Rua Cel. José Augusto de Oliveira Salles
(sentido Centro/Bairro)
50 km/h
Rua Cel. José Augusto de Oliveira Salles
(sentido Bairro/Centro)
50 km/h
Av. Morumbi
(sentido Centro/Bairro)
50 km/h

A Fundação Educacional São Carlos (Fesc) já foi o orgulho das administrações públicas. Infelizmente, na gestão Paulo Altomani, os projetos foram guardados em gavetas esquecidas em armários de arquivo morto. A tal piscina é lenda. A Universidade Aberta da Terceira Idade (UATI) e os programas de qualificação do servidor público, nem se fala. Os diálogos envolvendo três servidoras de confiança da unidade só escancaram aquilo que várias pessoas já disseram no espaço da Ácidas, do total descaso da atual gestão com a Fundação, mas é preciso ir mais além.

Prudente

A atual administração foi prudente em demitir as servidoras. Se não o fizessem, a gestão tucana sofreria mais um desgaste, entre tantos que já foram enumerados por diversas vezes, porém o caso não está totalmente esclarecido.

Favorecimento

Algumas pessoas chateadas com o atual governo falam cobras e lagartos da gestão da Fesc. Falam de notas, falam de viagens, falam barbaridades... Se a Câmara tem a capacidade de pedir tantas CPIs inúteis, como a do Uniforme, a da Carne e do Pão e a da Dengue, está na hora fazer de abrir uma CPI para investigar algo bem sério. As contas da Fundação Educacional.

Conversa

Antes de exonerar Adriana Zabotto, Paulo Altomani, segundo informações de gente do Paço, teve uma conversa com a diretora da Fesc. Explicou a situação das denúncias, as consequências, e teria prometido a reinserção no governo, em outro posto.

Caça

Nos bastidores, já se sabe quem foi a autora da gravação. Ela, inclusive, foi exonerada do cargo. A coluna teve acesso à gravação, que mostra a conversa, ao fundo, ao que parece, seria uma festa ou barzinho.

Comentário

Ainda sobre a Fesc, o comentário é que duas das exonerações seriam revistas. Naiara e Célia poderiam ser recontratadas. Vamos aguardar o Diário Oficial de sexta-feira.

Cúmulo no túmulo

Uma ouvinte mandou a seguinte mensagem ao nosso companheiro Carlinhos Lima.  Segundo a pessoa, faltava cimento para fechar a tampa do túmulo. Ela estava muito preocupada a possibilidade de entrar água no caixão.

Cheiro

Segundo essa pessoa, o cemitério estava com cheiro de carniça no domingo. Ela suspeita da falta de cimento para fechar outros túmulos. Isso não é o cúmulo? Além do mais, quem dá uma voltinha no interior do cemitério nota vários focos de dengue. Cadê o Talarico?

Cantou a bola

O vereador Marquinho Amaral cantou a bola. O Serviço Autônomo de Água e Esgoto (SAAE) contratou uma empresa envolvida no escândalo da Operação Lava Jato. O contrato foi divulgado no dia 23 de outubro, pelo Diário Oficial. Serão pagos R$ 3,5 milhões para a elaboração do Projeto Executivo, Acompanhamento Técnico e Gerenciamento das Obras de Ampliação da ETE (Estação de Tratamento de Esgoto) Monjolinho. Se bem que o contrato não foi assinado.

Claro

Que fique claro. Ninguém está levantando suspeita de falcatrua neste contrato. Só registrando o acontecimento.

Junto, muito junto!

A votação de ontem de uma subvenção de R$ 300 mil para o São Carlos Music Festival foi bastante polêmica. Os vereadores criticaram bastante a destinação de recursos para um evento festivo, enquanto a cidade sofre mazelas como falta de remédios e fraldas, segundo os discursos ouvidos ontem no parlamento.

Conclusão

A votação do projeto ficou empatada em 10 a 10. O voto de minerva foi do presidente da Casa, Lucão Fernandes, que foi favorável ao projeto. Lucão é uma peça da engrenagem chamada PMDB. O partido está com o governo, isto ficou claro na votação de ontem.

Conclusão II

Outra conclusão que dá para se tirar é que o vereador Edson Fermiano (PR) está bem afinado com o governo Altomani, tamanha a sua defesa pela legalidade do projeto.

Até sexta-feira

Não existe democracia onde impera a corrupção, a injustiça, a mentira e a hipocrisia.(Mauro Roberto). Fale conosco: Este endereço de email está sendo protegido de spambots. Você precisa do JavaScript ativado para vê-lo.



Adicionar comentário

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do Portal SCDN. Se achar algo que viole as regras de uso, denuncie.


Código de segurança
Atualizar codigo