Av. Trabalhador São-Carlense
(sentido Centro/Bairro)
60 km/h
Av. Trabalhador São-Carlense
(sentido Bairro/Centro)
60 km/h
Rua Joaquim Rodrigues Bravo
(Centro/Bairro)
50 km/h

A greve dos servidores públicos municipais está longe do fim das polêmicas. A última delas envolve um caso de perseguição. O fiscal ambiental Wilson Moreira Júnior, que trabalhava na Coordenadoria do Meio Ambiente, foi transferido para trabalhar na Administração Regional do Distrito de Água Vermelha. Wilson, que é servidor público concursado para a função de fiscal ambiental há quatro anos, iniciou os trabalhos no Distrito no último dia 2 de junho, onde está realizando serviços fora de suas funções, como atender telefone e a população que se dirige até a sede da Administração Regional.

Atenção

O que chama atenção é que atualmente existe no quadro de servidores da Prefeitura Municipal, apenas dois fiscais ambientais, um deles é o fiscal Wilson que estava lotado na Coordenadoria do Meio Ambiente, o segundo fiscal está lotado na Secretaria da Habitação. Mesmo com a escassez de fiscais, a Administração transferiu um servidor para atender telefone em Água Vermelha.

Precariedade

O Sindspam foi ao local de trabalho de Wilson e verificou que, além de desvio de função, o local não dispõe de equipamentos básicos de trabalho. O computador não funciona, os três veículos da Administração Regional (uma Saveiro, uma caminhonete cabine dupla e um caminhão) estão quebrados. O fiscal Wilson, que antes da transferência era responsável por fiscalizar despejo irregular de entulho, cortes irregulares de árvores e fogo em terreno, atualmente está servindo em uma pequena sala por puro capricho da Administração.

Trama

O ofício que pediu a transferência de um servidor para o Distrito de Água Vermelha foi encaminhado em 21 de Maio pelo Administrador Regional do Distrito, Jomair Aparecido Bueno ao Secretário Municipal de Planejamento e Gestão, Alfredo Colenci Júnior. O ofício do Administrador solicitava um "fiscal limpal", função esta inexistente no quadro de servidores. Esse mesmo documento foi rasurado e onde estava escrito "limpal", alguém escreveu "ambiental".

Rapidinho

No mesmo dia 21, Colenci Júnior, encaminhou ofício ao Coordenador do Meio Ambiente, Paulo Taú, solicitando a indicação de um servidor municipal na função de fiscal ambiental, para que fosse transferido para Água Vermelha. A justificativa da Secretaria de Planejamento era que este servidor deveria manter os serviços de qualidade na Administração Regional do Distrito, como emissões de documentos, atendimento de telefones e da população, tramitação de processos e vistorias "in loco".

Sem dó

Na vistoria realizada pelos diretores do Sindspam na quarta-feira, foi constatado que a sede da Administração Regional de Água Vermelha, sequer existe um computador ou uma máquina de escrever para "emitir documentos". Existe sim o gabinete de computador e um monitor, mas os mesmos não funcionam.  A mesa onde o fiscal está trabalhando, sequer tem telefone, somente a mesa do Administrador possui um aparelho. Em relação a vistorias "in loco", foi constatado que tal serviço não pode ser realizado, pois os veículos oficiais estão quebrados. Os diretores do sindicato permaneceram na Administração por cerca de uma hora e neste período, o fiscal atendeu apenas dois munícipes, um deles solicitando o agendando de horário para uso de uma quadra de esportes.

Resultado

O Sindspam está em cima do caso, pois entende que a transferência é um caso flagrante de desvio de função, além de assédio moral e improbidade administrativa.

Essa ninguém revela

Dos deputados e senadores da atual legislatura, pelo menos 121 receberam dinheiro oficialmente como doação de campanha de empresas investigadas pela operação Lava-Jato, da Polícia Federal, segundo levantamento da Revista Veja. Segundo a publicação, 96 dos parlamentares da Câmara e 25 do Senado estão na lista de beneficiados por repasses feitos por fornecedores da Petrobras. As doações foram feitas como manda o figurino, e não há até o momento qualquer suspeita sobre quem recebeu o dinheiro.

Ele recebeu

A lista é bem extensa.  Envolve políticos do PT, PSDB e demais partidos políticos. Os fornecedores da Petrobras agora investigados doaram, oficialmente, 856 milhões de reais a partidos e candidatos entre 2006 e 2012.

Engrossando

Entre os parlamentares em atuação no Congresso, o PT desponta com  R$ 12,6 milhões de reais recebidos, seguido por PP (R$ 4,4 milhões) e PMDB (R$ 2,6 milhões). Parlamentares da oposição, como DEM e PSDB, também foram beneficiados com R$$ 2,1 milhões de reais e R$ 2 milhões, respectivamente. O deputado federal Newton Lima, de São Carlos, recebeu R$ 100 mil.

Bastidores

Nos corredores da política, a torcida no PT é para que o pré-candidato a deputado estadual, Dé Alvim, seja eleito deputado estadual. Assim, quem assumiria a vaga dele era Ademir de Oliveira que, diga-se de passagem, é um político sério.

De fininho

Tem uma escola de esportes disposta a mudar sua sede para Ibaté. É que São Carlos não dá apoio à instituição, segundo o coordenador da entidade.

Rei do camarote

A história do camarote em Santa Eudóxia, para a festa de Milionário e Zé Rico, parece não ter fim. Existem suspeitas que um lobo em pele de cordeiro, que antes cuidava do meio ambiente e hoje está no quinto, está por trás dessa história.

Alguém é tonto?

Recebemos a informação que tem um fiscal que estaria estudando na UFSCar em horário de trabalho. Existe autorização pra isso e prejuízo nos vencimentos?

Correria

A coluna recebeu informações que o prédio do AME na Avenida Sallum não tem o habite-se. As informações dão conta que estão correndo como loucos pra aprovar o habite-se do local, que tem várias irregularidades. Entre elas: janela na divisa, invasão de área do passeio público entre outros.

Aliviada

Um diretor brincalhão teria proposto a alguns fiscais aquela 'aliviada' pra sair esse habite-se. Mas, pelo que consta, nenhum fiscal aceitou fazer tal maracutaia.

Sumida

O Tribunal de Contas do Estado passou pela Prefeitura de São Carlos. Informações dão conta que, assim que o TCE chegou, dona Helena, a secretária de Admimistração, vazou. O duro que a pessoa que ela deixou para substitui-la não conseguiu responder ao Tribunal de Contas do Estado, segundo informações da coluna.

Sumida II

Aliás, essa pessoa foi procurada por agentes do TCE às 16h30 e a mesma já havia encerrado seu expediente, o que é costumeiro nesse horário.

Não acabou

Antes de sair de férias, a secretária teria exonerado na última quinta feira do cargo de chefe de seção, conforme Diário Oficial de sexta passada, uma servidora que tentou mostrar uma ordem errada da secretária, e foi demitida imediatamente aos berros.

E mais

No mesmo dia, ela fez uma alteração na secretaria para poder salvar sua protegida de um monte de irregularidades, inclusive, atraso em documentos a ser entregue ao TCE.

Maldade

Aliás, dizem as más línguas do Paço, que a próxima exoneração patrocinada pela secretária, será a do prefeito, afinal, ela prova a cada dia que quem manda lá é ela. Misericórdia!

Até quarta

"Mulher feia e bode só quem procura é o dono." Fale conosco: Este endereço de email está sendo protegido de spambots. Você precisa do JavaScript ativado para vê-lo.



Adicionar comentário

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do Portal SCDN. Se achar algo que viole as regras de uso, denuncie.


Código de segurança
Atualizar codigo