Av. Bruno Ruggiero Filho
(sentido Bairro/Shopping)
60 km/h
Av. Henrique Gregori
(sentido Bairro/Shopping)
60 km/h
Av. Henrique Gregori
(sentido Shopping/Bairro)
60 km/h

O comentário nos bastidores da Câmara não era outro na tarde de ontem. Lineu Navarro tomou de assalto uma investigação do vereador Roselei Françoso sobre a compra de uniformes escolares e pode prejudicar o PT como um todo. Nos bastidores, existia um acordo para a suspensão da ata de registro de preços. Como não houve compra do material, não houve irregularidade, portanto não há motivo para abrir uma CPI. Mas a história tomou outra direção.

Barra

Lineu Navarro atropelou o trabalho investigativo de Roselei. No dito popular: "entrou depois e foi pra janelinha" ou tentou "bater a carteira do companheiro" e sugeriu a CPI. Foi saraivado pelos  vereadores porque a investigação é do Roselei. Roselei nunca se furtou em abrir uma CPI, desde que houvesse a compra dos uniformes. O pedido de CPI pelo Lineu revoltou a cúpula da Câmara, que não votará as contas de Oswaldo Barba e Newton Lima. E, pelo jeito, o processo vai ficar engavetado por algumas ou várias sessões.

Repercussão

A pesquisa informal lançada pelo São Carlos Dia e Noite "se as eleições fossem hoje em quem você votaria para prefeito de São Carlos" é sucesso. Tem mais de 9 mil votos únicos em uma semana. Isso entusiasmou muita gente, inclusive Marquinho Amaral, que aparece bem cotado.

Comentário

Pessoas ligadas a Marquinho Amaral dizem que a pesquisa entusiasmou tanto o presidente da Câmara que o mesmo entende que Newton Lima, com problemas na lei ficha limpa, pode ficar inelegível e isso abre caminho para a sua candidatura. Porém, há algumas coisas que precisam ser consideradas.

Chico

Querer retaliar o deputado Newton Lima e o ex-prefeito Barba pela proposição da CPI dos Uniformes e não aprovar suas contas na Câmara é não considerar que pau que bate em Chico também pode bater em Francisco.

Francisco

Apesar de ser a grande estrela do PT na cidade, Newton Lima é um dos parlamentares mais atuantes do Congresso.

Chico + Francisco

Sabemos que o deputado jamais se distanciou da política local, acompanha tudo pela imprensa e pela assessoria parlamentar que mantém na cidade, mas querer creditar a ele todas as articulações que ocorrem durante as sessões da Câmara é um pouco de exagero. Até porque à bancada do PT falta união. Será que os motivos para a retaliação virão a público?

Santa Claus

Depois da polêmica dos uniformes, o vereador Roselei Françoso detectou outra situação bastante desconfortável para o governo e refere-se à iluminação de Natal, o projeto Natal Luz. A Câmara aprovou um crédito adicional para o projeto de pouco menos de R$ 200 mil.

Santa Claus II

Fizeram um pregão presencial para que em 4 de dezembro e três empresas participaram do certame: Maria Nicolau EPP, que apresentou o valor de R$ 544,5 mil; Bassi e Rúbio ME (R$ 545 mil) e  Edson Donizete Locações ME (R$ 551 mil).

Santa Claus III

Com uma rapidez jamais vista na administração pública, no dia seguinte já fora definida a vencedora – de R$ 544 mil. o curioso é que a iluminação de natal do Mercadão estava sendo montada antes da licitação. Talvez não tenha nada a ver com esse processo de licitação, né!

Convenhamos

A iluminação da baixada do Mercado está muito bonita. Algo que há anos não víamos em São Carlos. Agora, cabe apurar a que preço essa iluminação ficou tão bela!

Verde ficou vermelho

O vereador Bragatto usou a Tribuna da Câmara para falar sobre a licitação da iluminação do Natal e disse que estará tomando providências para apurar mais essa aberração da Prefeitura.

Ele de novo

E o vereador Freire "de novo", voltou a dar novidade na sessão da Câmara desta terça-feira. Ele provocou de tudo quanto é forma o público presente, fez gestos, ironizou e no final bateu boca com um servidor do SAAE.

Ele de novo II

Pra variar a coisa só não tomou outra proporção porque o "bombeiro" da Câmara o diretor Rodrigo Venâncio tirou o vereador de cena e literalmente falando, o deixou "preso" dentro de sua sala. Do lado de fora os servidores "detonaram" o vereador com várias acusações e palavrões.

Ele de novo III

Freire simplesmente disse ao servidor que não havia pedido o voto dele e que nem precisava do seu voto, ele esnobou o servidor e depois não aguentou o tranco. Mais uma vez ele deixou seus pares numa saia justa danada, pois a sessão foi encerrada abruptamente pelo presidente Marquinho Amaral, que não sabia de fato o que estava acontecendo no corredor da casa.

E não adianta mandar email

O vereador Freire tem por hábito todas as vezes que é citado nesta coluna, enviar email ofendendo um dos colunistas, chamando-o de analfabeto, maldoso, burro e por aí vai. Como criticamos, temos a humildade de sermos criticados também por isso aceitamos tudo de forma pacífica. Mas no episódio de ontem, não tem como o parlamentar negar. Tudo ocorreu na frente de um dos colaboradores da coluna.

Acorda gente

As manifestações que estão ocorrendo nos últimos meses na Câmara Municipal há tempos não eram vistas na sede do Legislativo. O último grande movimento popular  ocorreu na gestão do prefeito Rubinho e ainda assim aquele povo que lá se dirigia era na maioria levada por um político da cidade. Resultado: O pau torava nos corredores da Casa.

Acorda gente II

De lá para cá tudo foi muito calmo, mas agora alguns vereadores estão tirando pessoas do sério e não vai demorar para ocorrer algo nada agradável lá dentro. Nós que estamos do lado de fora já estamos percebendo isso. Presidente Marquinho Amaral, o senhor pediu respeito do público presente com os vereadores, mas alguns deles não estão respeitando essas pessoas. Ontem mesmo ocorreu uma manifestação na sua frente e o senhor nada fez. Bom o recado está dado.

Gafe

Durante a inauguração da árvore de Natal do Mercadão, Paulo Altomani disse que iluminaria toda a Marginal, sem dizer o nome da Avenida. Alfredo Maffei Neto, presidente da Acisc, completou: essa marginal a que o senhor se refere tem nome. É do meu avô, Alfredo Maffei.

Força-tarefa

Nos últimos dias, a Câmara de São Carlos tem feito uma enorme força-tarefa para brecar a CPI dos Uniformes. O mais difícil é convencer a tropa de choque do governo, que quer por que quer homologar o processo de compra dos produtos, no valor de R$ 9,5 milhões.

E a audiência do trânsito?

Estamos ansiosos pela audiência pública que deve ser marcada pela Comissão de Transportes da Câmara, que ainda não definiu uma data por 'ciuminho' de vereadores.

Número 1

Um atento observador percebeu que na Secretaria de Trânsito, o número 1, o secretário Higashi, nunca fala com a imprensa, quem o representa é o número 2, o 'grande' diretor Mateus Araújo.

Número 2

O observador lembra que Higashi estava convidado para audiência pública na Câmara, mas deu uma desculpa qualquer para remarcar a data. Será que o japonês não gosta de falar? É timidez ou humildade?

Número X

No início da atual gestão o prefeito Altomani deu a explicação: disse que o japonês é o ninja dos pensamentos, que ele pensa tão rápido que sua fala não acompanha o raciocínio. Que coisa!

Smurfs

De Capital Nacional da Tecnologia à terra dos smurfs. Agora, a Prefeitura pintou os vasos do Calçadão de azuis.

Sem parar

O prefeito Paulo Altomani foi vaiado duas vezes no Chorando sem Parar neste domingo (8). Primeiro, às 13h30, quando foi na abertura das apresentações de domingo e depois às 19h. Detalhe: para 19h, ele convocou todo o secretariado que estava na praça, mas mesmo assim não conseguiu abafar as vaias.

Bucha

Conselho de Transporte vai se reunir para discutir aumento da tarifa de ônibus. Prepare mais tensão para esse governo.

Pensamento

Essa vai para o secretário mais dissimulado de São Carlos:  "Algumas pessoas têm uma  presença maravilhosa, outras uma maravilhosa ausência". Corram, pois as carapuças são poucas: Fale com a gente: Este endereço de email está sendo protegido de spambots. Você precisa do JavaScript ativado para vê-lo.



Adicionar comentário

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do Portal SCDN. Se achar algo que viole as regras de uso, denuncie.


Código de segurança
Atualizar codigo