Av. Comendador Alfredo Maffei
(sentido Bairro/Centro)
60 km/h
Av. Comendador Alfredo Maffei
(sentido Centro/Bairro)
60 km/h
Av. Getúlio Vargas
(sentido Centro/Rodovia)
60 km/h

Impressionante como a Prefeitura tem a capacidade de colocar a culpa nos outros e tirar o seu rabo da reta. Desta vez deixaram o rojão mirado para os fundilhos do simpático vereador Rodson do Carmo. Estamos falando a história estapafúrdia do GPS. A Prefeitura, através da sua intrépida equipe da Secretaria de Comunicação, divulgou que os GPSs custaram R$ 1 mil, enquanto aparelhos semelhantes são achados no mercado por até R$ 250. Depois que o fato ganhou corpo, na mídia e nas redes sociais, correram atrás do prejuízo e viram que foi um equívoco divulgar um preço de R$ 1 mil para um aparelho GPS.

E a corda arrebentou...

Para não admitirem o excesso de falta de competência, os intrépidos comunicadores divulgaram uma nota e deixando a entender que a culpa pelo erro seria do pobre Rodson do Carmo.

Consulta

Outro detalhe que chama a atenção é que a Prefeitura reafirma que a nota de compra dos equipamentos está à disposição para consulta. Tudo bem, mas a Prefeitura, que se julga transparente, poderia divulgar algumas coisas que ficaram soltas no ar. Como ocorreu a compra? Foi através de licitação? Pregão eletrônico? Carta convite? Qual o número do processo de aquisição dos equipamentos?

Consulta II

Nós pedimos na quinta-feira vistas ao processo, afinal a própria nota emitida pela Secretaria de Comunicação, cita que o processo estava a disposição para consulta. Não conseguimos ver o processo na quinta, prometeram para hoje. Vamos aguardar.

Na saúde...

A compra de GPS é bastante importante para orientar o deslocamento dos socorristas do Samu. Entretanto há outras questões muito importantes na saúde. Existem informações de pacientes dando conta da escassez de insulina na rede. É verdade, secretário?

Amadorismo?

Na licitação que visa contratar a empresa que fará a coleta e a análise dos exames laboratoriais há sérios indícios de direcionamento para certas empresas levarem o certame, de R$ 3 milhões, por um  ano. Dentre as exigências dava-se a entender que a empresa que presta o serviço tem de ser de São Carlos. Deu no que deu. Foi contestado por uma empresa de fora e o Tribunal de Contas acatou. Tomara que o cidadão não seja prejudicado.

Por falar nisso...

Quando saiu o Laboratório CDL e foi feito um contrato emergencial com o Maricondi no valor de R$ 700 mil, o vereador Lineu Navarro solicitou informações sobre o procedimento. A Prefeitura alega que tudo foi feito dentro da normalidade.

No domingo

Tem eleição para a escolha do novo presidente do PT. O interessante é ler algumas propostas de algumas chapas, que até hoje lutam para descobrir o que aconteceu para perderem a eleição passada para Altomani.

No esporte

Ratti não deve assumir a secretaria de Esportes. Ficará no cargo de diretor de Fomento ao Lazer. Maurren Higa Maggi, a campeã olímpica do salto em distância, ganha força como futura secretária da pasta

Kombi

Cheira mal pra caramba essa história do suposto funcionário que abandonou a Kombi na SP-215. A pergunta é: por que esse funcionário não apareceu em público para se justificar sobre o caso? 

Licença

A licença médica do vereador Paraná vence na próxima semana e a Câmara fará uma espécie de manobra para o surgimento relâmpago do vereador para que o mesmo não entre em licença pelo INSS. O que achamos difícil pois recebemos uma informação nesta semana que o vereador teve uma piora no seu estado de saúde.  O problema disso tudo é que a Justiça Eleitoral já acendeu o sinal de alerta quanto ao fato e pode questionar o Legislativo. Lembrando que Talarico é o suplente de Paraná.

Justiça

Na coluna da quarta-feira citamos que os caminhões do SAAE teriam participado do desfile de 4 de Novembro, enquanto faltava água em alguns bairros da cidade. Erramos feio, pois os caminhões não desfilaram. Tomamos uma jantada do administrador do portal pelo erro. Queremos aqui nos desculpar pela falha cometida.

Mas...

Falando em SAAE, essa semana recebemos mais notícias tristes daquela autarquia, uma delas é de que um servidor de carreira que sabe tudo do SAAE (e que ganha uma fortuna também), estaria encostado em uma sala por problemas políticos e que uma jovem ocupando cargo de confiança, recebendo um polpudo salário, estaria servindo como uma mensageira de luxo. Salário altíssimo para ficar levando processo de uma sala para outra.

Mas...II

A fonte citou outros exemplos estarrecedores, por isso a moral do servidor de carreira do SAAE (que em tempos atrás estava lá em cima), está tão para baixo. Lamentável. Enquanto tem uns "par de tijolos" que nada entendem estão lá dentro, aqui fora a população não para de reclamar.

Pensamento

Esse pensamento vai em homenagem a Edson Fermiano, que parou de beber: bebo porque sou egoísta,gosto que o mundo gire ao meu redor. Fale com a gente: Este endereço de email está sendo protegido de spambots. Você precisa do JavaScript ativado para vê-lo.



Adicionar comentário

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do Portal SCDN. Se achar algo que viole as regras de uso, denuncie.


Código de segurança
Atualizar codigo