comentou que o atual governo não vê com bons olhos a federalização do Hospital Escola. O que eles querem, mesmo, é a estadualização – querem transformar o HE num Albert Einstein.

Entraves

Nessa conversa, o colunista descobriu que a atual administração não se quer ver refém da Empresa Brasileira de Serviços Hospitalares, que hoje é comandada por José Rubens Rebelatto, ex-reitor da UFSCar, e com ligações umbilicais ao PT. O ex-secretário de Saúde, Arthur Pereira, também está por lá, segundo informações

Sucursal

Segundo o político, o atual governo de São Carlos não quer interferências petistas na gestão do hospital e podem "melar" uma possível federalização do HE. O que os tucanos vão argumentar é que o modelo adotado pela Empresa Brasileira de Serviços Hospitalares é obsoleto, arcaico, falido, entre outros adjetivos. A coluna já escreveu o que  vai acontecer no futuro. É só aguardar os acontecimentos.

Balcão de empregos

Lobbe Neto está especulando nomes e obtendo informações sobre possíveis profissionais que podem assumir a secretaria de Obras Públicas.

Conto de fadas

Reza a lenda que numa cidade que só existe na nossa imaginação, dois velhinhos bem acabadinhos brigavam pelo coração de uma bela jovem. A paixão foi tão fulminante que um deles perdeu o equilíbrio e quase partiu para as vias de fato com a bela jovem. O timoneiro do navio que, tomara, não esteja à deriva, acabou com a farra dos taradinhos e, como um juiz de futebol, aplicou-lhes cartão vermelho. Gente, isso não é real, claro, é apenas um conto de fadas. Não nos levem a sério.

Xô, andarilhos

Celsão Tonelada (Já não tá mais tanto assim), ex-assessor do vereador Ditinho Matheus, está cuidando dos andarilhos da cidade. Vai ter trabalho, mas boa sorte ao amigo, que também está igual político né? Dança conforme a música...

Falando em Ditinho

Ficamos sabendo que o vereador Ditinho (PMDB), estranhou a presença de um jornalista em uma reunião a portas fechadas entre os vereadores que compõem a comissão de educação da Câmara, Marquinho Amaral e dirigentes sindicais do Sindspam.  O motivo do estranhamento eu não sei, ou sei ?

Concurso de miss

Marquinho Amaral vai uma dica da coluna para você. Realize um concurso de beleza aí na Câmara Municipal para escolha da Miss Assessora 2013. Tem vereador caprichando nas nomeações de assessoras. Ô loco meu...

Não justificou

Apuramos que o vereador Rabello (PSDB), que já faltou duas vezes consecutiva das sessões da Câmara Municipal, até a manhã desta sexta (05), não havia justificado suas faltas. O que será que está acontecendo com o nosso folclórico vereador ?

Tudo certo

Edson Fermiano, o popular vai bem (só se for pra ele) ou bagrão ensaboado (segundo Marquinho Amaral) já se acertou com os tucanos. No acordo, consta a presidência da Câmara nos próximos dois anos e o encaixe de alguns simpatizantes do seu mandato no atual governo.

Ameaça e promoção

Um tal de Rick, que trabalha na Secretaria de Agricultura, e que há tempos bateu boca com o repórter Maurício Caporaso, da Intersom, foi promovido a chefe de gabinete. Vai ganhar mais de cinco paus mensais. Será que atrapalhar o trabalho da imprensa gera promoção no atual governo?

Desabafo

Outro dia, no excelente programa de esportes do Tucura, que acontece na Rádio Realidade, o presidente da Liga São-carlense de Futebol, o Flechinha, sentou o reio no secretário de Esportes, Zezão Favoretto.

Desabafo II

Segundo ele, Zezão ficou bravo com o número elevado de equipes que disputam o Amadorzão. Disse que antes das eleições prometeram mundos e fundos aos clubes em troca de votos e hoje ignoram os esportistas. Flecha, que é um dos escudos do Cotrim, confessou que pediu votos ao Altomani e hoje não é correspondido.

Chabu

A coluna recebeu a informação que o secretário de Habitação, Caio Braga, poderá ser responsabilizado criminalmente pelo Ministério Público, caso tenha assinado a liberação do velório de Ocimar Albano, no Centro Comunitário do Jardim Gonzaga.

Maus tratos

Os promotores ambientais entraram de corpo e alma nas duas últimas audiências de maus-tratos no Fórum Criminal. Eles apoiaram o excelente trabalho nos processos realizados pela Divisão de Fiscalização do Departamento de Defesa e Controle Animal da Prefeitura Municipal. Tomara que os juízes se sensibilizem com os esforços do pessoal e apliquem as penas previstas em lei.

Acordo Coletivo

O prefeito Paulo Altomani e alguns da sua equipe, conseguiu "rachar" ainda mais os servidores públicos municipais com essa história de reajuste escalonado. A categoria que fala línguas diferentes desde que me conheço por gente, aprovou o reajuste na assembleia da quinta-feira.

Acordo Coletivo II

Quem teve aumento maior (10%) foi os trabalhadores que recebem os menores salários. Mas os professores que tiveram 7,6% chiaram uma barbaridade. Na assembleia eles foram sufocados por esses servidores mais simples. No final da assembleia, os professores fizeram vários questionamentos para os dirigentes sindicais. Teve até bate boca.

Acordo Coletivo III

Tudo bem que a categoria optou pelo aumento escalonado, já que foi a maioria na assembleia. Mas cá entre nós. A proposta rejeitada que era de aumento para todos os servidores de 8,31% não estava tão ruim assim em comparação (prestem atenção, comparação) com os reajustes que foram dados na gestão do ex-prefeito Barba.

Resultado

Ficamos satisfeitos em vermos a avenida São Carlos no trecho da Praça Itália até a rua Raimundo Corrêa. Cobramos aqui na coluna e o pessoal do trânsito foi lá e sinalizou rapidinho. Parabéns.

Caminhão de nomeações

O Diário Oficial do Município traz nesta sexta-feira (05) inúmeras nomeações para ocupação dos cargos de confiança na Prefeitura e também no SAAE. Tem cada nome lá, meu Deus...

Só para informar

Essa festa Parada das Flores vai custar caro hein gente. Tem ajuda de verbas de vereadores e mais uma subvenção de R$ 175 mil destinado à Associação de Artes de São Carlos – AASC. Interessante que o Ney Vilella, reclama tanto que não tem dinheiro, vai entender...

Garrinchas

Tem alguns cargos de confiança colocando uma placa no carro com o aviso "carro a serviço de tal empresa". Senhores amarelinhos, futuros azulões, verifiquem as placas e se o carros pertencem às referidas empresas,pois existem carros que são particulares e estão usando estas placas irregularmente. Vamos lembrar que João Muller e companhia não era tão espertos assim.

Por falar em Muller...

João Muller vai ganhar o troféu puxa-saco do ano. Nossa, como o moço puxa o saco do ex-prefeito Melo, que é considerado pela coluna o José Nêumanne Pinto de São Carlos.

Ajuda aí

O vereador Dé, que obrigou a instalar pontos nos departamentos, poderia cobrar o espelho de ponto da Prefeitura para verificar quem, de fato, está trabalhando.

Essa é de doer

Qual era a religião do Mussum? A resposta é: Mussum mano! Fale conosco: Este endereço de email está sendo protegido de spambots. Você precisa do JavaScript ativado para vê-lo.



Adicionar comentário

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do Portal SCDN. Se achar algo que viole as regras de uso, denuncie.


Código de segurança
Atualizar codigo