Av. Getúlio Vargas
(sentido Centro/Rodovia)
60 km/h
Av. Getúlio Vargas
(sentido Rodovia/Centro)
60 km/h
Av. Morumbi
(sentido Centro/Bairro)
50 km/h

Finalmente, alguns vereadores se descobriram do manto da mediocridade e assumiram posições durante a sessão da Câmara de ontem. Roselei Françoso (REDE) disse que tem evidências para pedir uma Comissão Processante contra o Prefeito Paulo Altomani. Resta saber se as forças ocultas da Câmara vão impedir avanços do vereador Roselei em seu pedido. Aliás, uma pergunta: pra que santo reza esta força oculta da Câmara?

Absurdos

A sessão estava bem medíocre, é bem verdade. Assim como todos os outros dias, meses e, quem sabe, ano de 2016. Até que surge o vereador Roselei Françoso com mais um caso assombroso deste governo Altomani.

Extrinha?

Enquanto os servidores de carreira sofrem com a mão de ferro da Margaret Tachter da Rua Episcopal, que se nega a pagar horas extras aos servidores de carreira, o Tribunal de Contas do Estado aponta pagamentos para funcionários de confiança e até insalubridade. Como pode uma aberração dessa? Esta é a pergunta que a coluna faz com base na denúncia do vereador Roselei.

Descaso

Esta administração comete um descaso com o dinheiro público. Ainda com base no relato do vereador Roselei, até falta de controle de abastecimento de viaturas esta administração não tem. Além disso, podem existir irregularidades na dispensa de licitação durante a epidemia de dengue.

Pra acabar

Segundo o vereador Roselei Françoso, o Tribunal de Contas é claro. Desde 2015, o prefeito Paulo Altomani tinha conhecimento dos altos valores no caixa da Prefeitura. E agora vem a público dar uma de Madalena arrependida e dizer que não sabia nada dos R$ 375 mil dos 10 cheques. Tudo é muito estranho no reino da Dinamarca.

Pra marcar

Os dois líderes do governo Altomani na Câmara devem ser Dé Alvim e Freire. Ambos defenderam com unhas e dentes o prefeito tucano. Pra confirmar, basta rebuscar os discursos de terça-feira. Dé Alvim chegou até a bater boca com Roselei. O que ambos estão buscando com uma defesa tão ardorosa do governo?

Falando em Dé

Nossa está cada dia mais chato aguentar o vereador usar a Tribuna da Câmara. Além de chato está irritante. Defender o Governo tudo bem, mas puxar o saco da forma que puxa, sem beira nem eira, já é demais.

E deram um jeitinho

Conseguiram politizar ainda mais a CPI dos Cheques. Se já não bastassem as vaidades de alguns vereadores, agora já dizem que um empresário é tucano e outro petista. Só faltava essa agora. Ainda bem que corre em separado um inquérito na Polícia Civil e outro processo no Ministério Público, se não...

Combinação

O empresário Dão da Águia Branca foi bem cristalino em seu depoimento ao citar um episódio envolvendo Paulo Altomani. O empresário disse que foi chamado na pelo prefeito e ouviu claramente. Se quiser fazer serviços para a prefeitura tem que encaixar o Jordão. O engraçado é que a INERTE SECRETARIA DE COMUNICAÇÃO não se comunicou com a imprensa e nem tratou de esclarecer o fato.

Ou seja...

Prevaleceu a verdade do empresário Dão. Aliás, uma pergunta: a SECRETARIA DE COMUNICAÇÃO ainda existe neste governo?

Fato

O vereador Penha (PV) deu um recado. Candidato a vereador que promete obra, está mentindo. O papel do vereador é fiscalizar os atos do Executivo. E ponto final!

Avisamos

Conforme adiantamos na coluna Ácidas da Política da semana passada, o prefeito Paulo Altomani deu a sentença sobre o transporte público na cidade.

Avisamos II

 Nesta quarta-feira o secretário municipal de trânsito e transportes, Marcio Marino, disse em entrevista a Rádio Intersom FM que a Prefeitura Municipal  deu um prazo até o dia 23 de julho para que a empresa Athenas Paulista  encerre suas atividades e deixe de operar o transporte coletivo na cidade.

Avisamos III

Marino informou que a Prefeitura pretende fazer um contrato emergencial por seis meses, para depois promover no final de 2016 a concorrência que deverá contratar uma operadora para o sistema de transporte público.

Avisamos IV

O sindicato que representa os 600 funcionários da Athenas é contra essa decisão da Prefeitura e vê com temeridade essa opção de contratação emergencial. Amador Bandeira que representa a categoria informou que existem decisões judiciais, uma obtida recentemente, que penhoram parte do repasse feito para a empresa com o objetivo de quitar pendências. 

Até sexta-feira

Política é como nuvem. Você olha e ela esta de um jeito. Olha de novo e ela já mudou. (Magalhães Pinto). Fale conosco: Este endereço de email está sendo protegido de spambots. Você precisa do JavaScript ativado para vê-lo.



Adicionar comentário

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do Portal SCDN. Se achar algo que viole as regras de uso, denuncie.


Código de segurança
Atualizar codigo